Os Homens são todos iguais 3


Pois é, esta história dos homens serem todos iguais já vai no terceiro capítulo:

Os homens são todos iguais
Os homens são todos iguais 2

Afinal de quem será o problema com a frase "os homens são todos iguais"?

Será que houve uma mulher algures no mundo que testou todos os homens e desenvolveu esta teoria, e agora as mulheres usam-na como se fosse uma espécie de lei universal?

Ou

Será que todos os homens com que determinadas mulheres se envolvem são iguais, porque elas procuram homens dentro de certos parâmetros, o que faz com que sejam iguais, sendo no fundo um problema delas e não dos homens?

Acho que a frase "os homens são todos iguais", é mais um exemplo da capacidade humana de desculpabilização, onde se culpa um todo desculpando o "eu". Desculpam a sua e a capacidade de certas mulheres em caírem nos mesmo jogos, na teia dos mesmos homens, pois é o tipo de homem que buscam.

Senhoras, os meus boxers são todos iguais mas a culpa não é deles, eu é que compro sempre a mesma marca e a mesma cor. A culpa é minha.
O primeiro passo para resolver este problema é aceitar que os homens são todos diferentes mas vocês andam em busca de características erradas que no final não combinam com a vossa personalidade.

Se eu desenvolver uma teoria que diga que toda a gente está errada e eu certo, há grandes probabilidades de eu estar errado. Será que há mulheres que não percebem isto?

Eu afirmo que as mulheres são todas diferentes. Afirmo que as mulheres da minha vida nos últimos 10 anos foram todas malucas com tendências psicopatas, mas no lugar de rotular as mulheres como sendo todas malucas psicopatas, acho que sou eu que de certa forma procuro, e mesmo quando não procuro atraio as mais loucas das mulheres. Até acho que posso ser eu a despertar uma qualquer insanidade adormecida.

Eu vejo e aceito isto como um problema meu. No dia em que a mulher que usa esta frase sempre que se desilude com um homem, começar a pensar que o problema pode ser dela, esse dia será o inicio da resolução dos seus problemas.

Dizer: "os homens são todos iguais" é tão correcto como dizer; "as mulheres são todas malucas por dizerem que os homens são todos iguais", é tão correcto porque ambas as frases estão incorrectas, pois culpam o todo. Raramente o todo está errado e o individuo certo.

68 Comentários:

  Eu mesma!

quinta-feira, abril 16, 2009 12:42:00 da manhã

Sim....
confesso que essa frase é muito feminina mas Bruno....

acredita ....
homens diferentes conseguem ter atitudes semelhantes...

obviamente que os homens são todos diferentes mas... desculpa... em determinadas situaçoes agem todos quase sempre da mesma forma...

existem obviamente excepcoes mas... como o proprio nome indica são excepcoes... não são regras!

  I.D.Pena

quinta-feira, abril 16, 2009 12:44:00 da manhã

Para mim os homens são todos diferentes, e nada iguais tão unicos como as mulheres.

Mas compreendo a dor quando algumas mulheres dizem isso dos homens são todos iguais, e sim indica que o erro está na mulher. Pois é um erro recorrente.

Para mim que já tou por Tudo ou nada, todos diferentes , todos igualmente diferentes.

Beijos

  Catwoman

quinta-feira, abril 16, 2009 12:45:00 da manhã

Malucas com tendencias psicópatas??? Xiiiiii

Beijinhos

P.S. - Não vou comentar a frase :)

  Ana GG

quinta-feira, abril 16, 2009 12:52:00 da manhã

Concordo absolutamente com a primeira frase da I.D.Pena. Concordo portanto com a tua opinião.

Acho que nunca usei essa frase e sempre torci o nariz de cada vez que a ouvi.
Embora possamos ter determinadas características comuns, somos todos únicos e diferentes, independentemente do género.

Detesto essa frase!

  forteifeio

quinta-feira, abril 16, 2009 1:27:00 da manhã

Isto é discriminar os homens. Pois claro, e agora para não tomar uma atitude de homem e antes de mulher, vou fazer birra. Mas ao fazer isto, estarei a discriminar as mulheres. A ser machista.

Epá se calhar estas frases não têm sentido. Nenhum.

  izzie

quinta-feira, abril 16, 2009 1:56:00 da manhã

concordo com a Eu mesma! :)
Mas também concordo com certas partes da tua "teoria"... logo o que melhor consigo dizer é... gestaltismo... vivemos e dependemos disso... esta-nos programado.

