Homenagem

Faz dentro de dias, 13 anos que um grupo de jovens talentosos que tinham acabado de conquistar o Brasil e se preparavam para invadir Portugal com concertos por todo o país, nos deixaram.
Estes rapazes nunca esconderam o medo de voar. No seu único CD que tinha o nome da banda, nos agradecimentos fazem uma referencia ao inventor do avião. No dia em que iriam partir para mais um show, o teclista diz em frente às câmaras que tinha sonhado que o avião iria cair... caiu.

Para marcar as vésperas do 13° aniversário da morte destes jovens, deixo-vos com uma das muitas boas musicas humorísticas do seu álbum único. Na minha opinião uma letra fantástica:

Mamonas Assassinas - Uma Arlinda mulher



Te encontrei, toda remelenta e estronchada num bar entregue às bebida,
Te cortei os cabelos do suvaco e as unhas do pé, te chamei de querida,
Te ensinei, todos os auto-reverse da vida e o movimento de translação que faz a Terra girar,
Te falei que era importante competir mas te mato de pancada se você não ganhar!

Você foi agora a coisa mais importante que já me aconteceu neste momento em toda a minha vida,
Um paradoxo do pretérito imperfeito complexo com a Teoria da Relatividade,
Num momento crucial um sábio soube saber que o sabiá sabia assobiar,
E quem amafagafar os mafagafinhos bom amafagafigador será.

Te falei que o pediatra é o doutor responsável pela saúde dos pé,
O 'zoísta' cuida dos zóios e o oculista Deus me livre, nunca vão mexer no meu!
Pois pra mim você é uma besta mitológica com cabelo pixaim parecida com a Medusa,
Eu disse isso p'ra rimar com a soma dos quadrados dos catetos que é igual à porra da hipotenusa.

Eu fundei a Associação Internacional de Proteção às Borboletas do Afeganistão,
Te provei por B mais C que as meninas dos teus zóio não tem menstruação,
Dar um prato de trigo pra dois tigres e ver os bichos brigando é legal que só, (miauuu...)
Pois nos 'tira e põe, deixa ficar' da vida serei sempre seu escravo-de-Jó.

Logo agora que você estava quase entendendo o que eu estou falando, (falando)
A canção está acabando e o Creuzebeck está abaixando ali o volume, (volume)
E você não entende nada mesmo porque quando você estiver em sua casa nesse momento a música vai tá baixinha, (baixinha)
E você não vai entender nada mesmo porque não sei por que eu tô falando esse monte de besteira aqui já que estou...
Porra! Vamo parar com esse papo chato, rapaz! (vamo lá)
Eu já não estou aguentando mais, está doendo minha garganta,
Eu tenho que fazer ali um gargarejo com vinagre, soltei um peido aqui dentro, (caralho!)
Está fedido o ambiente, meus dedos estão dormentes pelo amor de Deus, parem com esta porra!

54 Comentários:

  I.D.Pena

sábado, fevereiro 21, 2009 9:50:00 da manhã

n posso crer, ainda ontem queria dedicar a musica pelados em santos - a um blogguer, só que depois desisti :) ahahah

tb gosto muito de mamonas, infelizmente morreram de uma forma trágica .

Beijos

  provocação

sábado, fevereiro 21, 2009 11:51:00 da manhã

Opá do que me foste lembrar!!! Eu delirava com estes doidos...foi de facto trágico, mas os mitos morrem cedo.... Que calafrio, sonhas numa noite que o avião cai, e no dia a seguir, cai mesmo...já me aconteceu do género, mas lembrei-me do que tinha sonhado e mudei de faixa a tempo...enfim, coisas que nem sempre sabemos explicar muito bem.

  anatcat

sábado, fevereiro 21, 2009 12:29:00 da tarde

:)
neste sábado de manhã...
é sempre tão bom rever-te,
reler-te...
bjs

  Mister.io

sábado, fevereiro 21, 2009 12:42:00 da tarde

Há bem pouco tempo, coloquei um post com essa canção. Para mim, é a melhor deles.
Ab

  Anny

sábado, fevereiro 21, 2009 12:43:00 da tarde

Lembro-me perfeitamente de ouvir essa banda, era sempre uma verdadeira comédia quando se prestava atenção às letras.

