Foda memorável!






O sexo é sem dúvida a melhor solução para todos os problemas. Mesmo que seja uma doença incurável, o sexo ajuda pelo menos menos a esquecer por momentos. Bem... talvez não, no caso da gonorreia, mas também não é uma doença muito comum. A não ser que um gajo acabe na cama com uma mulher medieval. Se tal acto de desespero acontecer, acho a gonorreia um castigo simpático.

Eu acho que dormir é uma perda de tempo. Não se aprende nada e uma gajo quando morrer tem todo o tempo do mundo para dormir. No entanto eu adoro dormir, preciso e quero dormir.
Chegar a casa às 09h, vindos da discoteca, dizer olá à almofada por 2 horas e voltar às férias. É claro que cansa, mas só nos ressentimos quando acabam as férias e começamos o trabalho.

Agora, quando o sexo entra na equação, tudo muda. Dormir mal uma noite, tendo o sexo como culpado, não cansa. Pela manhã estamos frescos, como se tivéssemos dormido uma eternidade. Porquê? Com as calorias gastas, o esforço físico. Deveríamos ficar estafados. No entanto, andamos fresquinhos. À noite estamos novamente cansados, mas aí o sexo volta a fazer o seu efeito "cafeína".


O sexo recarrega baterias e é o melhor substituto do sono. Quais comprimidos de guaraná, ou cafénia, qual Redbull com uma bica dupla e curta. Sexo!
Se queremos dormir o sexo é o melhor remédio. Se queremos ficar acordados, o sexo é o melhor descanso. Se nos queremos relaxar, abstrair, acalmar, sorrir. Se nos queremos sentir vivos.



O sexo ajuda em tudo.


Se o sexo é tão bom e tão vantajoso, qual será o motivo pelo qual o Português complica tanto? O Português quer tanto sexo como qualquer outro ser humano, no entanto complica como ninguém.

É preciso usar todas as nossa energias numa mulher ANTES de haver sexo. Depois o sexo é mau. Porra, só a fase do engate foi desgastante. Isto quando resulta, pois muitas vezes, vai o homem frustrado para casa e vai ela frustrada para casa, pois ambos queriam.

Versão dele: "Fiz tudo humanamente possível e imaginário para a levar para a cama" .


Versão dela: "Ele só falhou porque não se esforçou o suficiente"


O que é o suficiente? O que quer a mulher Portuguesa que um homem faça ou diga, para que ela faça o que realmente quer?

Ela: Só estás comigo pelo sexo.
Ele: É verdade
Ela: Não precisavas de ser tão honesto
Ele: Queres quer minta?
Ela: Não. Oh, tu não percebes. Quero mais.
Ele: Mais sexo?
Ela: Não. Esquece.
Ele: O que aconteceu foi por eu querer e tu quereres.
Ela: Eu sei, mas...
Ele: Mas o quê?
Ela: E se não tivesses de ir? Ficavas?
Ele: Quem não vai, fica. Mas eu vou!

Acho que este é o principal problema. A mulher regra geral continua a ver o sexo como uma prisão. Pensa imediatamente no período pós sexo. Não conseguem aproveitar o momento. Esquecem-se que a tesão que sentiram, foi uma coisa do momento e nada tem a ver com o futuro. É isso que vos inibe.

Quem mora em países quentes são regra geral mais felizes do quem mora em climas frios. O calor contribui positivamente para a felicidade diária. O Português é uma excepção. É dos povos mais tristes da Europa. Na minha opinião, isso deve-se à falta de sexo.

Eu não digo para irem para a cama com toda a gente. Eu digo que se devem libertar e permitirem-se fazer o que realmente querem, quando querem, sem complicar tanto. Para mim é difícil perceber o porquê da mulher Portuguesa ser tão púdica e o homem tão mau na sedução. Vivo num país onde o sexo é livre de preconceitos e as pessoas são mais felizes.

Poderia culpar a mulher por complicar tanto. Por sentir necessidade de representar o papel de púdica, quando na verdade quer sexo. Mas não culpo só a mulher. O homem Português também não diz nada de jeito, Fala, fala, fala, mas não vai directo ao assunto. O homem Português, deixa o sexo insinuado no ar. A mulher percebe, mas insinuar é o papel da mulher, não do homem. A mulher é que deixa insinuações no ar, o homem tem de ser homem, tem de lhe deixar a cabeça a andar à roda, confusa, excitada. Isso não é atingido de uma maneira eficaz. Ao pagar-lhe copo, após copo, na esperança que ela se torne numa féra sexual, depois de alcoolizada, é estar a foder, mas foder dinheiro, nada mais.

Senhoras: O sexo deve ser visto como uma libertação, dos problemas e frustrações. Como uma forma de dar e receber prazer. Como uma coisa agradável. Não como uma prisão, uma maneira de prender a pessoa desejada.

Senhores: O papel delas é complicar e insinuar, o vosso e simplificar. Não falem demais, falem o necessário. O impacto que causaram nela nos primeiros 10 minutos é o que conta e não passar 4 horas, a dar-lhe seca.

Quantas vezes, ele quer, ela quer e nada acontece? Imaginem o desperdício de bons momentos, de excelentes orgasmos. Quem sabe se, já não desperdiçaram a melhor noite das vossas vidas?

Quanto morrermos é isso que devemos levar connosco, experiências, momentos, alegria. Não arrependimento, levar uma vida púdica para impressionar o padre da freguesia.
Ontem nascemos, hoje vivemos, amanhã morremos. O nosso tempo aqui é tão curto, que é uma pena ver-nos a desperdiça-lo, só para impressionar pessoas que se encontram abaixo de nós na escala evolutiva, os púdicos, os mentes fechadas.

Vejam a vida como uma viagem. Querem ou não levar para casa as fotos dos sítios mais bonitos, memórias dos melhores momentos? Então vivam, ou melhor, deixem-se viver.
Quando morrer quero levar comigo as fotos dos meus melhores momentos. O album pode ser um pouco erótico, mas são os meus momentos.

148 Comentários:

  shadows in love

quinta-feira, setembro 13, 2007 10:46:00 da manhã

eheheh... concordo contigo pois eu também sou muito dorminhoca e se não durmo aquelas horinhas tudo funciona mal, mas se não durmo por causa de uma noite de bom sexo no outro dia nem noto... qual cafeina qual quê... viva o sexo...

