9/11 – Acontecimentos anteriores (parte2)

Texto anterior: Parte 1


1- Mujahedin & Al Qaeda
Em 1979 a CIA apoiou um grupo no Afeganistão para combater a invasão Russa, esse grupo chamava-se Mujahedin. Após a retirada Russa, grande parte dos Mujahedin criaram um novo grupo, também ele treinado, recebendo armas e dinheiro da CIA para servirem de resistência a futuras invasões. Esse grupo chamava-se Al Qaeda. O líder da Al Qaeda era um Saudita que estudou na Europa de seu nome Osama Bin Laden. Nos anos 80, Osama Bin Laden trabalhou para CIA como agente secreto de seu nome Tim Osman. Tudo isto são factos confirmados pelo Governo Americano, que afirmou que Osama se tornou um renegando, arrastando a Al Qaeda consigo. Será?

2- Familias Bin Laden e Bush

A família Bin Laden, durante décadas foi responsável pela construção de bases militares Americanas no médio oriente, usando a sua empresa de construção “The BinLaden Group”, e sempre foram amigos próximos da família Bush a quem davam casa nas suas visitas à Arábia Saudita, e que por sua vez ficam em casa dos Bush nas visitas aos EUA. Isto também são factos documentados pela imprensa, existem vídeos e fotos e o próprio Bush pai ficou hospedado no palácio Bin Laden nas sua vistias às tropas Americanas na primeira invasão do Iraque.

3- Empresas com investimento Bin Laden

Bush filho, criou uma empresa energética de seu nome ARBUSTO, o seu principal investidor foi Salem Bin Laden que era o Presidente do "The BinLaden Group", e irmão mais velho de Osama Bin Laden.

4- Caça ao Homem

A Al Qaeda foi a organização responsável pelas bombas nas embaixadas Americanas no Quénia e Tanzânia em 1992. A Al Quaeda foi também a responsável pelo ataque suicida ao navio Americano USS Cole em 1996. Desde 1992 que Osama Bin Laden é procurado pelo FBI e CIA.

5- Evitar prender Osama Bin Laden

Em Janeiro de 2001, já Bin Laden era procurado pelos Americanos há já 9 anos, devido aos atentados na Tanzânia e Quénia, a imprensa Europeia afirmava que Bin Laden estava gravemente doente e se encontrava em tratamento num hospital Americano no Dubai, a imprensa Europeia disse mais, disse que uma das visitas de Bin Laden foi o Chefe de secção da CIA. Ele não foi capturado pois a noticia foi ignorada.

6- Silenciar vozes incómodas

John O’Neil, director da FBI
demitiu-se dizendo sentir-se enojado pelas pressões e influencia das administrações Clinton e Bush nos serviços secretos, dizendo: “Os maiores obstáculos na investigação de terroristas Islâmicos, são os interesses petrolíferos do governo Americano". John O’Neil após a sua demissão e declarações publicas prestadas, foi despromovido e colocado como chefe de segurança no WTC. O seu primeiro dia de trabalho nestas novas funções foi a 11 de Setembro de 2001 e morreu nesse dia.

7- Silverstein

Silverstein um magnata imobiliário, 6 meses antes do 11 de Setembro, conseguiu pelo preço de 3.5 biliões de dólares, o aluguer do World Trade Centre por 99 anos. E aqui muitas coisas estranhas aconteceram: Primeiro, no contrato de aluguer ele exigiu os direitos de reconstruir no mesmo local caso algo acontecesse às torres. Segundo, ele contactou as seguradoras e exigiu um seguro que cobrisse actos terroristas. Terceiro, o WTC era hermeticamente vedado e tinha de ser bombeado oxigénio para todo o edifício, que aliado à manutenção de todos complexo já com quase 30 anos, representava uma despesa de 5 milhões de dólares anuais. Quarto, o WTC foi nos anos 80 injectado por um químico anti-fogo em toda a sua estrutura, esse químico é agora ilegal e Silverstein tinha como obrigação limpar todo esse produto, o que representava uma despesa de 200 milhões de dólares. Quinto, o WTC nunca deu lucro a câmara de Nova Iorque após receber todas as rendas tinha ainda de pagar 5 milhões de dólares por ano. Sexto, há mais de uma década que se planeava destruir o edifício, mas naquela zona era ilegal demolir e por isso o edifício teria de ser desmantelado andar a andar. Os gigantescos custos da obra eram algo que ninguém queria assumir. Sétimo, após os incidentes de 11 de Setembro, os seguros atribuíram a Silverstein uma indemnização de 3,55 biliões de dólares. Silverstein recorreu da decisão e exigiu 3,55 biliões por cada ataque, pois afirmava que 2 aviões eram dois ataques. Ele venceu em tribunal e recebeu 7,1 biliões de dólares (o máximo permitido).