Beijinho,

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:00:00 da manhã

Eu mesma! disse...

"homens diferentes conseguem ter atitudes semelhantes..."

Semelhantes torna-os parecidos e não iguais, nem as atitudes semelhantes são iguais. E essas atitudes são semelhantes pois a mulher busca homens parecidos dentro do seu gosto, logo o problema é mais dela do que dele.
Eu como homem assumo que as minhas ex eram parecidas por culpa minha.

  aNGie

quinta-feira, abril 16, 2009 2:01:00 da manhã

Mais uma vez se espelha a nossa capacidade para categorizar tudo e mais alguma coisa, de forma estanque e invariável, numa simples e redutora frase..

Contrariamente ao que dizes..
Assim como já ouvi, e proferi, essa frase da parte do universo feminino, também já conheci o seu inverso a nível de género.

Na verdade, acredito que não o dizemos por acreditar verdadeiramente nisso.. acho que nem sequer pensamos concretamente no que estamos a dizer quando a frase nos arrebata por momentos.. (tem que ver com a nossa incapacidade e o nosso medo em desconstruir o que foi pré-adquirido)
Julgo até que seja apenas a libertação de um lugar comum, entranhado nas nossas mentes pelos dizeres populares..

Assim como "os homens são todos iguais", temos o "graças a deus"
(ainda que as nossas crenças não combinem com o dito), temos o "és sempre a mesma coisa" (ainda que seja apenas um acto excepcional por parte do agente).. etc.

De facto, este tema mereceria uma exaustiva dissecação, não estivesse eu tão cansada e com tanta vontade de fechar os olhos!

Para terminar..
faz parte da nossa condição humana ter semelhanças e diferenças entre nós..
chama-se a isso identidade, construída por uma série de circunstâncias, pessoais, sociais, educacionais, e, talvez, quem sabe, por algo inato..

procuramos incessantemente algo que nos complete, algo que nos faltou no caminho da construção da nossa personalidade.. por vezes, não é uma questão de escolher o melhor ou pior para nós, mas de escolher o que nos faltava para aprender algo, para construir algo mais..
Mas, sem dúvida, é sempre uma escolha.. por isso, assumamos a nossa responsabilidade..
este é, de facto, o passo mais importante nas nossas aprendizagens ao longo da vida..

Post Scriptum: convenhamos que partilho contigo essa tendência para envolver-me com, chamemos-lhes, "pessoas especiais".. provavelmente aprenderei algo com isso! e acho que gosto de bater com a cabeça nas paredes! acho que gosto que doa! porque a recuperação é sempre uma glória pessoal! uma sensação que não trocaria, talvez, por nada..

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:04:00 da manhã

I.D.Pena:

"todos diferentes , todos igualmente diferentes."

Compreender isto é o primeiro passo para resolver muitos problemas.

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:05:00 da manhã

Catwoman:

Sim, tenho algumas histórias que davam filmes...

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:07:00 da manhã

Ana GG:

"Embora possamos ter determinadas características comuns, somos todos únicos e diferentes, independentemente do género."

Exactamente, essa frase só desculpa os erros de escolha, culpando um sexo como um todo.

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:09:00 da manhã

forteifeio:

Se criticares estás a ser igual a outro homem, se amuares estás a ser igual a outro ainda, portanto estamos sempre lixados :)

  Bruno Fehr

quinta-feira, abril 16, 2009 2:15:00 da manhã

izzie:

O comentário da Eu Mesma! e por concordares, o teu é nem mais nem menos do que uma concordância com o meu texto. Pois parecido não é igual, semelhante não é igual. Eu digo que os homens são parecidos, ela diz que os homens são semelhantes, ou seja, ambos dizemos o mesmo por palavras diferentes e no final concluímos que os homens não são todos iguais, mas sim parecidos com atitudes semelhantes e isto acontece, pois a mulher tem um gosto definido e obviamente todos os homens dentro desses parâmetros vão ser parecidos e por consequência com atitudes semelhantes.

  Fada

quinta-feira, abril 16, 2009 2:22:00 da manhã

Bruno, disseste: "Até acho que posso ser eu a despertar uma qualquer insanidade adormecida".

E depois de estar um bocadão a rir, paro um bocadito só para comentar o texto...