  Babe

quinta-feira, setembro 13, 2007 11:46:00 da manhã

Concordo.

  VICIO

quinta-feira, setembro 13, 2007 11:52:00 da manhã

muitas vezes perde-se tempo em insinuações como tu dizes á espera dum sinal da mulher quando ela já o deu há muito e passou despercebido!

  Akira

quinta-feira, setembro 13, 2007 11:55:00 da manhã

How can i read this? I am sooooooo curious ;)

Can i translate it online?

  Maya

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:01:00 da tarde

Mais uma vez concordo com o teu texto... E acho k acima de tudo os homens portugueses não estão preparados para uma mulher que saiba realmente o que quer, neste caso apenas sexo, sem pensar em futuro, sem complicações, acham sempre que ha alguma coisa escondida, que estamos a preparar alguma!! A emancipação feminina ainda não é bem vista! E não falo de andar por ai a esfregar a rata na cara de qualquer um!! Apenas da satisfação de uma necessidade...
Bem, tenh dito..

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:17:00 da tarde

shadows in love:

Há vicios bons :)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:19:00 da tarde

Babe:

Acho que é melhor mudar de assunto, para podem discordar...

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:19:00 da tarde

VICIO:

É, porque o único sinal que o homem percebe é se ela disser em voz alta: "fode-me!"

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:21:00 da tarde

Akira:

Sorry girl, this is written in an ancient secret code, there is no translation available online.

You have to keep wondering...

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:22:00 da tarde

Maya:

Prometo mudar de assunto a partir de agora. Isto de tanta gente concordar, está a desviar o meu blogue da discordância que era normal...

  Maya

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:33:00 da tarde

é!! realmente o teu blog passou das caralhadas à profundidade (isto não soa nada bem...) Mas so para que saibas, discordo totalmente da ideia de mudares de temas!!
Pronto, discordei....

  sexy_hot

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:42:00 da tarde

Cheira-me que o padre da freguesia não deve gostar muito mim :D

Excelente texto!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:49:00 da tarde

Maya:

Bem, uma variação saudável, entre o profundo e a insanidade. Desta maneira mantenho o meu equilibrio!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 12:50:00 da tarde

sexy_hot:

Isso nos dias de hoje é motivo de orgulho :)

  Helluah

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:03:00 da tarde

hoje andamos na mesma onda! tu até q a provocaste com os comments q fizeste no meu blog.. ahahaha....
mas sim, claro, concordo contigo e até tenho mais coisas a dizer... já as disse lá na tasca!

tu puseste as coisas nuns termos muito diplomaticos..lol.. eu fui mais à besta!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:15:00 da tarde

Helluah:

As gajas a abordar os assunto à besta, excitam-me :)

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:16:00 da tarde

Pa eu concordo mas há aí um mas que tem de ser explicado crestzinho vais-me desculpar, agora sou eu que vou dizer naaaaaa naaa ni naa na nein:

Não culpes as pessoas culpa a história sff..
Portugal teve anos e anos oprimido quer em termos religiosos quer em termos politicos(medievalismo,guerras santas,inquisição,salazar)!

Esses países livres de preconceitos são países que não tiverem nem metade da opressão e da politica conservadora praticada pelos nossos governantes durante SECULOS E SECULOS E SECULOS!!!!
O facto de sermos quem somos hoje deve-se ao passado! E digo-te uma coisa, para a história infeliz que tivemos, estamos a superar o TRAUMA, MUITO BEM,vejo os portugueses mto menos atados do que há 7 anos atrás...é um processo gradual crest!

  Helluah

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:24:00 da tarde

sabes q eu sou uma bestinha... uma bestinha adorável e querida, mas sempre uma bestinha!!!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:26:00 da tarde

Akira??????

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:32:00 da tarde

ah e tal (c):

"Não culpes as pessoas culpa a história sff..
Portugal teve anos e anos oprimido quer em termos religiosos quer em termos politicos(medievalismo,guerras santas,inquisição,salazar)!"

Desculpa lá Tavinha2, mas isso é desculpa de mau pagador. Exemplos de países com passados escuros e com liberdade sexual?

Alemanha é um país assolado por séculos guerra norte e sul (Saxons vs Niedersaxons), Inquisição, passou pelo fachismo da primeira guerra mundial e o Nazismo da segunda guerra mundial. O país foi totalmente destruido. A Alemanha esteve dividida até recentemente.

Finlândia, um país ocupado e oprimido durante séculos pelo império Austro-Hungaro, invadido e oprimido durante séculos pela Suécia. Torna-se independente e é invadido, perdendo metade do seu território para a Russia. Um país livre à menos de 40 anos.

Russia e todos os países do bloco de leste, passaram por tudo o que Portugal passou, mas Portugal livrou-se do fascismo em 74 e eles livraram-se nos anos 90...

A história, não pode ser culpada pela nossa lenta evolução. A culpa está mesmo em nós. Passámos dos Guerreiros romanticos Lusitanos, para os preguiçosos e púdicos Portugueses.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:33:00 da tarde

crest
esqueci-me de dizer que até as pessoas open-mind neste país, são hipócritas, pois vivem cá e inevitavelmente tem que gramar com uma certa consciência colectiva preocupando-se com o que os outros vão dizer ou pensar, logo há aqui um ciclo vicioso, como eu já te tinha dito há algum tempo.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:34:00 da tarde

Helluah:

E é quando escreves como uma bestinha adorável que me dá vontade de te dar tao-tao!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:37:00 da tarde

fofinho é assim

finlândia,suécia,países nórdicos em geral bebem que nem uns desalmados e as taxas de suicidio são elevadas, os preconceitos não têm lugar em mentes depressivas, querem é sentir-se vivos!Têm de andar constantemente com identificação pois não sabem quando é que vão cair num coma alcoolico "numa valeta perto de si"!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:39:00 da tarde

bolas alguém tem de ter voz nestes comentários!Não é só dizer mal!
eu concordo contigo crest mas porra sabes bem que a cultura do nosso país é mesmo assim, foram anos e anos de história e desta mentalidade que queremos todos superar gradualmente e não de um dia para o outro(és inteligente,sabes que sao processos lentos)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:39:00 da tarde

ah e tal (c):

Que se foda a mentalidade colectiva, se eu me guiasse pela mentalidade colectiva, fodia uma vez por semana e batia punhetas nos restantes dias. Estava neste momento no mesmo bar, com as mesmas pessoas a falar das mesmas merdas. Ia de férias para o Algarve e não para a Grécia. A esta hora já tinha enfiado uma gaja qualquer em minha casa e era um infeliz a brincar aos casados e a contar trocos até ao fim do mês!