8 - O vice-Presidente
e Ministro da Defesa
O Vice-Presidente Americano Dick Chenney, o Ministro da Defesa Donald Rummsfeld, e o director da NORAD Jeff Bush, foram em Setembro do ano 2000, co-autores de uma tese sobre o poder Americano chamada "Rebuilding America's defenses - Strategy, forces and resources for a new Century". Nesse estudo era referido o crescimento económico Chinês que se tornaria na maior potencia mundial nos próximos 50 anos. Esse texto referia também que a única maneira de manter e reforçar o poder Americano a nível mundial, era mantendo uma presença forte e controlando o petróleo do médio oriente, desviando-o da China e para isso ser aceite internacionalmente seria necessário um acontecimento cataclismico que o justificasse e que unisse o povo Americano, um incidente só comparável ao ataque Japonês de Pearl Harbour.

9- Ataque ao WTC em 1993

Em 1993, foi feito um ataque bomba ao WTC. Uma carrinha carregada de explosivos rebentou nos andarem subterrâneos, mas o edifício aguentou pois a carrinha estava longe demais dos pilares principais. O terrorista era um Egípcio de 43 anos e de seu nome Emad Salem. O New York Times, noticiou que Salem era um agente treinado pela CIA e que recebeu 1 milhão de dólares para fazer o ataque. Salem, temendo ser usado como bode expiatório gravou a sua conversa com John Anticev do FBI que lhe dizia na gravação para proceder como planeado com o ataque. Depois desta noticia o New York Times e toda a imprensa deixaram de noticiar este assunto.

10- A fortuna do 11 de Setembro

Uma semana antes do 11 de Setembro
, e conforme o relatado pela Chicago Securities Exchange, houve um aumento de 1200% de vendas de acções da America Airlines e United Airlines, dando a entender que algumas pessoas sabiam que as acções iriam cair e desta forma esses accionistas ganharam dezenas de milhões de dólares. O New York Times, Wall Street Journal e o London Independent, noticiaram que esta onda de vendas foi iniciada por Alex Brown, aquele que foi o director do Deutschbank nos EUA (quando comprou as acções) e depois se tornou director da CIA (quando vendeu as acções). Isto prova que a CIA sabia que algo iria acontecer. Os serviços secretos Israelitas e o Presidente do Egipto afirmam que a CIA sabia que algo iria acontecer, pois partilharam com a CIA os dados que tinham recolhido.

11- X-actos

De acordo com as fontes oficiais, na manha de 11 de Setembro, 19 terroristas Islâmicos desviaram 4 aviões de passageiros e usaram X-actos para matar os 8 pilotos e dominar os passageiros. Destes 8 pilotos 6 eram ex-militares da força aérea e não é viável que nenhum tivesse conseguido dominar os terroristas ou pelo menos activar o alarme.

12- Bin Laden
Osama Bin Laden encontrava-se em Set/2001 hospitalizado no Paquistão devido a uma grave crise renal.

13- Notas diversas

Os voos 11 e 175 embateram nas duas torres do WTC. O voo 93 que se dirigia para a Casa Branca despenhou-se na Pensilvânia quando os passageiros tentaram dominar os sequestradores. O voo 77 embateu no Pentágono.
Toda a história contada pelas autoridades é simples, no entanto até hoje a FAA não disponibilizou as gravações da comunicações entres estes aviões e a FAA durante o voo. Por que será? Cada um destes aviões tinha duas caixas negras e a FAA afirma que todas elas foram destruídas nos "acidentes". Todas? As 8 caixas negras feitas para resistir a qualquer acidente?




O próximo texto "Parte 3"
Referências

33 Comentários:

  forteifeio

domingo, junho 28, 2009 11:51:00 da tarde

Mais, as imagens que existem do pentágono depois de algo ter embatido, não existe avião em lado nenhum. Quando é explicado que os motores são feitos de titânio.