Não somos todos iguais, nem homens entre homens, nem mulheres entre mulheres, nem tudo misturado ( :p ), e eu gosto das diferenças que nos tornam verdadeiramente únicos.
É claro que há pessoas diferentes de mim que eu não gosto ou que não me despertam qualquer interesse, mas também há pessoas muito diferentes de mim que eu adoro! Explicar?? Talvez com aquela máxima de "os opostos atraiem-se", mas na verdade, é porque há respeito pelas diferenças... :)

Beijitos

PS - Vou continuar:
AHAHAHHAHAHAHHAHAHAHAHAHHAHAHAHH
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAAHAH

Adoreeeeei o "despertar da insanidade adormecida"! :D

  Silvia F.

quinta-feira, abril 16, 2009 2:57:00 da manhã

Como tu tenho essa tendência para atrair os mais loucos e mesmo assim cada um deles foram diferentes :)

Essa teoria dos homens serem todos iguais é mais uma expressão do que outra coisa e tão verídica como as características de cada signo do zodíaco.

  Ana

quinta-feira, abril 16, 2009 3:26:00 da manhã

É obvio que tem a ver com os padrões escolhidos. Todas nós temos a noção de que os homens não são todos iguais (como temos para as mulheres)... o que acontece é que, na maioria das vezes, olhamos para alguém e pensamos:

"aquele até é diferente e tal... epá, mas não me diz nada".

  Afrodite

quinta-feira, abril 16, 2009 12:17:00 da tarde

Fdx...os homens não são todos iguais...xiça, isso era bem mau! Quem via um via todos, ou quem sentia um sentia todos...e há diferentes, de vários tamanhos e feitios, há aqueles com falos pequenos, há aqueles de 24cm que assusta qualquer uma. Há os meigos, há os brutos, há os tótós, há os cromos, há os queridos, há os fofos, há os assim assim. Há os inteligentes, há os burros :)...há tanta variedade que isso sim, dificulta a escolha AHHAHAHAHAH!

Bem e depois para além dos homens há o Jorge Bruno da Costa...que ainda não sei bem em que "espécie" catalogá-lo. Merda é espécie??? Ahahahah há a espécie dura, há a menos rija, há a diarreia e há aquela sem cheiro e seca....hmmm ok, fica na sem cheiro e seca :)! Merda sem qualidade. Isto foi um pequeno momento lúdico ;)!

Quanto a ti, és um Homem bem diferente dos que conheço :)! Epaaaa e essa de só atraires loucas...obrigadinha sim??? eheheheh TOMAAAAA!!!!

Abreijinhossss

  Afrodite

quinta-feira, abril 16, 2009 12:20:00 da tarde

Ahh e eu já utilizei essa frase inúmeras vezes mas para suscitar reacção do outro lado, gosto de ouvir/ler a defesa dos que não gostam de ser metidos no mesmo saco eheheheh...mas eu sou assim, provocadora! :)

Abreijinhos e olha lá...escreve lá aquilo, estou aqui que nem posso à espera :)

  Jane Doe

quinta-feira, abril 16, 2009 1:33:00 da tarde

Como é que uma frasezinha dá tanto pano para manga? Ou tanta letra pra escrever?

Não uso essa frase, discordo completamente, e nem tenho paciência para a discutir.

Estou um pouco mais à frente.

E nunca poderia comparar os homens que são parte da minha vida, neste momento, aos que já me magoaram e bla bla bla. Seria demasiado cabra se o fizesse.

E Cabra, sim, mas com limites.

  provocação

quinta-feira, abril 16, 2009 1:48:00 da tarde

Os homens são diferentes quando estão sózinhos, aí são o que são, mas quando estão em grupo ou debaixo de aprovação social há uma espécie de osmose terrível em parece que se fundem com a intenção de se tornarem num super homem versão mau.

  Mistal

quinta-feira, abril 16, 2009 3:17:00 da tarde

Acho que vai um bocado na onda da velhinha frase de "não podemos viver com eles mas tambem não podemos viver sem eles". Na realidade "os homens são todos iguais" resume-se mais a um desabafo feminino quando a coisa não corre como nós queremos. Concordo plenamente com o que escreveste. Mas mas na realidade pouco importa pois é sinal de que até houve uma altura é que o gajo era diferente. heheh. Ou então ele tornou-se tão igual que nos ajudou a ficar diferentes deixar para trás relações seca de treta e seguir em frente.