Foi por cagar na mentalidade colectiva, que hoje quando vou a Portugal me dizem, "tiveste uma sorte do caralho". Sorte uma merda, simplesmente não aceitei as esmolas dadas em Portugal e a vidinha simples de acordo com o que é socialmente aceite. Que se foda a sociedade e o que ela, aceita.

Cada pessoa é um individuo. Basta um pequeno, grupo saia da caixinha minuscula e todas a gente os irá seguir.

  Inês

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:39:00 da tarde

Comentário ao comentário.
Curiosamente os países referidos não são católicos... será coincidência?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:40:00 da tarde

eu se vivesse num país desses com mto pouco sol o ano todo só me apetecia era beber e foder...

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:42:00 da tarde

eu não estou a discordar contigo não sei se já percebeste!eu estou-te a explicar os mecanismos complexos de uma sociedade que ainda não deu O PASSO!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:42:00 da tarde

ah e tal (c):

Não me lixem os Portugueses andam tesos e são neste momento bem mais deprimidos. Porra até temos uma palávra única no mundo depressiva "Saudade". Eu não vejo depressão na Alemanha. Vou imensas vezes à Finlandia que é um país que adoro e não vejo depressão.

Os Finlandeses sentem-se sós e os suicidios é por estarem sós. Casam muito cedo e há 3 vezes mais mulheres que homens. A solidão é que os leva ao suicido.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:44:00 da tarde

Crest

o superar destes obstáculos é com jeito! quem te diz a ti q eu não faço parte desse grupo???!!!
As estratégias têm é de ser moldadas à essência de cada povo para conseguires exactamente o que queres!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:46:00 da tarde

então pronto vamos enveredar pela conversa sa crise socio-enconomica que eu já tive com o tavinho, que é um dos principais problemas foi num post meu em que ele falou das mulheres trintonas com gatos e eu lhe estava a tentar explicar porquê!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:46:00 da tarde

Portugal tem sol, tem tudo para andar a sorrir como vejo os Gregos. Mas não, TODA a gente com quem falei se queixava!

Se perguntamos como vai a vida, ela nunca vai bem, vai sempre, "mal", "dificil", "assim, assim"!

Somos tristes, porque gostamos de ser tristes. É o nosso "fado".

Mas na verdade nunca notei, só consegui perceber, após ver Portugal e os Portugueses de fora, ao longe. As minhas férias em Portugal foram deprimentes pois as pessoas deprimem-me e a si próprias!

Euforia, só mesmo no Euro. Aí sim anda tudo feliz. Salazar tinha razão, portugal para ser feliz precisa dos 3 F´s. Futebol, Fado e Fátima.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:48:00 da tarde

ah e tal (c):

Não leves a conversa para crise económica, pois aí Portugal perde pontos!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:50:00 da tarde

Se queres que te diga também me irrita isto aqui também me sufoca sinto-me uma turista.O pessoal da minha idade acabaram as licenciaturas e quer todo emigrar.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:51:00 da tarde

não há ng da minha idade que te diga sim quero ficar aqui a dar dinheiro a este estado

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:56:00 da tarde

Mas tb não ia para nenhum país a norte da europa...

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:58:00 da tarde

ah e tal (c):

Mas dizer que se quer emigrar dizem os Portugueses todos desde os anos 60, no entanto sai 1 em cada 1000.

As licenciaturas Portuguesas são as mais procuradas na Europa. Quem quer sai.

Mas a questão é que o tuga fala da crise, fala de emigrar. Mas o que faz?

Doi-lhe a barriga, não vai trabalhar. Durante o Euro, dezenas de colegas meus apanhavam a bebedeira nos jogos e no dia seguinte faltavam ao trabalho. Aqui no mundial nem um pessoa faltou ao trabalho. Aparecem-me aqui às vezes doentes e temos que os mandar para casa. O sentido de responsabilidade é forte.

As empresas estão em primeiro lugar para os funcionários. Isso faz as empresas fortes, torna os empregos seguros. Fortalece a economia. Na minha empresa trabalha um Português, tem um contracto de 1 ano, este ano já faltou mais e meteu mais baixas do que os colegas todos do piso dele!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 1:59:00 da tarde

temos um país tão bonito gostava imenso que isto tudo mudasse...e não perco a esperança disso..

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:00:00 da tarde

quando digo os colegas todos, digo somados!!!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:01:00 da tarde

Se formos pela produtividade,esquece.......enquanto as funcionárias publicas demorarem 2 horas a beber um café...e formos o país que faz mais feriados e pontes!ahahahaha

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:03:00 da tarde

Mas também emigrar não muda nada no nosso país.....fixe são aqueles que ficam e tentam lutar e fazer a diferença e isso tb é uma caracteristica portuguesa-----» o comodismo!!!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:03:00 da tarde

O país não muda, porque as mentalidades não mudam. Nos anos 60 e 70, à minima merda o povo e fazer barulho para a rua. Agora, podem-lhes roubar a carteira e ir ao cu e a malta aguenta.

"Vai-se aguentando", "Vai-se andando", estas frase são tipicamente Portuguesas. Aguenta-se, pois temos medo de mudar! Temos medo de falhar, pois somos péssimistas e nem sequer pensamos em sucesso!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:05:00 da tarde

mas também é certo que são reconhecidos lá fora e depois até podem voltar com uma grande bagagem e fazer alguma diferença...
Isto tudo para dizer que estamos a andar em circulos...

  Schlumpy

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:05:00 da tarde

A culpa não da história mas sim desta cultura judaico-cristã aliada com o afastamento geográfico dos outros povos.

Por outro lado, acredito que esta influência tem vindo a diminuir dia após dia.

Um outro factor que influi nisto tudo, é o facto de o português ser extremamente desconfiado por natureza.

O 25 de Abril definitivamente não foi uma revolução sexual. A revolução tem acontecido após a abertura das fronteiras, muito por influência do que vemos lá (cá) fora e do que chega de fora a Portugal.