Foi pena terem desaparecido de uma forma tão trágica.

  Eu mesma!

sábado, fevereiro 21, 2009 12:49:00 da tarde

bem...
há anos que não ouvia esta musica....

bom fim semana bruno!

  ceptic

sábado, fevereiro 21, 2009 1:26:00 da tarde

13 anos?! já?!
fogo o tempo passa depressa de mais...

  Gravepisser

sábado, fevereiro 21, 2009 1:27:00 da tarde

Sábado de sol
Aluguei um caminhão
Prá levar a galera
Prá comer feijão
Chegando lá
Mas que vergonha
Só tinha maconha
Os maconheiros tava doidão
Querendo o meu feijão


LALALALALALALA..... xD

Grandes marados, foi uma pena morrerem daquela forma.
E há inteligências artificiais lá no Brasil, que afirmam "ter sido deus a levá-los, por causa do cariz das suas músicas"!
E alguém se espanta ainda, com o elevadíssimo nível intelectual da generalidade da povo naquele país? Eu não, já estou por tudo, mesmo, este mundo está perdido e está... ;)

Vira-Vira, Pelados em Santos, Robocop Gay... Hinos inesquecíveis que os imortalizaram e os farão serem recordados para sempre.

  Lipa

sábado, fevereiro 21, 2009 1:29:00 da tarde

Olá! Infelizmente não é pela melhor razão que aqui venho hoje comentar. Queria só avisar que o meu blogue e o meu e-mail foram hackados. Neste momento não consigo aceder a nenhum deles e quem o fez tornou o meu blogue principal privado. Era só para avisar.

Beijinhos!

Salto-Alto

  Pronúncia

sábado, fevereiro 21, 2009 4:18:00 da tarde

Estou chocada!...
13 anos?! Já passaram 13 anos?!

Porra, que estou a ficar velha!
O que eu já me diverti ao som de "Mamonas Assassinas".

Bom fim de semana

  Van

sábado, fevereiro 21, 2009 5:18:00 da tarde

Adorava os mamonas :( fiquei chocada com a morte deles, que contibuiu para o meu medo de andar de avião...

  Van

sábado, fevereiro 21, 2009 5:19:00 da tarde

Bolas e agora fiquei chocada com a cena da salto-alto :S

  Mel

sábado, fevereiro 21, 2009 6:20:00 da tarde

Conheço, gosto e lamentei muito.

  NunoSioux

sábado, fevereiro 21, 2009 6:49:00 da tarde

Tinham realmente um potencial enorme...
É incrível como todas as musicas do seu álbum eram decoradas por toda a gente!

Um disco em forma de single!!

Abraço

  Ana

sábado, fevereiro 21, 2009 7:07:00 da tarde

Ao contrário do que li nos outros comentários, eu tinha a ideia de que tinha sido há muito mais tempo... talvez porque as musicas dos Mamonas fizeram parte de uma época muito boa e louca e na minha vida... e parece-me que já foi há séculos!!

Agora bateu a saudade..:-))

  Nana

domingo, fevereiro 22, 2009 12:49:00 da manhã

Hiiiiii as mamonas assassinas brutal!!! Mina, seus cabelo é da hora, seu corpão violão, meu docinho de coco, tá me deixando louco... lalalalalalalala gosto gosto gosto

  afectado

domingo, fevereiro 22, 2009 1:50:00 da manhã

eu era tolo por eles. ainda tenho algures na minha casa uma K7 deles. lembro-me de quando ouvi a noticia da queda do avião e consequente morte ter ficado triste (puto pá!) com isso.

enfim, gostava de saber como teria evoluído a carreira deles se não tivessem tido o acidente fatal...

  São

domingo, fevereiro 22, 2009 5:10:00 da manhã

Já foi há treze anos! lembro-me bem deste grupo, do acidente e do facto um dos elementos do grupo ter sonhado com a queda do avião.
Há acontecimentos bem estranhos, para os quais ainda não temos explicações, há alguns meses um estagiário que trabalhava comigo, contou-me que teve um acidente de carro e que na noite anterior a namorada tinha sonhado com isso.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:39:00 da manhã

I.D.Pena disse...

