Testes em animais


É cruel que se testem produtos que usamos no nosso dia-a-dia em animais. Não faço ideia de quantos animais morrem por dia, devido a testes em laboratórios.
Esses malucos sem mais nada que fazer, do que apontar dedos a tudo e a todos, como são os ambientalistas. Fartam-se de nos alertar para este facto. E pedem-nos para não usarmos produtos testados em animais.

Podem ver neste blogue, de um tal ex-monge brasileiro, uma pequena lista de produtos testados em animais, ele é tão puro, tão bonzinho e tão livre de interesses financeiros que até nos pede para lhe darmos dinheiro, de maneira a ele poder continuar o seu trabalho. Olhem que até soltei um peidinho de tão comovido que fiquei. Ele divulga este assunto na net, num blogue grátis e precisa de dinheiro... tadinho. Como será que 20 milhoes de bloguers passam a sua mensagem de uma forma grátis?

E depois, estes gajos, dizem cheios de orgulho que são vegetarianos. Ora um vegetariano come certos derivados de animais, comem ovos, os ovos poderiam dar origem a animais fofinhos. Pois se não comessem ovos, leite, gelatina, etc, não seriam vegetarianos, seriam Vegan. Também não usariam cintos de cabedal, uma carteira em pele, uns sapatos que não nos destruam os pés.

Meus senhores, não comam vegetais nem fruta, pois estão a roubar o alimento aos animais!
Claro que me podem dizer, que os vegetais, são cultivados para serem comidos por nós. Mas eu posso dizer que os animais de laboratório, são criados para esse efeito, para morrerem por nós. Sem eles não tinhamos a maioria dos medicamentos, tratamentos médicos e cirurgias, que salvaram já a vida a pessoas que amamos e até a alguns de nós. Tenho a certeza que até a certos extremistas destas causas! É tudo uma questão de argumentação, algo que estes idiotas não fazem de uma forma lógica!

E quem é que disse que as plantas não sentem? Deve ter sido o mesmo idiota que disse que os animais não pensam.
Sentir e pensar são termos muito mais abrangentes, do que o que o ser humano lhes dá. Quando atiramos uma bola para o outro lado de uma rede, um cão busca a forma de ir buscar a bola, se for à volta e voltar com a bola, é um exemplo de raciocino lógico, ou seja, uma forma de pensamento.
Foi feito um teste com couves, que provou que ao cortar uma couve, todas as outras na proximidade, emite vibrações... será medo? Seja o que for, pode ser um indicio de sentimento.

Poupem-me, eu admito que é uma crueldade testar produtos em animais, mas qual é a opção?
Meus idiotas ambientalistas de esquerda, parem de nos dizer o que está mal, todos nós sabemos o que está mal, apresentem soluções, alternativas.
Ora, se deixarmos de usar os produtos nesta lista e visto que é uma lista muito resumida e muito incompleta, o que é que usamos?
Porra, quando será que aparece uma besta ambientalista ou protectora de animais com soluções?

"Diga não aos teste em animais!" Soa-me a um diga sim aos testes em humanos!

Ok, então a solução é colocar no mercado, produtos para a pele que podem desfigurar uma pessoa por não terem sido testados. Vamos colocar medicamentos no mercado sem saber os seus efeitos secundários:

"A nossa aspirina matou 5867 pessoas nas ultimas 24 horas, se calhar, não presta"

Enfim, vamos parar com os avanços médicos e parar no tempo, quem sabe até retroceder a uma nova idade média.

E o que fazemos às marcas: DogChow, IAMS, PedigreePal, Purina? É comida para cão, será que alguém se dá como voluntário para as provar? E as marcas Friskies e Whiskas? Alguém quer salvar os gatos? A marca de comida para cães e gatos Eukanuba, não aparece na lista, deve ser testada em Aliens. Bolas, temos de defender os aliens também! Ou será que são os cientistas que a testam? Vamos salvar os cientistas!

Sabem o que eu acho? Se estes gajos sem mais nada que fazer, do que apontar dedos a tudo e todos, sem procurar alternativas, querem realmente ser úteis, poderiam dar-se como voluntários e tornarem-se cobaias para estes testes.

Pessoalmente quero comprar produtos seguros. Perfumes que não me derretam a pele. Champos que não me coloquem o cabelo lilás. Sumos que não me transformem numa tartaruga Ninja. Preservativos que não façam a minha pila implodir!

Testes em animais: É errado? É! Há alternativas? Não! Então foda-se, calem-se e chupem!

Ambientalista e activistas: vá, todos para o laboratório testar um supositório gigante que visa aumentar o QI do ser humano, o efeito secundário é que poderão ficar viciados em ter objectos fálicos entalados no orifício do cagueiro.

Tudo tem limites, excepto a estupidez humana!

46 Comentários:

  joemorales

quinta-feira, dezembro 04, 2008 5:59:00 da manhã

Dasssse, foste ao fundo da questão e soluções népia... Acho que exageraste desta vez, lol... Mas ri-me que nem um parvo. Bom post, até me fez escrever. Lol.

Abraços.

  Ricardo

quinta-feira, dezembro 04, 2008 9:50:00 da manhã

Este comentário foi removido pelo autor.
  Incesticide

quinta-feira, dezembro 04, 2008 10:14:00 da manhã

Concordo com os teus argumentos, e ate ja tive discussoes com "Vegetarianos" que ao apresentar o mesmo tipo de argumentos, ficaram amuados comigo... Isso mete-me impressao, pensam que e' que sabem e que sao os unicos que fazem bem ao serem o que sao.