Tudo isto, aliado ao que alguns de vocês já referiram, nomeadamente
o "ah e tal" formam a natureza intrinseca do português. E não tenho absolutamente dúvidas algumas de que o homem português é mais preconceituoso do que a mulher portuguesa.

  Inês

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:06:00 da tarde

Infelizmente o preço da “libertação”, em Portugal ainda é um bocado caro e isso faz com que haja poucas pessoas dispostas a pagá-lo…
Acho que por estes lados a mulher ainda não se libertou. Não sei se consciente ou se inconscientemente ainda pensa que o futuro passa inevitavelmente pelo casamento e pela família tradicional e para que isso possa acontecer têm de ser consideradas “virtuosas”.
A verdade é que ainda temos um espírito (ou mentalidade) mesquinho e para meu espanto acho que as coisas estão a andar um bocadinho para trás (!) em vez de andar para a frente. O socialmente correcto ainda tem um peso enorme na vida de cada um.
O homem português ainda não percebeu bem aquilo que quer, ainda está dividido entre ter “namoradas” (não me ocorre outro termo) com “espírito livre” e mulheres (no sentido de “esposa”) virtuosas, pelo menos publicamente.
Ouvi, há tempos, um comentário que me deixou perplexa: numa conversa entre dois amigos o tema era um terceiro e a sua nova namorada. Eles são de Lisboa, a rapariga em questão era do Porto. Então comentavam que o rapaz tinha arranjado aquela namorada do Porto porque as meninas de Lisboa estavam todas queimadas. Embora aquela menina no Porto estivesse mais para o “chamuscado” aqui em Lisboa não estava!
Sinceramente levei um bocado de tempo a acreditar no que estava a ouvir e tive de olhar para ver a cara dos rapazitos, que estavam já a entrar nos 30!
Com mentalidades destas eu diria que uma mulher ainda precisa de ter “tomates” para se libertar, se assumir e pagar por isso…

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:06:00 da tarde

ah e tal (c):

Achas que não muda? Então e a emigração em massa após a segunda guerra mundial na Alemnha? Após Hitler ter feito reformas económicas e tornado o país na maior potência Europeia, ele chamou os Alemães para voltarem. Voltaram às centenas de milhar.

Em 30 anos de um país destruido a um potência Europeia. Nós 30 anos depois da fascismo temos pior qualidade de vida!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:07:00 da tarde

mas tipo o que? funda-se um movimento secreto?O que é que se faz??o pessoal está à espera é de um bode expiatório qq para fazer a revolução...

  Helluah

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:09:00 da tarde

colicença, deixem-me meter o dedinho, xaxabor...
Ah e tal, não estás a ser minimamente coerente, e mudas a bola para o lado que te convêm, falta-te muito maturidade e know how da vida para te meteres numa conversa deste nivel.
Crest. nem tudo que é estrangeiro é bom, os paises nordicos são de direita nalguns casos, posso até arriscar e dizer extrema.

o que faz falta ao portugues é dinheiro, dinheiro para viajar e ver que o mundo não é só zara e berska, que a vida é muito melhor quando saimos das saias da maezinha sem ser p casar.

enfim... discutir os recalcamentos tugas numa prespectiva sociologica não seria justo, pois a Ah e tal não está ao mesmo nivel, nomeadamente de esperiencias fora do pais, com culturas e sociedades diferentes.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:09:00 da tarde

Mas é isso. A culpa é da nossa mentalidade pequenina, pois históricamente, como antigo império, deveriamos ter uma mentalidade egocentrista?

Para onde foi a mentalidade colonialista aventureira? O orgulho nacionalista ainda existia no fascimo. Hoje as palavras "Pátria" são tabu. O nacionalismo e o orgulho nacional, parece que só é despertado pelo futebol.

Não podemos culpar o país nem a sua história, temos de culpar os Portugueses que são comodistas e não querem mudar!

  Helluah

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:10:00 da tarde

CRES- tao tao?? queres que fique humida aqui, é??

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:10:00 da tarde

Inês

"O homem português ainda não percebeu bem aquilo que quer, ainda está dividido entre ter “namoradas” (não me ocorre outro termo) com “espírito livre” e mulheres (no sentido de “esposa”) virtuosas, pelo menos publicamente.
Ouvi, há tempos, um comentário que me deixou perplexa: numa conversa entre dois amigos o tema era um terceiro e a sua nova namorada. Eles são de Lisboa, a rapariga em questão era do Porto. Então comentavam que o rapaz tinha arranjado aquela namorada do Porto porque as meninas de Lisboa estavam todas queimadas. Embora aquela menina no Porto estivesse mais para o “chamuscado” aqui em Lisboa não estava!
Sinceramente levei um bocado de tempo a acreditar no que estava a ouvir e tive de olhar para ver a cara dos rapazitos, que estavam já a entrar nos 30!
Com mentalidades destas eu diria que uma mulher ainda precisa de ter “tomates” para se libertar, se assumir e pagar por isso… "

Disseste tudo!!!!!!!!!!!!!mas tudo!!o que havia a dizer para o texto do crest!eles são uns hipócritas!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:12:00 da tarde

ah e tal (c):

Não se funda um movimento secreto. Libertem-se 1 a 1. Tenham a coragem de serem diferentes apesar das criticas.

Eu tenho uma amiga, que era uma "cabra" uma "puta" e na verdade invejavam a coragem dela. Temos de ser nós, fazer o que queremos e mandar os outros foder!

1 a 1, o país muda! Pessoa a pessoa! O problema é que ninguém se quer destacar!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:12:00 da tarde

Helluah
Se achas que vou pegar contigo estás enganada.não tenho perfil de "mão na anca".
Vou só dizer que quando estou enganada a tentar defender uma causa meio perdida o reconheço.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:13:00 da tarde

sou sensata é diferente.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:14:00 da tarde

Inês:

Eu acho isso inaceitável.

Parece como se todos fossem ovelhas a seguir o pastor, ninguém quer ser diferente. Bolas, eu prefiro ser aquela ovelha negra, que foge do rebanho, ninguém gosta dela, mas no fundo todas a queriam seguir!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:14:00 da tarde

e aqui não estou contra ninguém.estamos todos pelo mesmo lado.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:15:00 da tarde

crest

"Não se funda um movimento secreto. Libertem-se 1 a 1. Tenham a coragem de serem diferentes apesar das criticas.