  BB

segunda-feira, junho 29, 2009 12:50:00 da manhã

Muita coisa se passou de modo a provocar o medo e a revolta, para que a guerra (por motivos económicos) tivesse uma justificação moral que fosse aceite pelos cidadãos comuns.

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 12:55:00 da manhã

Coitado do ex-director. (Além de todos os outros).

Obrigada, Bruno.

Venha o próximo!!!! (Tenho mesmo de esperar até amanhã???? Podias emailar-me o próximo... eheheh)

É assim que eu gosto destes posts sobre os assuntos que me desagradam: sucintos e sem blábláblás... Não me vou dar ao trabalho de confirmar o que dizes, já te "conheço". :)

Fico à espera... (do mail...sim?? :p)

Beijitos :)

  Jane Doe

segunda-feira, junho 29, 2009 1:10:00 da manhã

"911 was a inside job."

Disso eu já não tenho qualquer dúvida.

911...

Entende-se bem então o facto de quererem destruir aquilo. Simularam os ataques terroristas, e aproveitaram para minar as bases dos edifícios, e enfraquecer as vigas nos pontos cruciais para que tudo acontecesse ao mesmo tempo, e as pessoas pudessem pensar que era um acto terrorista.

A parte interessante é que ainda hoje conheço quem pense que sim...

Good job...

  cprm

segunda-feira, junho 29, 2009 1:53:00 da manhã

Tinha que comentar, já que vi o documentário em que se fala do assunto...

São demasiadas coisas a favor, demasiados "truques", clics na cabeça enquanto se vê o documentário...
ainda bem que se continua a escrever sobre o assunto.

se queres aprofundar o tema sugiro que procures no google zeit geist e que vejas os 3 documentarios ( uma parte de um é sobre o inside job)

:)

  johnny

segunda-feira, junho 29, 2009 10:57:00 da manhã

Só uma correcção: o John Neill trabalhou como agente e director do FBI e não da CIA. Digo isto porque me lembro de ter ouvido nalgum dos documentários que por aí andam.

  Anónimo

segunda-feira, junho 29, 2009 1:26:00 da tarde

Só tenho uma duvida? Quem é que ia aos comandos dos aviões que embateram nas torres? Se não foram piratas do ar suicidas, quem é que levou os aviões até às torres? Será que foram até lá sozinhos?

Andreia

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:13:00 da tarde

forteifeio:

"Mais, as imagens que existem do pentágono depois de algo ter embatido, não existe avião em lado nenhum. Quando é explicado que os motores são feitos de titânio."

Esse será o assunto do próximo texto. É lógico que nenhum avião foi encontrado, pois nenhum avião embateu no pentágono :)

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:13:00 da tarde

BB:

"Muita coisa se passou de modo a provocar o medo e a revolta, para que a guerra (por motivos económicos) tivesse uma justificação moral que fosse aceite pelos cidadãos comuns."

Hoje quase 40 anos depois, se provou que a guerra do Vietname começou da mesma forma, baseado numa mentira. Demorou 40 anos mas foi possível provar. Também já se provou que nos anos 60 se tentou fazer algo muito parecido de forma a justificar uma invasão a Cuba, mas JFK impediu que isso acontecesse.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:13:00 da tarde

Fada:

Tens mesmo de esperar, ainda não está terminado.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:13:00 da tarde

Jane Doe:

"Entende-se bem então o facto de quererem destruir aquilo. Simularam os ataques terroristas, e aproveitaram para minar as bases dos edifícios, e enfraquecer as vigas nos pontos cruciais para que tudo acontecesse ao mesmo tempo, e as pessoas pudessem pensar que era um acto terrorista."

Foi só vantagens para o governo Americano.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:13:00 da tarde

cprm:

"Tinha que comentar, já que vi o documentário em que se fala do assunto..."

O não, os, já foram feitos mais de 30 documentários sobre o assunto, num dos textos darei os links de vários.

"se queres aprofundar o tema sugiro que procures no google zeit geist e que vejas os 3 documentarios ( uma parte de um é sobre o inside job)"

Eu conheço o Zeitgeist, não confio neles nem no seu movimento, mas vi os seus vídeos.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:14:00 da tarde

johnny:

Correcto, obrigado.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 3:14:00 da tarde

Anónimo Andreia:

"Só tenho uma duvida? Quem é que ia aos comandos dos aviões que embateram nas torres? Se não foram piratas do ar suicidas, quem é que levou os aviões até às torres? Será que foram até lá sozinhos?"