"n posso crer, ainda ontem queria dedicar a musica pelados em santos - a um blogguer, só que depois desisti :) ahahah"

Eu, estava aqui e deu-me vontade de os ouvir, até que vi o tributo à sua morte do Youtube e vi que faz 13 anos dia 1 do próximo mês.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:39:00 da manhã

provocação disse...

"Que calafrio, sonhas numa noite que o avião cai, e no dia a seguir, cai mesmo...já me aconteceu do género, mas lembrei-me do que tinha sonhado e mudei de faixa a tempo...enfim, coisas que nem sempre sabemos explicar muito bem."

Nunca tive um sonho de véspera, mas em todos os acidentes que tive, tinha sempre dias antes um sonho recorrente de ter caído de carro num precipício, ou de ficar sem travões e sem reacção ao volante. Hoje se sonho com algo assim (coisa que não acontece há 7 anos), vou para o trabalho de taxi ou de metro :D

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:40:00 da manhã

anatcat disse...

"neste sábado de manhã...
é sempre tão bom rever-te,
reler-te..."

Acordaste muito cor-de-rosa :)

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:40:00 da manhã

Mister.io disse...

"Há bem pouco tempo, coloquei um post com essa canção. Para mim, é a melhor deles."

Foi difícil escolher uma.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:41:00 da manhã

Anny disse...

"Foi pena terem desaparecido de uma forma tão trágica."

É interessante ver que todos os que morrem jovens e de forma trágica, parece que o sabem. Quando nao é por suicidio, de alguma maneira sabem-no.

O Jim Morrison, dizia beber uma cerveja ao acordar porque poderia ser a sua última, numa alusão de achava que iria morrer enquanto acordado e não a dormir.

James Dean e o seu lema, "live fast, die young and leave a beautiful body". Na verdade morreu num acidente em excesso de velocidade.

Entre muitos outros.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:41:00 da manhã

Eu mesma! disse...

"há anos que não ouvia esta musica..."

E eu. Já desde os meus últimos anos de adolescência.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:42:00 da manhã

ceptic disse...

"13 anos?! já?!
fogo o tempo passa depressa de mais..."

É verdade, parece que ainda ontem comprei este CD.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:42:00 da manhã

Gravepisser disse...

"E há inteligências artificiais lá no Brasil, que afirmam "ter sido deus a levá-los, por causa do cariz das suas músicas"!"

Parece que levam tudo para o lado religioso, evitando enfrentar os seus problemas.

"Vira-Vira, Pelados em Santos, Robocop Gay... Hinos inesquecíveis que os imortalizaram e os farão serem recordados para sempre."

E a "Lá vem o Alemão".

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:42:00 da manhã

Lipa disse...

"Queria só avisar que o meu blogue e o meu e-mail foram hackados. Neste momento não consigo aceder a nenhum deles e quem o fez tornou o meu blogue principal privado. Era só para avisar."

Eu reparei ontem e achei muito estranho.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:43:00 da manhã

Pronúncia disse...

"Porra, que estou a ficar velha!
O que eu já me diverti ao som de "Mamonas Assassinas"."

Tu e eu :)

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:43:00 da manhã

Van disse...

"Adorava os mamonas :( fiquei chocada com a morte deles, que contibuiu para o meu medo de andar de avião..."

Continua a ser mais seguro que andar de carro.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:44:00 da manhã

Mel disse...

"Conheço, gosto e lamentei muito."

Acho que acima dos 25-26 todos conhecem :)

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:44:00 da manhã

NunoSioux disse...

"Tinham realmente um potencial enorme...
É incrível como todas as musicas do seu álbum eram decoradas por toda a gente!"

Sim, o inlay do CD era fotocopiado e distribuído como se fosse o hino nacional da mocidade portuguesa nos tempos fascistas.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:45:00 da manhã

Ana disse...

"Ao contrário do que li nos outros comentários, eu tinha a ideia de que tinha sido há muito mais tempo... talvez porque as musicas dos Mamonas fizeram parte de uma época muito boa e louca e na minha vida... e parece-me que já foi há séculos!!"

Eu não imaginava ter sido há tanto tempo, mas depois de saber que eram 13 anos e me lembrar da minha vida na altura, aí sim, parecem-me séculos.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:46:00 da manhã

Nana disse...