Eu tenho uma amiga, que era uma "cabra" uma "puta" e na verdade invejavam a coragem dela. Temos de ser nós, fazer o que queremos e mandar os outros foder!

1 a 1, o país muda! Pessoa a pessoa! O problema é que ninguém se quer destacar! "


sabes que os rótulos aqui sao uma realidade, agora estás a contradizer-te.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:17:00 da tarde

ouço bocas a outras miúdas como:
"olha a chavala que já fez filmes porno com não sei quem"
"olha a chavala que não sei que não sei que mais"

Isto é mato.Não sejam também vocês hipócritas em não reconhecerem isso!

  Helluah

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:20:00 da tarde

AH E TAL_ lamento q tomes uma nota factual como provocação. apenas vem reforçar o que já disse, não tens estaleca para te meteres em discussoes de gente grande!

Crest_ por respeito à tua tasca, vou sair desta discussao. lá diz o ditado que nao devemos lutar com porcos, ficamos todos sujos e os porcos adoram! ;)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:22:00 da tarde

Helluah:

E ser de direita é mau? O problema é que Portugal só tem partidos de esquerda e os que dizem ser de direita são canhotos, pois nã têm politicas de direita.

Apareceu no norte um partido de direita, foi logo rotulado de fascista. Bolas assim não há equilibrio político.

Eu sei que há muita merda fora de Portugal. Os Alemães que vão para o Algarve não são ricos, são os que estão a receber assistência social.

Há dinheiro com trabalho. Tu aqui vês um jovem licenciado a trabalhar todo o dia numa empresa, para segurar um lugar e a ir entregar pizzas à noite. Ter 2 trabalhos é normal, mas é impensável para a maioria dos tugas.

Faltando menos aos trabalho, procurando emprego, não mentendo falsas baixas e dando rendimento na trabalho, é o primeiro passo para uma recuperação económica.


Na verdade o Tuga que vai passar um mês no camping de Armação de Pêra, poderia ir passar 15 dias num hotel em Itália. Mas não, existe a mentalidade que o estrangeiro é muito caro!!

Bolas eu deixei mais dinheiro numa semana em bens de primeira necessidade (comida) em Portugal do que onde moro num mês!

O preço dos supermercados em Portugal é de LOUCOS.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:22:00 da tarde

helluah

tu és uma provocadora nata.Metes-te à socapa e é para atacar e não para seres construtiva.vais-me desculpar mas é mesmo assim.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:23:00 da tarde

ah e tal (c):

"ouço bocas a outras miúdas como:
"olha a chavala que já fez filmes porno com não sei quem"
"olha a chavala que não sei que não sei que mais""

Quem é o maior idiota? Quem diz ísso ou quem se preocupa com isso?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:24:00 da tarde

Helluah
o crest reparou que eu tive de lhe dar razão e nem por isso me atacou por isso mas explicou-me as coisas.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:25:00 da tarde

gosto de aprender, e se fosses tão adulta como queres parecer entravas na conversa a explicar as coisas de forma construtiva.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:26:00 da tarde

Por falar em discussão:

Acho que pela primeira vez na história do meu blogue, os comentários se mantiveram dentro do tema, que neste caso não era "sexo" mas sim "mentalidades".

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:26:00 da tarde

crest

"Quem é o maior idiota? Quem diz ísso ou quem se preocupa com isso?"


uma coisa leva à outra...A manada deixa-se levar...

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:29:00 da tarde

Agora, quando o sexo entra na equação, tudo muda. Dormir mal uma noite, tendo o sexo como culpado, não cansa. Pela manhã estamos frescos, como se tivéssemos dormido uma eternidade.

DEVES DAR UMAS QUECAS TIPO COELHINHO !

estou aqui que nem posso !

PS - formidável escrito ;-)

  gaja_mais_q_fria

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:29:00 da tarde

O sexo, por muito espectacular que seja, não prende ninguém e, por isso, não deve ser visto como um meio mas como um fim em si mesmo. Mesmo quem procura o amor, é assim que o deve ver, para manter a lucidez e não confundir "alhos com bugalhos".
As técnicas usadas na Tugalândia, consciente ou inconscientemente, é que estão erradas: o homem usa o amor para obter sexo, a mulher usa o sexo para obter amor. Nada mais errado! Depois os homens queixam-se que elas estão apaixonadas e as mulheres queixam-se que eles não o estão... Porque será?

  Musa

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:31:00 da tarde

Épa...se houver porrada para estes lados eu fujo...até já!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:32:00 da tarde

ah e tal (c):

Agora é que disseste tudo, a manada!!!

Devia de haver mais pessoas a quererem ser pastores.

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:32:00 da tarde

bolas !

que chat !

onde é o soco !

até na direita e esquerda andou isto !

uiiiiii

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:32:00 da tarde

por mim já encerrei a conversa.Até estava me estava a interessar a visão do crest e da inês mas vou é à minha vidinha..caguei

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:33:00 da tarde

tavguinu:

Ó Tav, olha que essa merda de foder a cair para o lado, acontece quando a idade começa a pesar... Tu mantem-te em forma!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:35:00 da tarde

gaja_mais_q_fria:

Claro que prende, a maneira mais comum de uma mulher prender um homem é pelo sexo!

"a mulher usa o sexo para obter amor."

Ora lá está para agarrar o homem.

Por outro lado o homem frustrado que toca ao bicho todas as noites, recebe uma rata húmida de esmola e nunca mais a quer largar. Quer prendê-la.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:35:00 da tarde

Crest

o problema está exactamente aí por isso é que falei em rótulos...é um ciclo vicioso.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:36:00 da tarde

Musa:

No meu blogue ninguém briga, quem dá tao-tao, sou eu. deito-as no meu colo e dou uma palmadinhas!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:38:00 da tarde

ah e tal (c):

Então deve ser por isso, quando bebo uma cerveja, destruo-o o rótulo antes de a acabar. Os meus carros nunca tiveram placas de marca nem modelo.

Sou alérgico a rótulos e a etiquetas!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:40:00 da tarde

tavguinu:

Direita, esquerda, inquisição, colónias, fascismo, nazismo, comunismo. Isto aqui fála-se de tudo.

Eu acho que a continuar assim, qualquer busca que se faça no google, vem dar aqui ao tasco!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:42:00 da tarde

crest
rótulos e aparências, são caracteristicas lusas.Não sao muito fáceis de quebrar toda a gente canta as mesmas canções de escárnio e mal-dizer....

