9/11 – Voo 93 - Pensilvânia (parte4)

Texto anterior: Parte 3

O misterioso voo 93. Os passageiros não tentaram tomar controlo do avião, nem foi isso que causou a queda do mesmo. Um avião só desaparece em dois casos:

1- Ao ser abatido por missil ar-ar.
2- Quando nunca exisitu um avi
ão.

Abater um avi
ão, é uma acção normal por parte da força aérea de qualquer país do mundo, em que mais vale abater um avião com 200 inocentes do que deixar que ele se despenhe numa grande cidade matando milhares. Todo "o avião" foi desfeito em milhares de pequenos pedaços. Destroços foram encontrados a 15 Km de distancia e isso só seria possível se tivesse passado pelo local um furacão. O motivo que poderá levar pedaços de metal a 15Km de distancia é se o avião foi destruído em pleno ar. Mas se foi tudo um plano dos EUA, por que é que o avião foi abatido? A resposta é simples. No dia 11 de Setembro de 2001 a NORAD estava a realizar treinos de segurança onde a forca aérea foi usada. Os treinos consistiam em testar a capacidade de resposta no caso de ataques ao WTC, Pentágono e Casa Branca com aviões comerciais. O timming é super interessante.
Na verdade estes treinos causaram confusão entre os pilotos dos aviões militares e por isso existem gravações públicas de pilotos a perguntar “isto é treino, ou real?”. Apesar de haver bases leagis para o abate de um aviao cheio de civis, nao acredito que alguém queira assumir ter dado essa ordem, sendo a teoria terrorista muito melhor, ainda por cima aliada ao heroísmo dos passageiros, criou-se um certo orgulho naquelas 200 vitimas.


Testemunhas locais, afirmam ter ouvido uma explosão antes do avião cair e que viram também aviões militares. Segundo a NORAD, e algo que demonstrou ao longo dos anos, qualquer avião com uma rota de voo não autorizada, ou que por algum motivo deixe de comunicar com a FAA, é imediatamente escoltado por aviões F-16 da NORAD. O tempo de reacção desde a detecção do voo suspeito até à chegada dos F-16 de escolta, é de 18 a 22 minutos.
Só há relatos em toda a história da aviação de dois aviões que se desintegraram e esses dois aviões caíram neste dia, o do Pentágono e o da Pensilvânia.

Com isto não digo que um avião não tenha caído, se ele caiu é porque foi abatido. Só o disparo de um míssil causaria os danos que se podem observar e só assim o lei da física não é contrariada. Eu disse "um avião" e não "o avião", pois existem actualmente dados que estão a ser investigados que levam a crer que o voo 93 aterrou secretamente em Cleveland, depois de evacuarem o aeroporto.


Estas são imagens de acidentes de avião, em que caíram de grandes atitudes:









Agora comparem com imagens da suposta "queda" do voo 93:








Esta última foto é muito interessante, pois não passa de uma cratera que poderia ter sido feita por um míssil ar-terra e nunca por um avião 757. O que é fantástico é que neste caso há o chão rasgado, como disse que deveria haver no Pentágono, o rasgar da terra pelo arrastar do avião após a suposta queda até parar. Mas o mais giro dessas marcas, é que já lá estavam em 1994, a única novidade neste local é a terra revolta numa única cratera.

Aqui está uma imagem satélite tirada em 1994, nela está inserida a imagem do FBI (a cores) do local do acidente onde cuidadosamente nao mostram a cratera natural.

O local foi escolhido a dedo, a terra só teria de ser revolta e para isso bastaria um míssil. Um dos médico legistas no local disse: "deixei de ser médico legista assim que cheguei, pois nao há um único corpo" e também foi dito: "nao consegui encontrar uma única gota de sangue".

Sem este caso e sem o caso do Pentágono, a história do 11 de Setembro poderia não tido e ainda ter tanta gente a investigar, mas é um facto que não foram as pessoas mais inteligentes a planear e executar toda esta monstruosidade.

É preciso dizer mais?

Para reverem o ataque ao Pentágono e esta queda, bem como informação para vos preparar para os próximos textos sobre as torres gémeas, aqui fica o link para um vídeo, que não é dos melhores em qualidade visual, mas é o que apresenta mais factos e foi um dos primeiros.




Próximo texto: "Parte 5"


15 Comentários:

  Fada

terça-feira, junho 30, 2009 11:43:00 da tarde

Este foi já um tema que me passou quase ao lado. Já eram tantas as misérias que se ouviam, que a certa altura, deixei de ligar às notícias. Assim, isto é quase tudo novo para mim.

Obrigada.