Cumps.

  Papinha

quinta-feira, dezembro 04, 2008 11:02:00 da manhã

Excessos, seja em que sentido for são negativos. Tudo o que é levado de forma radical, deixa de fazer sentido, pois contraria-se. Extremismos? Não, Obrigada!

Beijinhos
P@pinh@

  Afrodite

quinta-feira, dezembro 04, 2008 12:09:00 da tarde

Eu tenho uma solução, fazer testes no Otade e no Otapi que me parecem dignos de testes deste tipo...ahhh e a chii também ajudava. Poupavamos animais ditos irracionais (acho-os mais racionais que muito humano que para ai anda) e voilá, solução. Ficariamos todos mais felizes. Se morressem no processo de testes...ohhh temos pena! :) mas um ohhh temos pena assim daqueles cínicos e hipócritas.

Otade, não publiquei o teu comentário no meu blogue mas fica sabendo que está guardado, ameaçar pessoas dá prisão e por mim...estás a um passo disso ;)! Não te esqueças que aqui neste meio é como ires à praia e veres as pessoas, estão todas praticamente nuas...todas iguais mas quando se vestem uiiii...há umas mais iguais que outras, não fazes ideia de quem para aqui anda pois não? Pois...temos pena! Depois não chores! Cambada de palhaços!

Crest...pede para que testem nestes fdp que não fazem cá falta! Até a carne lhes como...fdx!

Abreijinhossss

  poeta_poente

quinta-feira, dezembro 04, 2008 12:09:00 da tarde

É. verdade. É muito complicado explicar a coerência e sensatez a extremistas, mas nem todos os ambientalistas são assim.
Acho que ser ambientalista é ter consciência ambiental, não é andar a só comer erva e a querer bater em tudo e todos os que comem carne.

A tua última frase está certíssima... em todos os aspectos.

  Vício

quinta-feira, dezembro 04, 2008 12:29:00 da tarde

agradeço-te o link do blog do monge!
para além de ter gostado do teu texto, ainda me ri mais com o blog dele!
sem duvida que a estupidez humana reina!

e agora choro ou rio?

  Diabólica

quinta-feira, dezembro 04, 2008 2:11:00 da tarde

Não há dúvida que a estupidez humana predomina.... enfim....

Parabéns pelo post.

Beijinhos diabólicos.

  Monica

quinta-feira, dezembro 04, 2008 3:20:00 da tarde

Crest,

Não esquecer os amaciadores de roupa!!! :) Os pretensos ambientalistas/vegetarianos/bla bla bla bla NÃO SABEM que os amaciadores da roupa são feitos de gordura animal. Portanto quando se põem com tretas sobre a alimentação, a tourada (um clássico) etc etc, eu pergunto: Olha, usas amaciador da roupa??? E trato de explicar que a roupinha macia e cheirosa é patrocinada patrocinada por uma bela vaquinha morta.

A mim não me chateia que sejam ambientalistas/vegetarianos/bla bla bla.
Cada um é o que lhe apetece. Eu sou meia espanhola e a tourada não me aborrece... Por exemplo, poucas pessoas se dão ao trabalho de conhecer a vida dos bois de tourada, que é mesmo VIDA: têm 3 a 5 anos, pastam realmente, ao invés das vaquinhas que todos comemos, que têm seis meses.
Touradas à parte, que dava pano para mangas, chateia-me que se armem em seres superiores (face aos meat eaters) quando são profunda e basicamente ignorantes sobre as coisas(bens) básicas(os)que entram em casas deles....

  Van

quinta-feira, dezembro 04, 2008 7:13:00 da tarde

Chiça, mais um assunto com pano para mangas... passei por altas crises de consciência durante o curso, por causa disso mesmo...até me recusei a assistir a uma vivissecação (desculpa lá mas abrir o peito a um peixe para lhe ver a bater o coração com o bicho vivo...vão mas é pó c*r*lh* e quero lá saber da p*t* da nota). Infelizmente, não há alternativas e as coisas necessitam de ser testadas...ao menos que se dê alguma dignidade e qualidade de vida ao bicho...é discutivel, eu sei, mas qual é a alternativa? Pilinhas a implodir?? Pele a derreter? aspirinas homicidas?... (ná, o exemplo do cabelo roxo não me convence...isso é um mal menor).
Em Inglaterra, não podes trabalhar com cobaias sem que faças um curso formacional sobre como dar um tratamento condigno e sem sofrimento ao bicho. Com direito a exame, e só depois a licença vem. E não há autorização para testar a torto e a direito, tem de se fundamentar tudo muito bem. Em Portugal, deixa-me rir. Compras um coelhinho na coelheira ao lado e já tá...
Infelizmente o meu trabalho implicou a morte de um bichinho. Não por mim, porque hipocritamente recuso-me a assistir ao que acontece (tal como recuso limpar a porcaria que fazem...). Também, no meio de tantas lágrimas dúvido que conseguisse ver alguma coisa. Tal como me recuso a olhar para o bicho e a enfrentá-lo. Que queres...
Serviu para alguma coisa? Bem, espero que no futuro sirva. Serve sempre, que isto da ciência nem sequer é tijolo a tijolo, mas grão de cimento a grão de cimento...é deveras frustrante, e ainda mais quando há sacrificios destes envolvidos. Mas quem sabe se um dia os diabéticos e afins não viverão melhor... :/
Eh pah, sinceramente não sei. A minha consciencia e o meu coração dizem-me que está errado. Mas, não vejo alternativas. Tenho de viver, certo. Desde que o homem é homem que caça para se alimentar, vestir, fazer as suas ferramentas. Os símios não fogem à regra. As leoas caçam gazelas ou antilopes (ou lá o que há por ali). As vacas comem erva. Dê por onde der, fazemos todos parte de uma gigantesca cadeia alimentar, que não passa só por obter alimento. No dia em que formos alma sem corpo e nos alimentarmos directamente da energia do sol, aí sim, testes em animais serão discutiveis.