"Hiiiiii as mamonas assassinas brutal!!! Mina, seus cabelo é da hora, seu corpão violão, meu docinho de coco, tá me deixando louco... lalalalalalalala gosto gosto gosto"

Você é meu xuxuzinho... musiqui iz veri gudeeeee...

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:46:00 da manhã

afectado disse...

"eu era tolo por eles. ainda tenho algures na minha casa uma K7 deles. lembro-me de quando ouvi a noticia da queda do avião e consequente morte ter ficado triste (puto pá!) com isso."

Eu também. Lembro-me de dias antes o Herman José anunciar que seriam os convidados da semana seguinte. Pois eles tinham datas marcadas em Portugal poucos dias depois da sua morte.

"enfim, gostava de saber como teria evoluído a carreira deles se não tivessem tido o acidente fatal..."

Pessoalmente e por ter tocado já em bandas, poderia acabar cedo. Eles estavam a dar entre 1 a 4 concertos por dia, 7 dias por semana. Mesmo entre amigo, criam-se pressões e problemas. Acho que exageravam.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 6:47:00 da manhã

São disse...

"Já foi há treze anos! lembro-me bem deste grupo, do acidente e do facto um dos elementos do grupo ter sonhado com a queda do avião.
Há acontecimentos bem estranhos, para os quais ainda não temos explicações, há alguns meses um estagiário que trabalhava comigo, contou-me que teve um acidente de carro e que na noite anterior a namorada tinha sonhado com isso."

Os sonhos é sem dúvida um grande mistério, acho que mais importante do que gastar milhões a investigar sobre de onde viemos, deveríamos estudar, quem somos.

  Mel

domingo, fevereiro 22, 2009 12:56:00 da tarde

"Acho que acima dos 25-26 todos conhecem :)"


Eu tenho 20 e conheço...

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 1:01:00 da tarde

Mel disse...

"Eu tenho 20 e conheço..."

Ouvias Mamonas Assassinas com 7 anos?
Ou falta-te uns 9 nesses 20?

:D

  Van

domingo, fevereiro 22, 2009 1:18:00 da tarde

Os sonhos são, sem dúvida, um grande mistério. Ou não... :D sempre achei que eram o reflexo de nós mesmos. Dos nossos medos e dos nossos desejos. Que o nosso corpo e o nosso cérebro nos avisam de algo através dos sonhos. Que os sonhos, somos nós, vistos de outra perspectiva. E sempre achei que tentar compreender os sonhos é a melhor forma de nos entendermos a nós mesmos.

Não acredito muito em sonhos proféticos...acredito antes em sonhar que se tem medo de algo porque a probabilidade de isso acontecer é elevada. Também sonhei que o meu avião ia cair, quando fui a londres...

Também tenho muito esses sonhos recorrentes de estar ao volante e ficar sem reacção, ou de os travões deixarem de funcionar. Já caí de um precipicio, também. Mas nunca tive um acidente sério de carro (só me espetei uma vez contra um rail ahahah, mas nem devia ter pegado no carro porque estava com uma fúria assassina).

Sonhar com algo que acontece depois, ou mais tarde, não me parece profético. Parece-me coincidência.

Também me acontece muito enviar uma mensagem ao mesmo tempo que recebo outra (geralmente é com a minha mãe): a minha a perguntar algo e eu a dar a resposta. Mas isso, é uma questão de perspicácia e empatia.

Aliás, a verdadeira telapatia é a empatia.

  Mel

domingo, fevereiro 22, 2009 1:19:00 da tarde

Bruno, xiu...

  vita

domingo, fevereiro 22, 2009 3:57:00 da tarde

Pois, essa banda traz-me recordações tão boas.;)

Ai ai que me foste lembrar Buno Manuel.;P

Sem dúvida um boa homenagem:)

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 11:45:00 da tarde

Van disse...

"sempre achei que eram o reflexo de nós mesmos. Dos nossos medos e dos nossos desejos. Que o nosso corpo e o nosso cérebro nos avisam de algo através dos sonhos. Que os sonhos, somos nós, vistos de outra perspectiva. E sempre achei que tentar compreender os sonhos é a melhor forma de nos entendermos a nós mesmos."

Sim, mas são tudo suposições. Os peritos analisam os sonhos de forma inversa ao sonhado. Sonhar que se caí é sinal de uma subida na vida, mas no caso deles caíram mesmo. Ou seja, não percebemos um cu disto.