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:46:00 da tarde

ah e tal (c):

Sejam um pouco como eu, a canções de escário e mal dizer, mando-as foder!

O meu lema sempre foi:

"se as pessoas que dizem mal de mim, soubessem o que penso delas... certamente diriam muito pior"

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:49:00 da tarde

*escárnio :P

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:49:00 da tarde

crest

Há pessoas muito hipócritas que dizem que fazem e acontecem e vai-se a ver caiem nos mesmos erros de dizer mal em vez de admitir que a diferença está em sermos nós mesmos...

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:51:00 da tarde

no fundo não são construtivos...por isso é que disse há por aí gente que se diz muito open-mind mas não o é.
Pessoas open-mind são um género líderes natos que de certa maneira educam construtivamente dando o exemplo!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 2:57:00 da tarde

o resto para mim faz mto mééé e come ervinha..

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:00:00 da tarde

ah e tal (c):

Nisso estamos de acordo, mas um líder quando olha à volta e vê idiotas, muda. Toda a gente quer estar rodeada de pessoas com as quais se identifique. Eu gosto e é por isso que não sou pastor e moro numa cidade!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:05:00 da tarde

então percebes porque é que eu disse aquilo tudo.....o comentário da inÊs faz todo o sentido percebes..
Além disso,os líderes simplesmente calam-se.....vêem que ali fecham os ouvidos a tudo, não aprendem não ouvem, não querem ver(versão 3 macaquinhos)!Por isso é que falei da consciência colectiva têm que gramar com as coisas....

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:09:00 da tarde

é muito bonito mandar a consciência colectiva mandar-se foder...mas não resolve nada se tiveres rodeado dos 3 macaquinhos..nem se quer te ouvem dizer:vão-se foder

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:16:00 da tarde

ah e tal (c):

Os lideres não são lideres, são idiotas com poder dado por outros idiotas que não têm não idiotas para escolher.

Ao mandar foder a consciência colectiva, sou sempre ouvido. Eu mando-os foder e eles ficam fodidos comigo. Missão cumprida!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:18:00 da tarde

não concordo com essa atitude...acho que os torna é mais resistentes à mudança se isso só se ficar por aí..

  Musa

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:19:00 da tarde

Do que é que este post tratava mesmo?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:24:00 da tarde

Muitos mandaram o pessoal ir-se foder mas nem por isso houve resultados visiveis...
Se houve aqui algum comentador que presenciou a eficácia dessa atitude que venha aqui contar em que é que se traduziu essa mudança em concreto..

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:24:00 da tarde

Musa:

Do assunto que estamos a falar, metalidades púdicas!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:27:00 da tarde

Musa
estamos a falar de formas eficazes de tentar mudar as mentalidades...
isto não é só mandar fazer e atirar bojardos para o ar...Lança-se o problema pensa-se na solução.

  Skynet

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:41:00 da tarde

Se os portugueses tivessem mais sexo, provavelmente seriam mesmo mais felizes. Mas infelizmente a maioria ainda têm uma mente reprimida, devido a inquisição e a Salazar. A minha teoria é que a cusquice congénita dos portugueses vem dos tempos da inquisição em que se denunciava a vizinha mais bonita da rua como sendo bruxa, para assim se livrar dela, e não correr o risco de perder os maridos lol

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:52:00 da tarde

(ainda bem que não sou só eu o bode expiatório e que há mais vozes que admitem)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 3:59:00 da tarde

Skynet:

Isso é verdade!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:00:00 da tarde

ah e tal (c):

Uma coisa é dizer que mentalidade é medieval, outra é dizer que a culpa é da história. É diferente!

  DeusaMinervae

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:03:00 da tarde

Mentes atarracadas e púdicas nem chegam a completar a 1ª página do álbum de fotos da vida...

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:04:00 da tarde

Tu curtes é marrar comigo porque é exactamente a mesma coisa, o resultado é o mesmo.

O resultado é tão igual que ainda ng soube pensar numa maneira eficaz de combater as coisas...

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:06:00 da tarde

ah e tal (c):

Sabes, sou touro, serpente e hetero é uma combinação fodida.

Mas podemos fazer as pazes!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:08:00 da tarde

eu ainda estou à espera de comentadores que digam algo que preste...género "eu fiz isto e o resultado foi este! e realmente mudou ali uma merda qq" em vez de te dar razão.Porque concordar?rRalmente concordamos todos!Nunca discordei de ti! A questão é que há de facto factores que influenciaram todo um povo.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:09:00 da tarde

é pouco aconselhável ainda morro envenenada...

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:14:00 da tarde

onde vamos beber um copo hoje à noite?

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:14:00 da tarde

ah e tal (c):

Nada de venenos!

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:16:00 da tarde

tavinho

exacto estou à espera de comentários como o teu..
hoje ainda não sei se vou ao bairro..

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:17:00 da tarde

crest

pois é contigo é só mesmo à base do chocolate liquido...

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:28:00 da tarde

se calhar vou Kubar !

ver umas trintonas fritas da tola !

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:30:00 da tarde

tavinho

vê lá se esse tipo de "gatas" dessa faixa etária te arranham.....é tanta a convivência com os gatos que já apanharam os hábitos deles.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 4:49:00 da tarde

ah e tal (c):

Perfiro cobertura de morango...

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:07:00 da tarde

Crest

então pronto somos incompativeis não gosto de morangos.
Já adorei morangos só que curiosamente enjoei dessa fruta.

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:13:00 da tarde

adoro ser arranhado !

hoje estou com as costas que nem posso !

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:15:00 da tarde

ah e tal (c):

Eu coloco o morango, tu colocas o chocolate, qual é a confusão?

Em caso de problema fica-se pela chantily

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:18:00 da tarde

tavguinu:

Eu tenho duas unhas marcadas na cintura, marca com 2 anos!

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:20:00 da tarde

acrest,

alguma guerra valente ?

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:28:00 da tarde

tavguinu:

Só senti dores depois :)

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:42:00 da tarde

sim eu coloco o chocolate no meu prato..

Tu não sei onde colocas os morangos, é contigo...


como vês não há confusão nenhuma aqui..

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:43:00 da tarde

tavinho
a tavinha não tem unhas compridas pa....quem é a gaja?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 5:45:00 da tarde

crest

ficaste com a cicatriz de 2 unhas na cintura?porque é que não escreves um post sobre bondage e cenas sado-maso?