Discutiveis são as condições em que os bichos são mantidos. Ou o número em que são testados.

E, tópico: testes em condenados à morte? Testes em prisioneiros condenados a pena pérpetua? Era uma alternativa viável aos enforcamentos e cadeiras electricas? Seriam mais úteis assim do que mortos, lá isso seriam...

  Teté

quinta-feira, dezembro 04, 2008 8:13:00 da tarde

Pois é, não vejo outras alternativas!

Mas, em última análise, todos os medicamentos e produtos acabam por ser mesmo testados em humanos. Porque o que não é maléfico para os animais testados, pode sê-lo para os seres humanos...

Acho que todo e qualquer tipo de fundamentalismo roça a estupidez: de direita, de esquerda, ambientalista, vegetariano, religioso, a.s.o.

Quanto às touradas, ou à caça à raposa, ou à pesca "desportiva", já acho a questão completamente diferente - divertimento com o sofrimento/morte dos animais parece-me pura barbárie!

Também não vejo porque não havemos de usar casacos ou sapatos de cabedal, que é um aproveitamento da pele do bicho que comemos. E isso já vem desde o tempo do homem das cavernas, que também não tinha outra alternativa de sobrevivência...

Se de hoje para amanhã se descobrir um método de testar os produtos sem sacrificar animais, pois, melhor! Até lá, terá de ser assim em benefício de todos e até dos próprios animais (outros, que podem ser medicados quando doentes, por via das experiências efectuadas)!

  Feitiozinho

sexta-feira, dezembro 05, 2008 1:41:00 da manhã

Nada me deixou mais deliciada do que saber que dentro dos vegan também tens niveis... há uns que se recusam comer qualquer coisa que faça sombra...

Há muitas razões para uma pessoa não comer carne, peixe, ovos e afins... vá, confesso que já andei pelas andanças das ervinhas e tal mas nunca me passou pela cabeça deixar de comer um belo naco porque vinha de um animal, apenas optei um uma alimentação diferente...

Agora não me venham com merdas, porque essas bestas que tanto andam a gritar pelos direitos dos animais chegam a casa e usam os creminhos para a pele, os detergentes para a roupa, a roupinha feita de lã e afins..

  Lize

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:11:00 da manhã

Pois, é mesmo... Tudo o que é extremo é demais... E muitos ambientalistas são exemplo disso mesmo. Não todos, mas bastantes. Mas concordo contigo plenamente... Matar animais à custa de testes que lhes provocam mal estar e a morte não está certo, mas matar humanos com medicamentos entre outras coisas que não foram testadas... Está pior ainda!

Beijocas

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 1:51:00 da tarde

joemorales disse...

"Dasssse, foste ao fundo da questão e soluções népia... Acho que exageraste desta vez, lol... Mas ri-me que nem um parvo. Bom post, até me fez escrever. Lol."

O blogue daquele idiota fez-me escrever isto.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 1:52:00 da tarde

Incesticide disse...

"Concordo com os teus argumentos, e ate ja tive discussoes com "Vegetarianos" que ao apresentar o mesmo tipo de argumentos, ficaram amuados comigo... Isso mete-me impressao, pensam que e' que sabem e que sao os unicos que fazem bem ao serem o que sao."

Claro que ficam amuados, nao dá para argumentar contra factos. Muitos nem sabem porque raio lhes deu para comer ervinhas...

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 1:54:00 da tarde

Papinha disse...

"Extremismos? Não, Obrigada!"

Eu sou extremamente contra extremismos, o que faz de mim um extremista, mas do lado mais solitário :)

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 1:58:00 da tarde

Afrodite disse...

"Eu tenho uma solução, fazer testes no Otade e no Otapi que me parecem dignos de testes deste tipo..."

Estou tao perto mas tao perto, que já o cheiro :)

"Ficariamos todos mais felizes. Se morressem no processo de testes...ohhh temos pena! :) mas um ohhh temos pena assim daqueles cínicos e hipócritas."

Ahahahahahaha, penas teem as galinhas, eu quero que esse anónimo morra empalado por um cavalo!

"Otade, não publiquei o teu comentário no meu blogue mas fica sabendo que está guardado, ameaçar pessoas dá prisão e por mim...estás a um passo disso ;)!"

Publicaste sim, eu pedi-te para o fazeres. O Otade é um deficiente mental, que ladra, ladra mas não morde. Sabe que me pode encontrar quando bem entender, mas é bom que saiba que não tem hipótese de vencer.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:01:00 da tarde

poeta_poente disse...

"É. verdade. É muito complicado explicar a coerência e sensatez a extremistas, mas nem todos os ambientalistas são assim.
Acho que ser ambientalista é ter consciência ambiental, não é andar a só comer erva e a querer bater em tudo e todos os que comem carne."

Mas quem tem consciência ambiental tem consciência de se distanciar dos ambientalista e incluírem-se no grupo correcto. Os ecologistas!

Os ecologistas sim, respeitam o ambiente, mas acreditam na ciência e buscam soluções. Os ambientalistas são idiotas sem excepção, que buscam fundos e publicidade!