"Sonhar com algo que acontece depois, ou mais tarde, não me parece profético. Parece-me coincidência."

Eu chamar-lhe-ia predisposicao, karma.

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 11:45:00 da tarde

Mel disse...

:D

  Bruno Fehr

domingo, fevereiro 22, 2009 11:45:00 da tarde

vita disse...

"Pois, essa banda traz-me recordações tão boas.;)"

Sexo?

  vita

segunda-feira, fevereiro 23, 2009 1:32:00 da manhã

Não só mas também Bruno.;P

(Provoca, eu estou a tentar não falar do "coiso" e tu tungas.;)

  Bruno Fehr

segunda-feira, fevereiro 23, 2009 4:43:00 da manhã

vita disse...

"Não só mas também Bruno.;P

(Provoca, eu estou a tentar não falar do "coiso" e tu tungas.;)"

Já é vicio :D

  Calíope

segunda-feira, fevereiro 23, 2009 11:53:00 da manhã

O meu irmão ainda guarda o cd deles religiosamente, quase como reliquia!

na altura em que eles faleceram eu era uma pitita afectada mas ja achava um piadão andar com o meu irmão a cantar isto ás esncondidas porque a minha mãe detestava-os lol

deixaram bastantes saudades...

  Bruno Fehr

segunda-feira, fevereiro 23, 2009 11:59:00 da manhã

Calíope disse...

"O meu irmão ainda guarda o cd deles religiosamente, quase como reliquia!"

Eu também. Bem, eu guardo toda a minha colecção de CD's religiosamente :)

  Solita

terça-feira, fevereiro 24, 2009 10:11:00 da manhã

Já passaram 13 anos???


Ai meu Deus, estou mesmo a ficar velha.


Não vou aouvir a musica agora, (chiu, estou no trabalho, não digas a minguém)

hehehehe


jinhos

  Bruno Fehr

quarta-feira, fevereiro 25, 2009 8:58:00 da manhã

Solita disse...

"Já passaram 13 anos???

Ai meu Deus, estou mesmo a ficar velha."

É verdade, és tu e eu :)

  VCosta

quarta-feira, fevereiro 25, 2009 12:25:00 da tarde

O que é bom, é eterno...
Para sempre Mamonas...

  Bruno Fehr

quarta-feira, fevereiro 25, 2009 12:40:00 da tarde

VCosta disse...

"O que é bom, é eterno...
Para sempre Mamonas..."

Mamonas, maminhas e mamocas :)

  Purple_Su

terça-feira, março 03, 2009 12:51:00 da tarde

Acho que nunca me irei esquecer destes rapazes, que adorei desde o primeiro segundo, pela sua irreverência, humor e talento. Parece que os mais talentosos artistas estão quase sempre destinados a uma vida curta...

beijinhos

  Bruno Fehr

quarta-feira, março 04, 2009 1:07:00 da tarde

Purple_Su disse...

"Acho que nunca me irei esquecer destes rapazes, que adorei desde o primeiro segundo, pela sua irreverência, humor e talento. Parece que os mais talentosos artistas estão quase sempre destinados a uma vida curta..."

Os que nao a perdem, tomam-na.

  André

quarta-feira, maio 04, 2011 12:59:00 da tarde

"O Jim Morrison, dizia beber uma cerveja ao acordar porque poderia ser a sua última, numa alusão de achava que iria morrer enquanto acordado e não a dormir."

Não sei se na série Bastidores da Música escreveste sobre os The Doors, mas se não o fizeste parece-me importante que um dia o faças.



No documentário When You're Strange, realizado por Tom DiCillo, narrado por Jonhnny Depp e acompanhado de perto pelos restantes elementos da banda, podemos ouvir o seguinte:


"Jim's deeply affected by the deaths of Hendrix and Joplin. He jokes to friends, 'they're looking at number three'"


‎"Posing for a picture...? Can you imagine? Looking in the camera and really posing...? It's insane. I must have been out of my mind." (dito pelo próprio Jim Morrison)


http://www.youtube.com/watch?v=lBub7Lb_SGM&feature=related

(excerto audio, em que Jim Morrison pára de cantar e diz umas verdades, no famoso concerto em Miami em 1969)


Cumprimentos.