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 6:02:00 da tarde

ah e tal (c):

Uns arranhões de entusiàsmo, são como medalhas, nada de Sado-Masoquista.

Não faço descrições escritas de sexo. Posso falar de, mas não descrever.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 13, 2007 6:03:00 da tarde

ah e tal (c):

Ahahah, subiste a bolha?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 6:13:00 da tarde

pois mas percebeste mal eu não estou interessada em saber as tuas aventuras sexuais...ocorreu-me esta ideia pois penso que seria um bom tema em que era engraçado saber a tua opinião...



A minha bolha está sempre em altas...ahahaha

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 6:19:00 da tarde

ah e tal c,

ai não usa ?

lololol

olha e porque usaste o singular ?

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 13, 2007 6:28:00 da tarde

tav

aahahaha

não não usa..

eu vou reformular:
quem são as outras 40.000 gajas?

  PsYcHo_MiNd

quinta-feira, setembro 13, 2007 7:26:00 da tarde

os homens quando tao com uma mulher realmente so pensam em sexo,
mas elas só não dizem logo que tambem querem por que andam muito
mais selectivas, as ditas 'putas finas' querem é uma carinha
laroca para dar umas, mas depois ha as 'outras' que vão apenas
se até curtirem de um gajo e não apenas por serem pudicas ou quererem algo mais a medio-longo prazo, muito pelo contrario, tambem elas cada vez mais fazem sexo por sexo. apenas seleccionam é com quem dão as quecas, não se oferecem ao
primeiro caramelo que lhe dás uma cantada.

  Francis

quinta-feira, setembro 13, 2007 7:46:00 da tarde

foste mau para a akira pá...há para aí uma cena que faz tradução automática, eu vou procurar e já te digo, sempre tens hiposteses de alragar as tuas relações internacionais...

http://babelfish.altavista.com/

esta cena podes por no blog e dá uma traduz-te o blog para ingles, neste caso, na hora...é de morrer a rir...

enfim, eu tambem quero levar umas fotos boas to the other side...

e pronto...que tal está a Grécia ?

  Amsilva

quinta-feira, setembro 13, 2007 7:58:00 da tarde

eh eu adoro sexo, não precisa de ser muito tem é que ser bastante e de qualidade, o caso de dormir depois do sexo, nem sempre acontece, mas o melhor é mesmo quando acontece, é sinal que estou na minha cama e não na dela...

  tavguinu

quinta-feira, setembro 13, 2007 9:26:00 da tarde

tav nº2,

pq 400?

duas não chega ?

  Mulheka

quinta-feira, setembro 13, 2007 11:07:00 da tarde

Lamento mas tenho que discordar ctg! ;)

"A mulher percebe, mas insinuar é o papel da mulher, não do homem. A mulher é que deixa insinuações no ar, o homem tem de ser homem, tem de lhe deixar a cabeça a andar à roda, confusa, excitada. "

Porquê?!? Porque achas que tem que ser assim? Claro que é bom, muito bom! Mas tb é óptimo inverter os papeis! Não que os mesmos tenham que ser invertidos, pois não há nenhuma regra que diga que o homem tenha que desempenhar este papel e a mulher o outro.

As mentalidades estão cada vez libertas e isso vai-se notando. Não acho que a mulher portuguesa seja assim tão retrógrada e púdica! Sim! Ainda há muita assim... mas cada vez menos! No entanto não creio que seja só a portuguesa ou o português... pelos posts que tenho lido teus, parece-me que tens algo contra o/a português/a e que os outros são sempre melhores! Tou certa? É que não me lembro de uma única vez ter elogiado o português...

Quanto ao tema em geral, concordo, sem dúvida! Deixem-se de tretas. Querem? Façam!

Ah, e já agora... há muita mulher que não quer logo casamento e namoro ou algo parecido depois de dar umas trancadas! Cruzes!!!!

  Ana

sexta-feira, setembro 14, 2007 1:13:00 da manhã

Humm... quer dizer que a cura para a minha cólica renal esteve este tempo todo à minha frente...

Os médicos realmente não percebem nada! Todo este tempo perdido em hospitais a fazer analises, levar soro... podia, pura e simplesmente se ter resumido num:

"Ora minha amiga, vire pra cá o rabiosque pra eu lhe dar a injecção!"

  Silvia F.

sexta-feira, setembro 14, 2007 9:32:00 da manhã

Quando morreres hás-de levar muitas fotos hahahaha
Ó fofo se dissesses quando chegar a velho ficarei com uma recordação feliz do que foi a minha vida, ainda compreendia... agora, quando morreres?? Tens que explicar a tua versão onde pensas ir depois de morto :P
Portugal pode ser o povo mais triste da Europa mas não é por falta de sexo, ohhh! Então? Não faz sentido! Não sabes como tem andado esta merda de país??

Fofura, somos todos diferentes e ainda bem. Comparar mentalidades é perder tempo!
A Alemanha nem é grande exemplo!
Eh pá, a vida não se resume ao sexo! Se é isso que consideras aproveitar a vida, estás um pouco limitado. Mais, cá entre nós que ninguém nos oiça, és mais fogo de vista, confessa :P
Pronto, quando é que combinamos um encontro para um braço de ferro?!!

  mymind

sexta-feira, setembro 14, 2007 11:57:00 da manhã

falta de sexo ou nao, a vdd é k o pessmismo das pessoas as vezes assusta-me!cm poderao ser feliz?!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 2:32:00 da tarde

PsYcHo_MiNd:

Claro que sim. Eu não tenho nada contra a mulher selectiva. Mas em Potugal ouço e vejo vezes demais as minha colegas darem uma de pudicas, assumem que gostariam, mas preocupam-se com a sua imagem social.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 2:35:00 da tarde

Francis:

Fui mau para ela, porque sei quem ela é e o porquê de ela querer ler isto. De volta e mais ela vem espreitar sobre o meu ombro e começa a tentar juntar as silabas em voz alta.

Em conheço os tradutores online. Ela já testou esses e não percebeu nada na mesma :)

Quanto à Grécia, está calor mas já estou a reta final, já ouço o trabalho a chamar ao longe...