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:02:00 da tarde

Vício disse...

"e agora choro ou rio?"

Eu fico, só estupidificado a ler...

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:02:00 da tarde

Diabólica disse...

"Parabéns pelo post."

Obrigado.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:04:00 da tarde

Monica disse...

"Não esquecer os amaciadores de roupa!!! :) Os pretensos ambientalistas/vegetarianos/bla bla bla bla NÃO SABEM que os amaciadores da roupa são feitos de gordura animal."

Nem é preciso tanto, os sabonetes são feitos com gordura animal. A não ser que eles paguem entre 150 a 300 Euros por um sabonete com gordura humana.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:12:00 da tarde

Van disse...

"Infelizmente, não há alternativas e as coisas necessitam de ser testadas...ao menos que se dê alguma dignidade e qualidade de vida ao bicho...é discutivel, eu sei, mas qual é a alternativa?"

Exacto. É que se vamos por esta lógica, eu acho que é errado destruir este planeta, mas qual é a alternativa? Os outros estao longe demais para destruir e é impossível para o Homem, nao destruir o local onde mora.

"Em Portugal, deixa-me rir. Compras um coelhinho na coelheira ao lado e já tá..."

Comprar é opcional, visto que "em nome da ciência" serve de atenuante :)

"Eh pah, sinceramente não sei. A minha consciencia e o meu coração dizem-me que está errado. Mas, não vejo alternativas."

Mas é isso mesmo, o nao haver alternativas é que torna ridicula a luta para a libertacao dos animais.

"E, tópico: testes em condenados à morte? Testes em prisioneiros condenados a pena pérpetua? Era uma alternativa viável aos enforcamentos e cadeiras electricas? Seriam mais úteis assim do que mortos, lá isso seriam..."

Um condenado a prisão perpétua, tem sempre a hipótese de ser amnistiado ou perdoado. Um condenado à morte, vive na esperança de ver a sua pena colmatada em prisão perpétua, passando a sonhar com uma amnistia ou perdão.

Neste caso, existem os direitos humanos que impedem a tortura. Por outro lado, apesar de poucos, existem inocentes nestas situações. Em terceiro eles já desenvolvem trabalhos úteis à sociedade, dentro das prisões. Por ultimo, em muitos países isso é feito, nomeadamente EUA e China.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:16:00 da tarde

Teté disse...

"Mas, em última análise, todos os medicamentos e produtos acabam por ser mesmo testados em humanos. Porque o que não é maléfico para os animais testados, pode sê-lo para os seres humanos..."

Sim, mas os testes em animais, reduzem os riscos. Se os transplantes não fossem testados com sucesso em animais, morreria muita gente até se salvar a primeira pessoa.

"Quanto às touradas, ou à caça à raposa, ou à pesca "desportiva", já acho a questão completamente diferente - divertimento com o sofrimento/morte dos animais parece-me pura barbárie!"

Claro que sim, nesses casos, sou contra a tortura animal, mas não defendo o fim das touradas, defendo novos métodos de tourear, sem sangue e tortura.

"Também não vejo porque não havemos de usar casacos ou sapatos de cabedal, que é um aproveitamento da pele do bicho que comemos. E isso já vem desde o tempo do homem das cavernas, que também não tinha outra alternativa de sobrevivência..."

Claro, só discordo é quando as peles sao de foca bebé, ou outro tipo de peles que causam a morte do animal para esse fim.

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:19:00 da tarde

Feitiozinho disse...

"Nada me deixou mais deliciada do que saber que dentro dos vegan também tens niveis... há uns que se recusam comer qualquer coisa que faça sombra..."

Uma couve faz sobra e até a agua a faz, assim de repente só me ocorre... o ar :)

  Crest©

sexta-feira, dezembro 05, 2008 2:21:00 da tarde

Lize disse...

"E muitos ambientalistas são exemplo disso mesmo. Não todos, mas bastantes."

Todos, os que sao diferentes sao os ecologistas.

  Eu Penso no Mundo

sábado, dezembro 06, 2008 6:08:00 da tarde

Não quero fazer questão a nada, mas me digam o q vc fazem de bom para o mundo???
Pq um Jovem cria um blog falando sobre ATITUDE E CONSCIENCIA e vcs dizem q é bobeira e não presta, testes em animais não preserva sua vida nem muito menos a do animal usado. Ok, vcs tem a opinião de vcs, mas por favor, não falem o q não sabem, pq um dia pode ser um teste cientifico no seu traseir...., na kra ou no rabo de vcs e vcs vão ver o q é msm!!!
Infelizmente tenho q dizer q este blog é um lixo e não me ajudou em nd na minhavida, agora ao entrar no blog do SENHOR rapaz lá sobre testes em animais, me ajudou sim a esclarecer o q o mundo nos engana e no faz parecer babacas em frente a vida na Terra!!!
Pode excluir este meu comentário como fez do meu amigo ali em cima, não vai resolver nd pq o seu blog contnuará um lixo, e a sua vida tbm, pense bem e reflita sobre os seus conceitos, se vc acha q testes em animais é bom pq vc não faz uma experiência com vc e enfia um metal bem grosso no seu c... ver se assim vc acordar p/a vida!!!
Felicidades!!!

  Skynet

sábado, dezembro 06, 2008 7:44:00 da tarde

Eu costumo medir a qualidade dos textos em que denuncio as tretas da PETA e companhia pela quantidade de insultos que recebo de idiotas fanáticos que me insultam e/ou mostram o quão distorcida é a visão da Natureza e do Mundo que eles têm.

