Haver!


Muita gente evita este verbo, dá voltas e voltas, só para não o usar. Este é dos verbos que mais gosto. Lembra-se como se conjuga? Para os mais esquecidos, o verbo "haver" conjuga-se juntamente com a preposição "de" (Eu hei-de, tu hás-de, ele há-de...).




As pessoas preferem dar a volta às frases e usar o verbo "ir" no lugar do verbo "haver", como em "um dia vou ser rico", a frase dita desta maneira está errada. Um dia é tempo futuro, por isso não podemos usar o verbo "ir" no presente. Por outro lado soa a uma certeza, e a única certeza que podemos ter do futuro, é que não há certezas.


Nos eventos desportivos internacionais, naquele momento que causa arrepios ao mais durão dos tugas, ou seja o hino nacional, é vulgarmente cometido um erro. Há sempre um grupinho de pessoas que canta, "que hádem guiar-te à vitória". Hádem?


Existe um outro erro, mesmo para quem sabe conjugar o verbo, que é cometido quase sempre. Dizer:


"hás-de tu um dia voltar para mim". Errado!
"Tu hás-de um dia voltar para mim". Errado!
"Tu hás um dia de voltar para mim". Correcto!
"Hás tu de um dia voltar para mim". Correcto!


"Há-de o leitor perceber o verbo haver", Não!
"Há o leitor de perceber o verbo haver", Sim!


Este texto é curto mas eficaz (espero eu). Hoje estava no aeroporto à espera do meu voo para Hamburgo e, há qualquer coisa quando estamos fora de Portugal, que nos faz notar sempre que alguém fala Português. Um homem e uma mulher falavam Português no aeroporto:


Ele: Mas o que é que tu tens hoje?
Ela: Há-des ter muito a ver como isso!

"Há-des" é sem dúvida bonito de se dizer. Aqui ainda podem falar assim, pois a maioria das pessoas não percebem. Mas, quem fala assim fora de Portugal também o faz em Portugal. Será pedir muito a um Português tentar falar Português?


71 Comentários:

  tavguinu

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:31:00 da manhã

hades-te vir todo !

tá certo ou Sr. Dr. Professor?

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:33:00 da manhã

tavguinu:

Dr. não, Doutor por extenso, não sou médico de clinica geral...

  Musa

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:42:00 da manhã

Um dia quero ser mosquinha para te ouvir falar...:P
E sim, podes-me dar na cabeça por causa dos atropelos que dou na gramática.
E deves de ser um chato do caraças, livra!!!!

  Amsilva

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:44:00 da manhã

um dia hei-de saber escrever como tu!!!
é incrivel como é que um emigrante nos dá lições de portugues

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:48:00 da manhã

Musa:

Eu não corrijo as pessoas, pois também dou erros, mas escrevo sobre isso.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:49:00 da manhã

Amsilva:

Ser imigrante, pelos vistos não tem nada a ver :=)

  tavguinu

quinta-feira, setembro 27, 2007 11:59:00 da manhã

olha e o livro... hás tu um dia publicá-lo?

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:01:00 da tarde

O sôr professor, esta correcto dizer:
Eu um dia hei-de-me foder por causa das merdas k escrevo!
ou sera mais correcto dizer:
eu um dia hei-de ser fodida por causa das merdas k escrevo
uma vez que não me posso foder a mim propria?
brigada senhor doutor (por extenso) professor de gramatica

  deusaminervae

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:08:00 da tarde

Para ser franca, sempre confundi o hás-de do há-des :)

Por preguiça (mal da maioria)nunca fui verificar como se ecreveria.

Viste? Já aprendi algo aqui no teu blog :)*

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:20:00 da tarde

tavguinu:

Não tenho o minimo interesse nisso :)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:22:00 da tarde

Maya Gaarder:

Não está correcto dizer isso, pois ninguém se fode por aquilo que escreve. Mas de facto, uma pessoa pode-se foder, a isso chama-se masturbação :)

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:24:00 da tarde

deusaminervae:

Este verbo assusta muita gente. Quem estiver com atenção, ouve frases onde o verbo haver poderia ser usado mas a malta usa outro verbo qualquer, tudo isto por medo, ou respeito por este verbo "papão"!

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:27:00 da tarde

Desculpa Crest mas discordo!!
Se é masturbação não é foder!!
Eu quando pratico o acto da masturbação não posso dizer que dei uma foda pois não?
:)

  Musa

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:32:00 da tarde

Por falar em masturbação...não eras o tal que ia escrever um post sobre esse assunto deprimente?