Beijitos

O filme, vejo depois. Com pipocas. :p
Just joking... ;)

  Anónimo

terça-feira, junho 30, 2009 11:52:00 da tarde

mesmo qe tenha aterrado secretamente, onde é que enfiaram os passageiros?

mesmo que os tivessem mandado à vida deles, mesmo se os obrigassem a ficar calados e a esconderem-se para ninguem saber...hmm, não me parece que fosse facil...

não é possivel esconder e calar 200 pessoas assim...e mesmo que fossem pessoas 'ficticias', identidades de 'ninguem' inventadas apenas para aquela 'palhaçada'...também nao me parece facil...senão não tinham aparecido familiares e amigos, nem histórias...

eh pah...nao sei...sou um bocadinho limitada para este assunto...mas faz-me confusão

Lily

  Teté

quarta-feira, julho 01, 2009 12:21:00 da manhã

Não há corpos, nem sangue, nem restos de avião, apenas uma cratera fumegante, que não aparenta ter dimensão suficiente pelo menos para parte de um avião deste porte? Odd, very odd!!!

E sim, tenho o Mozilla! :)

OK, cá ficaremos a aguardar o resto da teoria, que pelos vistos também tem umas quantas pontas soltas...

  Fada

quarta-feira, julho 01, 2009 1:27:00 da tarde

Comecei o filme e foi com pipocas, até ver as 500 e tal calorias por 100g... ahahaha

Não acabei, não tenho muito hábito em ouvir inglês (rápido, ainda por cima), e as imagens são bastante desfocadas, o que é uma pena.

Logo continuo, devagarinho para perceber como deve ser.

Beijitos

PS - a falta de comentários nestes posts leva-me a pensar que ainda há muita gente que não percebeu o aviso anterior. Talvez não fosse má ideia republicares o aviso de outra forma. Ou isso, ou estão fartos do tema... :p

  deKruella

quinta-feira, julho 02, 2009 3:21:00 da manhã

Vi o filme todinho...e ficam as perguntas!

Que raio de hospedeira era aquela que nem um timbre de pânico tinha na voz????

Acredito que foi um inside job com muitos erros cometidos que não tinham maneira de contornar...com as tecnologias actuais.

Das torres nem é preciso falar...foram implodidas.

Do voo 77 tb pouco mais há a dizer...não houve avião!

Não sabia de todo do voo 93...fiquei estarrecida com o que li aqui no blog e vi no filme.
A ter sido desviado, com passageiros reais, não acredito que as pessoas tenham "sobrevivido".

E a verdade virá à tona...com a palavra genocídio no topo...infelizmente!

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 12:09:00 da tarde

Fada:

"Este foi já um tema que me passou quase ao lado. Já eram tantas as misérias que se ouviam, que a certa altura, deixei de ligar às notícias. Assim, isto é quase tudo novo para mim."

Passou ao lado de 95% das pessoas. Quando ouvimos sempre a mesma merda na TV, as mesmas frases nas mesmas imagens, isso farta e o objectivo é o assunto fartar.
Por que motivo não falaram nunca das questões levantadas, dos protestos nas ruas Americanas, nos processos contra o governo? Tudo isto começou dias depois do 11 de Setembro mas a TV só falava em terrorismo.

As noticias não nos querem fazer levantar questões, querem dar-nos certezas. Digam-me um canal de televisão que pertença a um governo ou a um Bilderberger e eu irei assistir ao seu noticiário.

RTP - Governo
SIC - Balsemão = Bilderberger
TVI - Fundada pela Igreja e "vendida", devido aos conflitos de interesses. Quem comprou? Belmiro de Azevedo que mais tarde também a "Vendeu". Os canais mudam de mãos e sempre para mãos dentro dos Billderberg, mas os assentos na direcção do canal... esse não mudam.

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 12:10:00 da tarde

Anónimo Lily:

"mesmo qe tenha aterrado secretamente, onde é que enfiaram os passageiros?"

Em todo este assunto eu lido com factos, coisas que podem ser calculadas em imagens e documentos.
A suposta aterragem do avião em Cleveland e a evacuação dos passageiros para instalações da NASA nesse aeroporto, não tem dados concretos documentados, unicamente meia dúzia de pessoas que falaram nesse incidente e que se encontram neste momento em silencio.

Dizer o que lhes aconteceu seria especular e não quero entrar nesse campo.
Apesar de lhe chamarem teoria da conspiração, eu considero análise da conspiração, pois a conspiração existe, não é uma teoria mas se nos pomos com teorias sem bases factuais sobre o que aconteceu, isso faria com que quem fala nestes assuntos, perdesse a credibilidade e deitasse toda a sua investigação pessoal por terra.

"mesmo que os tivessem mandado à vida deles, mesmo se os obrigassem a ficar calados e a esconderem-se para ninguem saber..."

Por algum motivo existem campas com os seus nomes. A única coisa que é certa é: Quer tenham morrido na queda em Pensilvânia ou não, eles não sobreviveram.

"não é possivel esconder e calar 200 pessoas assim."