Quantos já recebeste? O meu recorde são 4 por post, mas com ameaças e tudo...

Se não fosse um assunto sério até me dava vontade de rir, o mundo é mesmo governado por doidos

  provocação

sábado, dezembro 06, 2008 9:19:00 da tarde

Fiquei um pouco limitada, este momento acho que só posso abrir a água da torneira e pouco mais, mesmo assim acho que vou preferir morrer à sede que as fontes de água doce estão escasseando...Será que o ar tem nutrientes que cheguem para eu viver? Vou tentar, se resultar, ok, senão, até um dia ;)

  Crest©

domingo, dezembro 07, 2008 12:01:00 da manhã

Eu Penso no Mundo disse...

"Não quero fazer questão a nada, mas me digam o q vc fazem de bom para o mundo???"

O que tenho de melhor a dar ao mundo, é não atrapalhar, não andar armado em activista de esquerda a fazer comentários parvos, nem a pedir dinheiro para questões duvidosas sem base cientifica. Pior, para questões CONTRA a ciência, que é a base do nosso desenvolvimento.

O que eu tenho a dar ao mundo, é não fazer figura de parvo, como a figura deste teu comentário.

"Pq um Jovem cria um blog falando sobre ATITUDE E CONSCIENCIA e vcs dizem q é bobeira e não presta, testes em animais não preserva sua vida nem muito menos a do animal usado."

Nao preserva a minha vida. Ó meu tapado, entao onde foram testados os medicamentos que salvam as NOSSAS vidas? Onde foram testadas as primeiras transfusoes de orgaos?
É pá, se queres discutir, ESTUDA um pouco e depois passa por aqui!

"Ok, vcs tem a opinião de vcs, mas por favor, não falem o q não sabem"

Eu falo do que sei, Tu é aqui vens falar quando mostras nao saber NADA de NADA!

"pq um dia pode ser um teste cientifico no seu traseir..."

Quando chegar aos 40, será feito um teste no meu traseiro, será o teste da próstata, até lá, deixo esses testes para ti!

"na kra ou no rabo de vcs e vcs vão ver o q é msm!!!"

Nao percebi um cu, desta frase!

"Infelizmente tenho q dizer q este blog é um lixo e não me ajudou em nd na minhavida"

Este blog não serve para ajudar idiotas, é necessário um certo QI para ler estas palavras. Se não o tens, também já não te nasce!

"agora ao entrar no blog do SENHOR rapaz lá sobre testes em animais, me ajudou sim a esclarecer o q o mundo nos engana e no faz parecer babacas em frente a vida na Terra!!!"

Claro que qualquer "babaca", se consegue identificar com a opinião de outro "babaca". Como disse, o que escrevo é para gente que pensa com os seu cérebro e não para ovelhas que seguem as ideias idiotas de um qualquer pastor!

"Pode excluir este meu comentário como fez do meu amigo ali em cima"

Ó minha besta, o comentário acima nao era do teu amigo, era do Incesticide e foi removido pelo AUTOR do comentário e nao pelo administrador do blog"
Se o teu "amigo" estiver interessado em comentar, o seu comentário será bem vindo, mas espero que me apresente soluções e não idiotices como você veio para aqui dizer.

"pense bem e reflita sobre os seus conceitos, se vc acha q testes em animais é bom pq vc não faz uma experiência com vc e enfia um metal bem grosso no seu c..."

ó meu burro do caralho, mas tu sabes ler?
Eu disse que NAO concordo em teste em animais, mas NAO HÁ outra solucao!
Sai daí do pantanal e vai para escola!

"ver se assim vc acordar p/a vida!!!"

Eu já acordei, tu és uma ovelha que segue, cegamente idiotas.

O teu nick não deveria ser "Eu penso no mundo", porque obviamente não pensas, deixas que pensem por ti, muda o teu nick para perdido no mundo!

E adaptando um ditado Brasileiro para esta situação, visto que a minha opinião de magoou, "Pimenta no teu cu, para mim é refresco".

Faz-te à vida, lê um livro, estuda e depois tenta argumentar comigo, apresentando OPÇÕES, SOLUÇÕES, ALTERNATIVAS.

Até lá mete o dedo no cu e chupa!


Felicidades!!!

  Crest©

domingo, dezembro 07, 2008 12:04:00 da manhã

Skynet disse...

"Eu costumo medir a qualidade dos textos em que denuncio as tretas da PETA e companhia pela quantidade de insultos que recebo de idiotas fanáticos que me insultam e/ou mostram o quão distorcida é a visão da Natureza e do Mundo que eles têm.

Quantos já recebeste? O meu recorde são 4 por post, mas com ameaças e tudo..."

Os teus textos sobre estes assuntos são melhores que os meus, pois a mim aparece um idiota, e pela terceira vez é Brasileiro...

Fantástico, foram já dois jornalistas Brasileiros a serem enrabados aqui e agora este vendedor de picolé!

  Crest©

domingo, dezembro 07, 2008 12:05:00 da manhã

provocação disse...

"Fiquei um pouco limitada, este momento acho que só posso abrir a água da torneira e pouco mais, mesmo assim acho que vou preferir morrer à sede que as fontes de água doce estão escasseando...Será que o ar tem nutrientes que cheguem para eu viver? Vou tentar, se resultar, ok, senão, até um dia ;)"

Há um grupo Brasileiro que diz que não come nada, que retira todos os nutrientes do ar que respiram, mas também há quem diga que o Pai Natal existe...