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:35:00 da tarde

Desculpa também cara Musa, mas de gaja para gaja, o k é k ha de deprimente na masturbação?? Uma gaja joga à raspadinha e sai sempre prémio!!!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:39:00 da tarde

Maya Gaarder:

Bem, se tivermos em consideração que foder é sinónimo de fazer sexo ou de ter relações sexuais. Que fazer sexo ou relações sexuais é o acto de obter e dar prazer. A masturbação é uma forma de sexo a solo, logo é foder. Foder a mão é normal no homem, a mulher varia, pode foder a mão, foder objectos fálicos, foder os lençois, foder um ursinho de pelúcia ou peluche (como preferirem). Ou seja receber prazer.

Como no acto, se dá e recebe prazer, sim acho que foder também pode ser o acto de foder o "self".


"masturbação não posso dizer que dei uma foda pois não?"

Podes, deste uma foda com a tua mão. Sei, lá para não ser tão impessoal, dá um nome à tua mão. À minha mão vou passar a chamar Margarida, em homenagem à gaja do pato Donald, pois aqule rabo deixa-me louco.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:41:00 da tarde

Musa:

Deprimente, não acho. Após a masturbação dá-te para chorar?

Escrever sobre a masturbação feminina requer pesquisa e só agora voltei de férias e vou ter tempo de me debruçar sobre o assunto. Até porque quero inclui a ejaculação feminina.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:42:00 da tarde

Maya Gaarder:

"Uma gaja joga à raspadinha e sai sempre prémio!"

E poupas 2 Euros!!

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:43:00 da tarde

Tou a ver....
Acho k vou ali até à casa de banho dar uma foda ao meu self!!
Ja tou com calor
:)
Brigada pela a explicação! Stôr

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 12:58:00 da tarde

Maya Gaarder:

Ahahahah, força nisso :)

  Musa

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:01:00 da tarde

masturbação feminina...e a masculina, não?

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:09:00 da tarde

Musa:

Porquê falar na masturbação masculina? O homem usa a mão e pronto. A mulher tem muitas mais maneiras de se masturbar.

Além disso o homem não nega a masturbação. As mulheres não admitem que masturbam, salvo raras expcepções.

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:13:00 da tarde

Eu adooorooo ser a excepção à regra!!Agora força nisso não, tem k ser devagarinho!!
:)

  Musa

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:22:00 da tarde

As mulheres são parvas!

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:47:00 da tarde

Se não fossem elas... o que seria de nós...

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:55:00 da tarde

Hadex ká vir hadex...
Axim não vaix a lado nenhum, hadex ter muitox amigos hadex....;P

musa

ele deve mm ser essas pessoas irritantes de que falas....



:P

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 27, 2007 1:59:00 da tarde

"As mulheres não admitem que masturbam, salvo raras expcepções."

Claro que se masturbam não precisam de admitir porque pouca gente pergunta, já é dado adquirido hoje em dia.

  Inês

quinta-feira, setembro 27, 2007 2:15:00 da tarde

Não é um verbo fácil. E as dificuldades com o português estão em toda a parte. Na blogosfera chega a ser de mais.
Mas se temos ministros a dizer "hádem"...
Mas um dos erros mais vulgares é "a gente vamos...", e também o fostes, fizestes, dissestes. O pior é que uma parte significativa dos professores dão estes erros...

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 2:31:00 da tarde

ah e tal (c):

Falar Português é ser irritante? Posso tentar falar noutra língua se a senhora preferir.

  Crestfallen

quinta-feira, setembro 27, 2007 2:33:00 da tarde

Inês:

Eu já não falo do conjugação dos verbos na segunda pessoa do singular, pois isso é uma batalha perdida, eu já me rendi!

  Shadows in Love

quinta-feira, setembro 27, 2007 2:54:00 da tarde

Isto faz-me lembrar as anedotas da Edite Estrela..."tamos a qui a pensar se a devemos manda ir à merda ou para a merda..." Calma não te ofendas mas lembrei-me... mas tens toda a razão... nunca tinha pensado nessa do Hino mas como eu tb não digo não tinha como reparar... infelizmente é dificil falar Português mas não custa nada tentar... o problema é que muitos nem querem saber e depois os "avecs" são quem mais dá calinadas pois não têm bases... nem as querem ter...depois eu também aprendi que quando não se têm a certeza de uma palavra o melhor é não a utilizar, tentar encontrar outra que tenha o mesmo significado e que seja corecta..." oubiste tudo que te diche ou tenho que repetir...

  Lésbico

quinta-feira, setembro 27, 2007 3:01:00 da tarde

Eu gosto particularmente da "auga" mas só para tomar vanho, para vever só memo vejekas, pruque os peixes mijam na auga.

  Helluah

quinta-feira, setembro 27, 2007 3:28:00 da tarde

há-des cá vir, ha-des!!!