Por vezes a brincar se dizem coisas acertadas. Foi mesmo isso, os aviões embateram nas torres sozinhos. Só existe uma maneira de os aviões fazerem manobras perfeitas e embaterem no andar desejado sem deixar espaço para erro humano. A isso chama-se "drones" e explica a presença dos dois aviões mistério, o avião branco junto ao WTC e o avião radar junto à casa branca. Certamente deves ter visto esses dois aviões na TV, pois a imprensa disse que poderiam ser aviões desviados. Não eram.

Cada coisa a seu tempo, e irei falar também sobre isso.

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 3:55:00 da tarde

Ohhhhhhhhhhhhh.......

Pronto, eu espero!!! Mas pedir não custa... eheheh (Desde que se esteja preparado para o "não" e eu até estava... :D)

Não faças é muito suspense, senão a Sociedade Protectora das Fadas* dá-te um raspanete! ;)

Obrigada, Bruno. :)

Beijitos

*Jane, não resmungues... :p

  Ricardo

segunda-feira, junho 29, 2009 5:32:00 da tarde

Isto vai um pouco off-topic, mas li hoje esta notícia no jornal Metro...

"Chávez acusa CIA de
orquestrar protestos"

O Presidente da Venezuela,
Hugo Chávez, afirmou ontem
que a CIA e países europeus
estão por trás dos protestos
da oposição contra os resultados
das eleições presidenciais
no Irão. “As pessoas nas ruas
têm atiradores, e por trás deles
está a CIA e a mão imperial
dos países europeus e dos
Estados Unidos”, disse. Chávez
reafirmou o seu apoio ao
Presidente do Irão reeleito,
Mahmoud Ahmadinejad, e
disse que sua vitória nas eleições
do dia 12 de Junho foi
“de acordo com todas as leis”.

O que achas disto Bruno?

Já agora o que pensas da postura do Hugo Chavez e do "manda-chuva" do Irão?

Cumps,

  Vani

segunda-feira, junho 29, 2009 8:06:00 da tarde

Ao Hugo Chavez direi sempre: porque non te callas? :-p Pra esse, a CIA está sempre por detrás de tudo...aposto que a minha piri arranca as penas porque a CIA lhe fez uma lavagem ao cérebro.

Quem quer q tenha organizado e perpretado este ataque, deixou demasiadas perguntas sem resposta e demasiadas pontas soltas. Impressiona-me que se ache que ninguém vai acabar por chegar à verdade...
De uma coisa sempre tive a certeza, desse por onde desse: a administração bush sabia que aquilo ia acontecer. E não fez nada. Tal como no caso do furacão Katrina. Daria demasiado trabalho tentar evacuar e salvar algumas pessoas?...Fingiram que nada sabiam?...Fingiram que não era nada com eles?...
Contudo, tb me impressiona a quantidade de pontas soltas que há. Um trabalho mal-feito, portanto...?

Já agora, posso divulgar os teus textos? (mandando link para aqui)

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 10:00:00 da tarde

Fada:

Não há suspense, o texto está já a sair.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 10:00:00 da tarde

Ricardo:

"Já agora o que pensas da postura do Hugo Chavez e do "manda-chuva" do Irão?"

Chavez é um ditador, mas um ditador sem papas na língua, ele não tem medo de ninguém e diz o que pensa. Não a tenho a menor dúvida que a CIA foi a criadora dos protestos. Obama assumiu que a CIA foi a responsável pelo último derrube de governo no irão nos anos 60 e será responsável por este. Ainda não existiu um governo anti-USA que não fosse derrubado pela CIA.

Quando o Afeganistão foi invadido, os EUA colocaram um novo governo lá, o primeiro acto oficial desse governo foi autorizar os EUA a construírem a malfadada conduta de petróleo e gás natural. O Irão ofereceu agora ao Pakistao, Índia e China uma conduta alternativa e mais barata. Os EUA não vão perder este negócio, invadiram dois países para o completar o Irão é o último obstáculo.

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 10:01:00 da tarde

Vani:

"Pra esse, a CIA está sempre por detrás de tudo..."

Se é acontecimento militar ou politico, não estará mesmo? Todos os anos documentos deixam de ficar secretos e até hoje a CIA não falhou um único acontecimento internacional, por que é que falharia este, ainda por cima algo que tanto interessa aos EUA?