  Crest©

domingo, dezembro 07, 2008 12:09:00 da manhã

Eu penso no mundo:

Tu para teres inventado este nick, só para comentar aqui, deves ser o monge que pede dinheiro para salvar o mundo. O autor daquele blog ridiculo.

Podias era ter tomates de comentar com o teu nick e nao com esse nick, onde o link leva à minha conta de blog.

Mas o que se pode esperar de pessoas com baixo, QI, sem argumentos que só querem o chular dinheiro aos incautos.

Só por causa da tua atitude de merda no meu blog, vou ficar de olho no teu. Poes o pé na poça e eu vou-te cair em cima, fazendo-te ferida nesse nalgueiro!

  Van

domingo, dezembro 07, 2008 3:16:00 da tarde

Eu penso no mundo, você me inspirou!! Vou deixar de comer e de me vestir e vou viver nua na amazónia!! Espero que o ar me alimente!!

Bobona.

  Van

domingo, dezembro 07, 2008 3:22:00 da tarde

No outro dia li um texto que me pôs a pensar... sobre uma mãe a lutar pelos direitos do filho preso, com todas as associações humanitárias e afins do lado dela. E sobre uma mãe que perdeu o filho às mãos assassinas desse outro, que não tem qq ajuda humanitária a consolá-la.
.
às vezes penso, para quê permitir direitos humanos a quem não os deu a outrém?...
Ao menos que salvem vidas, humanas e animais.

  ines

domingo, dezembro 07, 2008 5:16:00 da tarde

Cada vez é mais difícil ser-se politicamente correcto. Há coisas para as quais não há alternativas!

  Anónimo

sábado, dezembro 13, 2008 7:47:00 da tarde

sem comentario possivel!
texto infeliz.

aquele abraço, beto

  Anónimo

sábado, dezembro 13, 2008 8:04:00 da tarde

existem outras hipoteses para alem dos testes em animais de laboratorio!
programas de computador conseguem identificar os componentes do produto utilizado e saberem a reacçao exacta que vai ter no corpo humano.
programas de computador ja conseguem identificar a dor que o produto podera causar no corpo humano.
o problema é que sao programas muito caros e ao ser humano é mais facil utilizar aqueles que nao se podem defender do que adquirir um desses programas.
os animais nao foram criados com esse proposito amigo crest, sao sim utilizados para esses fins.
com tanta "merda" que existe na nossa sociedade porque nao fazer esses testes aos violadores, pedofilos,criminosos,ladroes, toda essa escumalha que enche as nossas prisoes e vivem á custa dos "nossos" descontos.

aquele abraço, beto

  Crest©

domingo, dezembro 14, 2008 5:18:00 da manhã

Van disse...

"Eu penso no mundo, você me inspirou!! Vou deixar de comer e de me vestir e vou viver nua na amazónia!! Espero que o ar me alimente!!"

Posso ir contigo?

  Crest©

domingo, dezembro 14, 2008 5:19:00 da manhã

ines disse...

"Cada vez é mais difícil ser-se politicamente correcto. Há coisas para as quais não há alternativas!"

Ainda, não há, poderá haver um dia.

  Crest©

domingo, dezembro 14, 2008 5:37:00 da manhã

Anónimo Beto disse...

"sem comentario possivel!
texto infeliz."

Olhe, este seu comentário é que é feliz e desnecessário, pois quem não tem argumentos para contrapor a minha opinião, deve simplesmente estar calado.

Eu nem deveria, estar a comentar, pois os médicos não me querem online, mas eu não resisti a um comentário tão irreal, e tão básico.

"existem outras hipoteses para alem dos testes em animais de laboratorio!
programas de computador conseguem identificar os componentes do produto utilizado e saberem a reacçao exacta que vai ter no corpo humano."

Ahahahahaha, poupa-me. Tu queres dizer-me que isso é solução?
Então eu digo-te que um computador só te diz o que tu ou alguém já sabem. Se o computador te diz que 2+2 são quatro, tu tiveste de lhe dar a pergunta "2+2" e ele tem de ter a resposta pré inserida. Ou seja o computador não te diz, que tu não tenhas outra maneira de conseguir.

Se os computadores fossem a resposta, não haveria experiências cientificas. Por exemplo, para que raio fazer a experiência no CERNE, se um super computador já disse o que acontecia? A resposta é simples, o computador de PROBABILIDADES.

No caso dos medicamentos o que é feito? É inserida a informação sobre a doença e a informação sobre o efeito cura do medicamento e vê-se os resultados. E os dados imprevisíveis? O computador só nos dá o que inserimos lá. Vamos supor que o medicamento afecta a visão, como é que o computador não vai dizer isto, sem que isto tenha passado pela cabeça de um cientista? É que ele teria de inserir dados sobre a visão, audição, fertilidade. No fundo teria de se tornar um computador num ser vivo de maneira a analisar a reacção do produto no CORPO, na MENTE e não unicamente na área desejada, que É ISSO e SÓ isso que um computador poder fazer.
programas de computador ja conseguem identificar a dor que o produto podera causar no corpo humano.


"o problema é que sao programas muito caros e ao ser humano é mais facil utilizar aqueles que nao se podem defender do que adquirir um desses programas."

É que nem brinques com isto, demonstras um total desconhecimento informático e cientifico. Ciência sem experimentação é filosofia!

"os animais nao foram criados com esse proposito amigo crest, sao sim utilizados para esses fins."