Ai crest.. eu tenho lido tudo, tudo o que escreves, mas n tenho tido tempo nem para me coçar... nem foder, que é o mais preocupante! beijocas e força para o Les.

  mymind

quinta-feira, setembro 27, 2007 4:27:00 da tarde

boa chamada de atençao!
"Será pedir muito a um Português tentar falar Português?"
SIM!!! a lingua portuguesa n é facil, nadinha, isto pra nos ja é comlicado as vezes kto mais para os estrangeiros ou para as pessoas k vivem la fora ha mt tempo...
o verbo haver vai caindo em desuso por causa de outras formas aceitaveis cm a k mencionaste "um dia vou ser rico" n está mal n senhor! O Presente é utilizado para acçoes de diversos sentidos, n so para descrever acçoes "presentes" propriamente ditas. alem do exemplo k deste, o Presente é utilizado por exemplo em verdades cientificas, etc etc

  ipsis verbis

quinta-feira, setembro 27, 2007 4:30:00 da tarde

Ainda no outro dia, falava com um amigo acerca deste verbo. Não sou das que escrevo ou digo "há-des" ou "hádem", mas das que, indubitavelmente, usaVAM a preposição "de", com hífen, a seguir ao verbo. (Erro fácil) E o problema é que na maior parte dos livros, revistas e jornais, escrevem também assim!
Bom tema.

  Maya Gaarder

quinta-feira, setembro 27, 2007 4:45:00 da tarde

E no principio era o verbo...
Sim senhora, tanta polémica por causa de um verbo, tiro-te o chapéu Crest!!
Eu se quiser comentarios, tenho k baixar o nivel e falar de sexo!!!
és mesmo grande!!!

  Marta

quinta-feira, setembro 27, 2007 4:54:00 da tarde

Se caminhares de cidade para cidade, notas logo a diferença! E há sitios dentro de um mesmo pais, onde se fala muito mal!

  tavguinu

quinta-feira, setembro 27, 2007 5:21:00 da tarde

fuooooodassse crest !

dois ! e nem um no prelo ?

  Lésbico

quinta-feira, setembro 27, 2007 5:45:00 da tarde

Ó MyMind verdades ciêntificas? Quais verdades? Tudo o que está certo hoje, estará errado amanhã. Esse é única verdade ciêntifica.

  ah e tal (c)

quinta-feira, setembro 27, 2007 5:47:00 da tarde

Não é preciso.Nós já falamos em alienigena.:)

  Lésbico

quinta-feira, setembro 27, 2007 5:49:00 da tarde

Isto é só truques, hoje falas sexo, amanhã colocas a foto de uma gaja nua, uma gajo lê para ver onde começa a foda e leva com uma lição de gramática... é bem jogado!

  PsYcHo_MiNd

quinta-feira, setembro 27, 2007 6:44:00 da tarde

começou pelo conjugar do verbo, passou para a masturbação e depois para o sexo... ainda dizem mal da lingua portuguesa.

  Noivo

quinta-feira, setembro 27, 2007 7:31:00 da tarde

Nada como colocar os pontos nos sítios devidos.

  mau feitio

quinta-feira, setembro 27, 2007 10:19:00 da tarde

Voltei, estou nesta nova morada, com uma imagem mais profissional. O Mau Feitio é o mesmo!


Vida de Comercial

http://vidadecomercial.blogs.sapo.pt

  mymind

quinta-feira, setembro 27, 2007 10:22:00 da tarde

Ó lésbico eu estava a flr de gramatica e n de filosofia! verdades cientificas k me referia é por ex. "A lua é um satelite", mas se preferires podes chamar a isto "Habitualidade ou Frequência" - anyway!

  Amsilva

quinta-feira, setembro 27, 2007 10:59:00 da tarde

pera lá
és imigrante ou emigrante??


olha que aquela ideia do livro é uma boa ideia, com mais uns meses de blog poderas mesmo lançar um encadernado com capa dura...

  blackstar

sexta-feira, setembro 28, 2007 12:32:00 da manhã

Quando li o título pensei logo "hades" que é tão lindo! Aliás, até costumam dizer que é quentinho e tudo! :)

  luafeiticeira

sexta-feira, setembro 28, 2007 12:43:00 da manhã

Vamos mandá-los para o hades...
jocas

  Cold_cold_Bitch

sexta-feira, setembro 28, 2007 1:12:00 da manhã

Isto não era um post sobre gramática? Há coisas fantásticas, não há?

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:19:00 da manhã

Shadows in Love:

A questão é que eu desculpo os "avecs" e se forem os "Warrums", ainda mais desculpa têm.

Os "Warums" são os Portugueses nascidos na Alemanha, é que aqui os femininos e masculinos estão trocados e há coisas que não são masculino nem feminino, portanto quando aprendem Português confudem tudo

O sol - em Alemão é feminino
A lua - em Alemão é masculino
O carro - em Alemão é neutro

"depois eu também aprendi que quando não se têm a certeza de uma palavra o melhor é não a utilizar, tentar encontrar outra que tenha o mesmo significado e que seja corecta..."