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 2:36:00 da tarde

Amsilva:

Ora lá está. Não dormir na cama delas, nunca.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 2:47:00 da tarde

Mulheka:

Claro que há mulheres com iniciativa. E acho que devem de assumir o que querem. Mas eu falo da generalidade. No entanto, ao inverter papeis, o homem não deve de insinuar, pois não jeito nenhum para isso. É é uma mariquice!

Sabes, o porquê de falar mal do Portuguê? Porque sou Português e esse facto dá-me o direito de falar mal, de apontar os defeito com o intuito de melhorar. Os outros não são melhores, são diferentes.

Não é verdade que só falo mal. Eu aponto os lados negativo que vejo e defendo os lados negativos que não são verdade. Dois textos exemplos disso sã:

"Alcool"
"Portugal cor-de-Rosa"

Porquê apontar as qualidades? Eu como Português, acho que sou o melhor. Nenhum outro povo no mundo é melhor que o Lusitano. Mas, os melhores têm defeitos e no nosso caso muitos.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 2:50:00 da tarde

Ana:

E porque não?
Eu nunca disse que o sexo cura, eu disse que pelo menos faz esquecer, portanto ajuda. Seja cólicas renais ou lumbrigas!

Se alguém vos diz, "Ora minha amiga, vire pra cá o rabiosque pra eu lhe dar a injecção!"... isto não é mau sexo e mau sexo já toda a gente sabe o que é!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 3:07:00 da tarde

Silvia F.:

Quando disse quando morrer, disse-o por um motivo. Normalmente antes da morte, revemos a nossa vida com um show de slides a uma velocidade impressionante. Esses slides, são imagens dos melhores momentos da nossa vida. Vimos tudo num segundo mas parecem minutos.

Claro que sei como tem andado o país, mas quando fazes sexo, pensas na economia nacional? Não, pois se pensas, isso é mau sexo!

Fogo de vista? Porquê? Já pensaste que poderá ser pela consciencialização que a nossa passagem pela vida, pode ser interrompida a qualquer momento. Ter percebido que é fácil desligar um interruptor. Nesse momento verificar o tempo que andamos a perder com coisas sem importância.
Já pensaste que alguém pode amar a mulher, sem amar uma mulher?

Estou de acordo que tenho a minha visão sobre a vida futura limitada, pois ser um velho sem utilidade não é um sonho. Vivo o momento, sem pensar no futuro. Sim, não tenho visão de futuro, mas tenho um bom presente.

O ano passado fui a Portugal, enterrar um grande amigo que morreu aos 29 anos. Vinha de Coimbra e morreu de acidente. Tinha vindo de uma foda, foi lá só para foder. A última memória dele foi optima, pois só se fazem tantos Km por uma boa foda.

Sabes o que diziam no funeral dele? Que ele viveu um vida curta mas cheia. Nunca deixou da fazer nada daquilo que quis. Podem de dizer que levou um vida banal de trabalho, surf, festas e gajas. Mas isso tornou a sua vida cheia de sorrisos e boas memórias.


Fogo de vista? Acho que só saberás experimentando!

Braço de ferro, não faço isso com homens, muito menos com mulheres. Sou um amante não um lutador!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 3:09:00 da tarde

mymind:

Eu de maneira nenhuma falo mal do Tuga, mas ele é um grande péssimista.

Se têm um trabalho onde são efectivos e ganham 600 euros, não mudam para um onde ganhem 700, pois têm medo de deixar algo seguro e o novo trabalho pode correr mal.

A unica altura em que o Tuga pensa positivo é quando joga Totoloto e Euro Milhões, aí acha sempre que pode ganhar.

  mymind

sexta-feira, setembro 14, 2007 5:33:00 da tarde

pois é!
eu ate nem sou pessoa d arriscar mto, mas um kadinho de esperança e boa vontade n faz mal a ng...

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 14, 2007 6:42:00 da tarde

mymind:

É ao arriscar que se chega mais alto e mais longe. O meu pai que nunca arriscou demais, em contraste com a sua vida disse-me:

"Nunca andes pelo caminho que já foi traçado... Pois só chegarás onde outros já chegaram antes de ti".

  luafeiticeira

domingo, setembro 16, 2007 3:05:00 da manhã

Parece-me que já saíste há tempo demais de Portugal, parece-me que as coisas já não são bem assim, aliás acho que as coisas já estão um pouco ao contrário, no entanto, concordo contigo numa coisa, há que viver a vida, há que ter experiências, há que encarar o sexo como uma coisa poa e ponto final. Deixa-me só dizer que muitas vezes as mulheres não vão para a cama na primeira noite para não serem acusadas de levianas, pois ouviram demasiadas vezes essas críticas dos homens em relação a outras mulheres, da minha parte sempre o fiz, nunca gostei de perder tempo sem provar primeiro

  White_Fox

segunda-feira, setembro 17, 2007 3:28:00 da manhã

Porque será que a minha imagem não estava desfocada?
Eheheh

  Crestfallen

segunda-feira, setembro 17, 2007 2:19:00 da tarde

luafeiticeira:

Ao contrário?. Eu saí de Portugal para a Alemnha à 2 anos, não acho que tenha mudado alguma coisa, aliás, a minha estidia aí à 3 semana, confirmou que tudo continua na mesma.

Fala-se de sexo, isso é verdade, ou ouvia falar de sexo a toda a hora, mas de falar a fazer...

  Crestfallen

segunda-feira, setembro 17, 2007 2:20:00 da tarde

White_Fox:

Há muma imagem desfocada? Onde?

  tounacaga

terça-feira, setembro 18, 2007 2:31:00 da manhã

"É, porque o único sinal que o homem percebe é se ela disser em voz alta: fode-me!"

Lamento discordar. Conheço um gajo que em Inglaterra quando uma tipa o abordou e disse: "fuck me!!!"
Ele respondeu:"fuck me? FUCK YOU!!"

Como podem ver o tuga nem com elas a abordar à bruta vai lá...

  Crestfallen

terça-feira, setembro 18, 2007 12:19:00 da tarde

tounacaga:

Eheheh, bem visto!

  Vanadis

segunda-feira, janeiro 07, 2008 10:05:00 da tarde

pois, já percebi que respiras sexo... =D

então espreita aqui (não te deixes enganar pelo nome): http://bruxinhoskidos.blogspot.com/

  Crestfallen

quarta-feira, janeiro 09, 2008 11:45:00 da tarde

Vanadis:

"pois, já percebi que respiras sexo... =D"

Quando me deixam!