Os ratos de laboratorio sao criados para esse dim, existem empresas que criam animais para venda a laboratório. Eles sao criados para experiencias, tal como há empresas que os criam para os comermos.

Sofrem? Acredito que sim. Mas é um sofrimento justificado. Se um coelho morre em sofrimento, são milhares de vidas humanas que são poupadas. E tenho de me rir na cara de quem acha que os animais sofrem em laboratório, pois deveriam visitar um matadouro e ver como o bife no vossa prato morre!

"com tanta "merda" que existe na nossa sociedade porque nao fazer esses testes aos violadores, pedofilos,criminosos,ladroes, toda essa escumalha que enche as nossas prisoes e vivem á custa dos "nossos" descontos."

Porque criámos os direitos humanos, onde somos todos iguais e não temos o direito de considerar uns mais humanos que outros.
Acho sempre uma piada sem piada nenhuma ao pró-animais que preferem matar humanos.
E se um desses humanos é inocente? Nao terá os mesmos direitos de um coelho? Tem, sim. Tem mais direitos.
Nao concordo que vivam à nossa custa nas prisões, acho que deveriam realizar trabalho como fazem nos EUA, mas Portugal é um país de criminosos, logo criminoso dá regalias aos seus colegas.

Acho repugnante a teoria de "salvam os animais, matem humanos", pelo menos eu, fui contido e pedi voluntários humanos, pois isto é legal e aceitável!

  Crest©

domingo, dezembro 14, 2008 5:49:00 da manhã

Anónimo Beto disse...

"sem comentario possivel!
texto infeliz."

Olhe, este seu comentário é que é feliz e desnecessário, pois quem não tem argumentos para contrapor a minha opinião, deve simplesmente estar calado.

Eu nem deveria, estar a comentar, pois os médicos não me querem online, mas eu não resisti a um comentário tão irreal, e tão básico.

"existem outras hipoteses para alem dos testes em animais de laboratorio!
programas de computador conseguem identificar os componentes do produto utilizado e saberem a reacçao exacta que vai ter no corpo humano."

Ahahahahaha, poupa-me. Tu queres dizer-me que isso é solução?
Então eu digo-te que um computador só te diz o que tu ou alguém já sabem. Se o computador te diz que 2+2 são quatro, tu tiveste de lhe dar a pergunta "2+2" e ele tem de ter a resposta pré inserida. Ou seja o computador não te diz, o que tu não tenhas outra maneira de conseguir.

Se os computadores fossem a resposta, não haveria experiências cientificas. Por exemplo, para que raio fazer a experiência no CERNE, se um super computador já disse o que acontecia? A resposta é simples, o computador SÓ dá PROBABILIDADES e mesmo assim o ser humano tem de prever essas probabilidades e inseri-las nesse computador, caso isto não aconteça o computador vai dizer-te "resultado desconhecido" ou "imprevisível".

No caso dos medicamentos o que é feito? É inserida a informação sobre a doença e a informação sobre o efeito cura do medicamento e vê-se os resultados. E os dados imprevisíveis? O computador só nos dá o que inserimos lá. Vamos supor que um medicamento para a ereccao, afecta a visão, como é que o computador não vai dizer isto, sem que isto tenha passado pela cabeça de um cientista? (Temos o exemplo da primeira fórmula do Viagra)
É que ele teria de inserir dados sobre a visão, audição, fertilidade. No fundo teria de se tornar um computador num ser vivo de maneira a analisar a reacção do produto no CORPO, na MENTE e não unicamente na área desejada, que É ISSO e SÓ isso que um computador poder fazer.

"programas de computador ja conseguem identificar a dor que o produto podera causar no corpo humano."

Se inserires dados sobre essa área afectada. Vamos supor que é testado um antibiótico, eles vão inserir os dados do medicamento, a zona a atacar e vão tentar saber que efeitos causam no estômago. O computador vai dizer que o antibiótico resulta mas que poderá causar cólicas (dor). E todos os dados que não foram inseridos no computador, como factos externos como uma simples constipação, o facto de de o objecto de teste estar em fase de gestação, o poder causar danos mentais, mutações físicas. O computador não é um ser vivo em movimento, nem nunca o poderá ser, ele dar-te-há probabilidades dentro das que TU lhe dizes serem possíveis.


"o problema é que sao programas muito caros e ao ser humano é mais facil utilizar aqueles que nao se podem defender do que adquirir um desses programas."

É que nem brinques com isto, demonstras um total desconhecimento informático e cientifico. Ciência sem experimentação é filosofia!
E de teorias está o mundo farto!

"os animais nao foram criados com esse proposito amigo crest, sao sim utilizados para esses fins."

Os ratos de laboratório são criados para esse fim, existem empresas que criam animais para venda a laboratório. Eles são criados para experiências, tal como há empresas que os criam para os comermos.

Sofrem? Acredito que sim. Mas é um sofrimento justificado. Se um coelho morre em sofrimento, são milhares de vidas humanas que são poupadas. E tenho de me rir na cara de quem acha que os animais sofrem em laboratório, pois deveriam visitar um matadouro e ver como o bife no vossa prato morre!

"com tanta "merda" que existe na nossa sociedade porque nao fazer esses testes aos violadores, pedofilos,criminosos,ladroes, toda essa escumalha que enche as nossas prisoes e vivem á custa dos "nossos" descontos."