Concordo, mas essa regra aplica-sea línguas estrageiras e não há nossa. Se a malta ler mais, inconscientemente aprende a escrever e falar correctamente.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:20:00 da manhã

Lésbico:

Áuga é bonito mas gosto mesmo é quando dizem "Buêr áuga".

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:21:00 da manhã

Helluah:

Nem para foder foder? Bolas isso não é vida!!!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:23:00 da manhã

Maya Gaarder:

"Eu se quiser comentarios, tenho k baixar o nivel e falar de sexo!!!
és mesmo grande!!!"

Não, tens é de enganar a malta. Eu escrevo sobre foda e logo de seguida a malta mama com uma aula de gramática sem dar por ela :)

Vocês estão a ser enganados :)

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:25:00 da manhã

mymind:

"...cm a k mencionaste "um dia vou ser rico" n está mal n senhor! O Presente é utilizado para acçoes de diversos sentidos, n so para descrever acçoes "presentes" propriamente ditas."

O erro dessa frase é ser interpretada como uma certeza. Só estaria correcta se tivesses a certeza que irias ser rica. Por exemplo se ganhasses hoje no EuroMilhões, tinhas a certeza que dentro de umas semanas estavas rica.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:28:00 da manhã

ipsis verbis:

"...mas das que, indubitavelmente, usaVAM a preposição "de", com hífen, a seguir ao verbo."

Aceito isso perfeitamente, não gosto é de palavras inventadas.

"E o problema é que na maior parte dos livros, revistas e jornais, escrevem também assim!"

Ainda espero o dia em que o Português se torne cadeira primária no curso de Jornalismo. Na literatura não há desculpa, pois mesmo que o escritor não seja licenciado em Letras, o seu redactor deverá sê-lo!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:29:00 da manhã

Marta:

Mas eu adoro sotaques, o meu favorito é o da zona de Braga :)

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:29:00 da manhã

tavguinu:

"fuooooodassse"

fuoda-se para ti também :)

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:30:00 da manhã

Lésbico:

Também é aceitável, não vejo as verdades ciêntificas como verdades totais!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:31:00 da manhã

ah e tal (c):

Eu não, a Alien não me ensina...

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:31:00 da manhã

Lésbico:

Vês como sabes :)

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:32:00 da manhã

PsYcHo_MiNd:

É verdade, esta malta só foge aos assuntos e depois eu pareço um tarado!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:33:00 da manhã

Noivo:

Pelo menos tentar...

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:34:00 da manhã

mau feitio:

Olha voltou a gaja e eu a pensar que tinhas ido para um convento de freiras :)

Já lá vou estragar a casa!

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:36:00 da manhã

mymind:

"...por ex. "A lua é um satelite"

Sim mas por exemplo há 10 anos, dizia-se:

"Plutão é um planeta!"

Hoje, já não é. Ambos têm razão...

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:38:00 da manhã

Amsilva:

Eu sou um Emigrante!

Para ser Imigrante teria de ter imigrado, ou seja mudado de local dentro do país.


Lançar um livro? Eu ainda esta semana lancei um... Chamava-se "Eu Carolina" e lancei-o da janela para o contetor da reciclagem.

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:39:00 da manhã

blackstar:

Já pensei em ir lá passar umas férias, até disse para mim mesmo, "Crest hádes de ir a hades"

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:40:00 da manhã

luafeiticeira:

Acho que sim, mas eu não mando nada :(

  Crestfallen

sexta-feira, setembro 28, 2007 10:41:00 da manhã

Cold_cold_Bitch:

A culpa não é minha, a malta é que vê sexo em tudo :)

  Teté

sexta-feira, setembro 28, 2007 8:02:00 da tarde

O verbo haver é um pouco como a própria língua portuguesa - traiçoeiro!

Mas eu corrijo sempre que ouço esse hades, que se tornou bastante corriqueiro, já o ouvi até da boca de professores universitários...

Bem e corrijo, quer dizer, aqui aos mais próximos...

E já uma pessoa não pode ir a um aniversário familiar e depois fica aqui com o tpc bloguista em atraso...

  Crestfallen

sábado, setembro 29, 2007 8:58:00 da tarde

Teté:

Pois... eu exagero nos posts. Mas se não tivesse um blogue, já tinha escrito uma enclopédia de banalidades e inutilidades.

  Skynet

segunda-feira, outubro 01, 2007 2:34:00 da tarde

Eu uso sempre o hás-de e o há-de e o dicionário não a indica a palavra como errada, mas talvez seja por causa do hífen.