Não é?
Quantos calou Stalin?

"e mesmo que fossem pessoas 'ficticias', identidades de 'ninguem' inventadas apenas para aquela 'palhaçada'...também nao me parece facil...senão não tinham aparecido familiares e amigos, nem histórias..."

Ok, já percebi que achas que os Governos não são capazes de matar quando lhes convém. No entanto todos temos exemplos mesmo em Portugal. Todos nós perdemos antepassados na Guerra do Ultramar, uma guerra que foi conveniente na altura. E existem mais exemplos FP25 de Abril, a queda do avião de Sá Carneiro, e posso dar-te uma imensidão de exemplos desde o assassinato do herdeiro ao trono.

Lembra-te que as 200 pessoas deste voo, estão incluídas nas 2976 mortes. Será que matar 200 é assim tão incrível?
Se eu quero impor algo, e se para isso tiver de matar 100 pessoas, achas que faz diferença se mato 99 ou 101?

A única coisa que é certa é que eles (o poder) não querem saber de nós.

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 12:10:00 da tarde

Teté:

"OK, cá ficaremos a aguardar o resto da teoria, que pelos vistos também tem umas quantas pontas soltas..."

Se encontras pontas soltas, refere-as. Tens de ter em conta que apesar dos textos serem longos, não passam de um resumo simplificado, pois eu tenho consciência de que estou a escrever para 95% de pessoas que não imaginavam tal coisa e por isso tenho de ser um pouco mais suave e resumir.

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 12:10:00 da tarde

Fada:

"PS - a falta de comentários nestes posts leva-me a pensar que ainda há muita gente que não percebeu o aviso anterior."

Muita gente não percebeu o aviso, muita gente prefere acreditar na versão "um homem organizou isto tudo" e milhares de espiões não conseguiram antever". Muitos acham que se fecharem os olhos com muita forca o papão vai-se embora. E muitos não sabem o que comentar.

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 12:10:00 da tarde

deKruella:

"Que raio de hospedeira era aquela que nem um timbre de pânico tinha na voz?"

Uma má actriz.

"Acredito que foi um inside job com muitos erros cometidos que não tinham maneira de contornar...com as tecnologias actuais."

Os governos sabem que basta fazerem um blackout informativo para que toda a gente duvide e aí aplicam a teoria de Hitler "Se gritares uma mentira, as pessoas acreditam".

"Não sabia de todo do voo 93...fiquei estarrecida com o que li aqui no blog e vi no filme.
A ter sido desviado, com passageiros reais, não acredito que as pessoas tenham "sobrevivido"."

Esta é a parte em que as pessoas não querem acreditar. Não querem acreditar que o governo assassinasse 200 pessoas. Então se assassinaram 2.776 pessoas nas torres, será que mais 200 seria assim tão incrível?

  SleepWalker

sexta-feira, julho 10, 2009 6:04:00 da tarde

Eu sei como é que calaram as centenas de pessoas: uma mega hipnose :D
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAH
Sim porque o vilão tem um daqueles relógios gigantescos que hipnotiza 200 macacos de uma vez só. fora as famílias!

  Bruno Fehr

sexta-feira, julho 10, 2009 7:35:00 da tarde

SleepWalker:

"Eu sei como é que calaram as centenas de pessoas: uma mega hipnose :D
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAH
Sim porque o vilão tem um daqueles relógios gigantescos que hipnotiza 200 macacos de uma vez só. fora as famílias!"

O que leva uma pessoa a comentar sem ler e não tendo nada para dizer?
As pessoas cada vez mais aceitam que a queda das torres podem ter sido um acto do governo, onde morreram 2776 pessoas, mas agora matar 200 que iam num avião, já não!
É fantástico não é? Mas pelo teor dos seus dois comentários, acho que estou a perder o meu tempo.

  Rui Silva

quinta-feira, setembro 12, 2013 1:18:00 da tarde

Só agora estou a ler este blogue, por isso venho um pouco atrasado para a discussão.

Se realmente o avião aterrou em Cleveland, e as pessoas foram posteriormente assassinadas, não teria sido mais fácil, realmente fazer despenhar o avião?

Abraço, Rui

  Rui Silva

quinta-feira, setembro 12, 2013 1:19:00 da tarde

Bom dia. Só agora vi este blogue e por isso chego um pouco atrasado à discussão.

Se realmente o avião aterrou em Cleveland, e posteriormente as pessoas foram assassinadas, não teria sido mais fácil fazer despenhar o avião? Porque motivo optaram por calá-las depois?
Abraço, Rui.

  Anónimo

quarta-feira, junho 18, 2014 12:01:00 da manhã

cuidado amanhã amiga, podem agarrar outro pai para isto nas televisões
ver para crer 1, 2, 3, 4, 5, 6 anos de vida O (em televisão)