Porque criámos os direitos humanos, onde somos todos iguais e não temos o direito de considerar uns mais humanos que outros.
Acho sempre uma piada sem piada nenhuma ao pró-animais que preferem matar humanos.
E se um desses humanos é inocente? Nao terá os mesmos direitos de um coelho? Tem, sim. Tem mais direitos.
Nao concordo que vivam à nossa custa nas prisões, acho que deveriam realizar trabalho como fazem nos EUA, mas Portugal é um país de criminosos, logo criminoso dá regalias aos seus colegas.

Acho repugnante a teoria de "salvam os animais, matem humanos", pelo menos eu, fui contido e pedi voluntários humanos, pois isto é legal e aceitável!

Querem salvar os animais? Querem atacar o meu texto que é inatacável? Apresentem-me soluções lógicas!

  simone

segunda-feira, março 02, 2009 5:00:00 da tarde

Tenho muita pena de você! Com certeza me divertiria muito te ver numa mesa de vivissecção sendo cobaia de testes para verificar o efeito de um ácido em seus olhos; ou o de um rojão no seu rabo! Você é uma piada!!! hahahaha

  Bruno Fehr

segunda-feira, março 02, 2009 5:04:00 da tarde

simone disse...

"Tenho muita pena de você! Com certeza me divertiria muito te ver numa mesa de vivissecção sendo cobaia de testes para verificar o efeito de um ácido em seus olhos; ou o de um rojão no seu rabo! Você é uma piada!!!"

não, eu argumento e o meu texto bem como os meus comentários são inatacáveis. A senhora certamente usa batom, rimel e essas merdas para pintar a tromba, quer testar você mesma? Quer ser cobaia? Eu não uso essas merdas, por isso é você e os falsos moralistas que se devem dar como voluntários para testar esses produtos!

Continuo à espera de argumentos contra o meu texto, mas não os vou receber, visto que os seres humanos inteligentes, não dizem merdas sem sentido como a menina.

  Anónimo

segunda-feira, março 12, 2012 8:26:00 da tarde

Testemos no autor deste blogue. Ele merece.

  Bruno Fehr

segunda-feira, março 12, 2012 11:06:00 da tarde

Anónimo disse...

"Testemos no autor deste blogue. Ele merece."

Você não leu, é muito feio comentar sem ler. Demonstra que tem vontade de participar de uma discussão sem o intelecto para se inteirar do assunto.

Primeiro testam-se nos ambientalistas, vegetarianos e semelhantes hippies modernos e depois eu. No entanto acho que temos um rebanho ilimitado até que eu teste um baton.

  Catarina

quarta-feira, novembro 07, 2012 2:04:00 da manhã

Olá Bruno.

Os testes em animais iriam acabar na Europa em 2012, segundo uma directiva da União Europeia, mas o prazo acabou por se alongar. Se não existirem mais adiamentos, em 2014 serão proíbidos embora com algumas excepções.
Parece-me que, se não houvessem alternativas, esta directiva nunca poderia ter sido tomada.
E se não existissem essas alternativas, como seria possível existirem tantas marcas de produtos de higiéne e cosmética que não testam em animais?

A minha perspectiva é reduzir ao máximo naquilo que tenho escolha. E se posso optar por ter todo o tipo de produto de higiéne e cosmética sem ser testada, porque é que não o faria?? Claro que ainda não tenho a mesma opção relativamente a medicamentos, e consumo-os. Não é hipócrisia, é uma questão de ter ou não opção.
Caso não seja suficiente saber que existem alternativas e sejam precisos os nomes das técnicas, segue o link
http://www.centrovegetariano.org/Article-41-%2BAlternativas%2B%25E0%2BExperimenta%25E7%25E3o%2BAnimal.html
http://www.swissinfo.ch/por/ciencia_tecnologia/Cientista_defende_alternativas_a_experimentacao_animal.html?cid=31312756
http://vista-se.com.br/redesocial/novo-teste-substitui-ensaios-em-animais-na-industria-cosmetica/

Não percebo qual é a celeuma acerca dos vegetarianos ou vegans...Eu não tenho esse tipo de questões com os meus amigos, conhecidos ou familiares e todos eles comem animais e usam produtos testados nos mesmos e eu não. Tenho o meu ponto de vista e eles, o deles. Simples.

As pessoas confundem extremismo com coerência. Se alguém acha que um animal não existe para servir o ser humano, e como tal, não o come, não calça, não o veste, é extremista ou coerente com o seu sistema de crenças? Em quê é que isso afecta os demais?

Em relação ao comentário da Mónica, no seu tom superior "eu pergunto: Olha, usas amaciador da roupa??? E trato de explicar que a roupinha macia e cheirosa é patrocinada por uma bela vaquinha morta." eu dir-lhe-ia não, mas "trato já de explicar" que existe amaciador de roupa vegan... de várias marcas...Não sabia??? Pois é...

O que de facto roça a estupidez, como alguém diz nos comentários, é não saber respeitar os outros. Mas aposto que estão sempre à espera de ser respeitados, certo???

Essa questão das plantas sofrerem,etc, há tanta informação na net sobre as diferenças das percepções sensoriais entre animais e plantas que esse tipo de comentários são, no mínimo, tontinhos...

E já para prevenir o tão famoso e mentecapto comentário " com tantas criancinhas a morrer à fome e vocês preocupados com os animais", bom cada um julga o outro por si próprio. Se uma pessoa só consegue albergar uma questão na sua vida, de facto fica difícil perceber que há outros que conseguem debater-se por vários princípios. E geralmente quem mais critíca é quem menos faz. É que toda a gente é contra o trabalho infantil, mas deixar de ir aos chineses ou deixar de comprar iPhones, iPad's e outros que tais é que já outra conversa...