O Chavez é um tirano, mas temos de ter em conta que um tirano egocentrista não tem medo de falar e é devido a esta ausência de medo que as pessoas deveriam ouvir mais o que ele diz.

Quem sabe a influencia da CIA nos anos 60-70-80-90 na América de sul e quantos governos derrubou, quantos presidentes matou, sabe o motivo de Chavez falar assim,pois ele foi dos únicos que a CIA falhou assassinar, Chavez e Fidel.

"Impressiona-me que se ache que ninguém vai acabar por chegar à verdade..."

Eles sabem que vai, só não querem que seja já. Hoje sabemos a verdade sobre o Vietname e o actual governo admitiu que foi tudo mentira, o mesmo será feito um dia em que um governo falará destes acontecimentos como "um erro do passado a não repetir" e o povo ficará feliz por terem admitido e ficará revoltado com os passados governos.

Tudo se descobre mas quanto mais tempo as pessoas estiverem distraídas, mais tarde tudo se descobre. Se as pessoas acordassem e investigassem só um bocadinho iriam fazer perguntas e a verdade iria surgir ainda com estes políticos vivos.

"a administração bush sabia que aquilo ia acontecer. E não fez nada. Tal como no caso do furacão Katrina. Daria demasiado trabalho tentar evacuar e salvar algumas pessoas?"

O furação Katrina deu jeito e por isso não se avisa, mas o WTC foi diferente, ele foi planado passo a passo e quem deveria ter sido avisado foi, os aviões tinha 20% dos passageiros diários, as torres tinham só empresas privadas a funcionar naquele dia.

"Contudo, tb me impressiona a quantidade de pontas soltas que há. Um trabalho mal-feito, portanto...?"

Um trabalho genialmente feito, não poderia ter sido melhor. Este é o maior ataque feito por alguém, nunca existiu um farsa tão grande. Conseguiram convencer 99% da população mundial e ainda hoje os que acreditam que foi a Al Qaeda são mais de 95%.

"Já agora, posso divulgar os teus textos? (mandando link para aqui)"

O blogue está aberto ao público, portanto podes fazer o que bem entenderes.

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 10:08:00 da tarde

Já aqui estou, podes publicá-lo!!! :D

Beijitos :D

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 10:13:00 da tarde

Bolas...

É só às 23h??

Às tuas 23h ou às nossas 23h??????

Bolas.........

Sometimes Life's not fair.... :s

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 10:16:00 da tarde

Fada:

Vossas 23h, dentro de de 45 minutos. Estou só a confirmar a colocação das imagens no local certo e se todas elas ampliam convenientemente.

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 10:20:00 da tarde

Bruninho, só ainda são 21:19...

:s

Nossas 22h????? :D

Say "YES!!!"...

  Bruno Fehr

segunda-feira, junho 29, 2009 10:35:00 da tarde

Sim. Troquei-me todo. Minhas 23h, dentro de 20 minutos.

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 10:44:00 da tarde

Estás mesmo é a precisar de férias, menino!

Sabes que com 104 anos, a idade não perdoa!!! :p

Beijito :)

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 11:05:00 da tarde

Cena estranha:

Aparece o título novo e o texto do post anterior... :s

  Fada

segunda-feira, junho 29, 2009 11:07:00 da tarde

E já "refresquei" 3 vezes.......

Andam a sabotar-te o trabalho ou és tu que andas trocado, mesmo??

  MPSPM

terça-feira, junho 30, 2009 12:29:00 da manhã

O Voo 77 não sai?!

  Bruno Fehr

terça-feira, junho 30, 2009 12:29:00 da manhã

Fada:

O texto está lá, fecha o explorer e abre outro, apaga os cookies.

  Bruno Fehr

terça-feira, junho 30, 2009 12:43:00 da manhã

MPSPM:

"O Voo 77 não sai?!"

Já está visível o texto.

  Stiletto

quarta-feira, julho 01, 2009 7:23:00 da tarde

Olá Bruno,
Não consigo ler o texto 3 (só aparece o título) e o 4 é uma repetição do 2. Podes ajudar?
Tks

  Vani

quarta-feira, julho 01, 2009 7:37:00 da tarde

Estou aqui a abrir-te (careduuu q raio de palavra...) com o IE e o teu texto mais recente também não aparece...tal como o outro. Interessante. Vou ter de esperar até chegar a casa... :D