  Joaninha

quinta-feira, abril 16, 2009 3:31:00 da tarde

As atitudes, por vezes, menos complicadas dos homens já os aproxima muito...não penso que os homens sejam todos iguais mas aquela tendencia que temos para generalizar tudo e todos é mais forte :)cada um com a sua...

  aNGie

quinta-feira, abril 16, 2009 4:02:00 da tarde

provocação disse:
"Os homens são diferentes quando estão sozinhos(...)"

É verdade que uma grande parte dos seres humanos adoptam comportamentos tendo em conta o grupo social em que se encontram.

Temos tendência a ser mais verdadeiros quando estamos sós, ou num grupo mais restricto, onde nos sentimos à vontade para ser quem somos.
Por outro lado, quando estamos num grupo em que existem pré-conceitos e expectativas sobre nós, revela-se a nossa necessidade de cumprir esses termos (sejam eles positivos ou negativos)..

faz parte da nossa necessidade de aceitação social, da nossa busca incessante do sentido de pertença.

Afinal de contas, uma das grandes características do ser humano é a capacidade de adaptação!

  Allie

quinta-feira, abril 16, 2009 6:19:00 da tarde

Julgo que nunca cometi o erro de dizer isso, porque se assim fosse como justificaria o facto de continuar a procurar aquela pessoa especial para partilhar a vida (ou parte dela)? Claro que às vezes achamos incrivel a coincidência de algumas coisas. Por mais que tente fazer diferente parece que o resultado é o mesmo, causado pelos mesmos factores. Mas afirmar isso, é errado. A bem da verdade grande parte da culpa é das mulheres que dizem isso pois no fundo, procuram sempre o mesmo tipo de homem. Contra mim falo :-p mas pelo menos tenho consciência disso.

  DeusaMinervae

quinta-feira, abril 16, 2009 6:20:00 da tarde

Isso de dizer que todos os homens são iguais é mais um desabafo. Mas o que é certo é que tendemos procurar sempre "a mesma Pessoa". Pessoas idênticas... E depois largamos essa frase!

Eu por exemplo tenho tendência a lobos maus, malucos e tarados!

Vai-se lá saber porquê...

  Green Eyes

quinta-feira, abril 16, 2009 7:06:00 da tarde

se quem diz isso realmente acreditasse no que diz não "procuraria" mais... se são todos iguais... ;)

  André

quinta-feira, abril 16, 2009 7:39:00 da tarde

Só o facto de serem as mulheres a dizer é de não dar muita importância!

  Mulheka

quinta-feira, abril 16, 2009 8:13:00 da tarde

Claro que não há homens iguais. Existem sim, homens com atitudes iguais em situações idênticas!!! É só isso....

  São

quinta-feira, abril 16, 2009 9:31:00 da tarde

Não os homens não são todos iguais felizmente, e as mulheres que dizem isso, é porque se sentem magoadas.
Se generalizarmos são todos muito semelhantes, mas se particularizarmos são até bem diferentes e isso não tem a ver com a parte física ou cultural, generalizando classifico-os em dois grupos os homens e os “garotos”.
Se há um que maltrata a mulher seja física e/ou psicologicamente há outro que todos os dias faz 400 km para estar com ela e outro que ao fim de 40 anos de casado não sai de casa sem a beijar e quando regressa procura-a pela casa para lhe dar outro beijo como se aquelas poucas horas que estiveram separados parecessem meses.
Homens ou mulheres é verdade que no nosso pequeno mundo somos únicos especiais para algumas pessoas, num universo mais alargado apesar de sermos todos diferentes somos, só mais um.
Penso que tudo seria mais fácil se soubéssemos e aceitássemos que somos todos diferentes.

  Ritinha

quinta-feira, abril 16, 2009 11:52:00 da tarde

Ola!
Desculpa estar a enviar um comentario em vez de escrever um email, mas nao me dou mesmo com esta Mac... :( Nao consigo ver o teu mail no teu perfil porque diz que preciso de comprar nao sei o que...
Queria agradecer-te a ajuda com o IPhotos, mas a busca com o Spotlight nao deu resultado... Mais aguma ideia?...
Um beijinho
Rita

  Veruska

quinta-feira, abril 16, 2009 11:55:00 da tarde

Não tenho a menor dúvida de que os homens são todos iguais.

Não se trata do seu aspecto, do seu comportamento ou até das suas preferências, o que na realidade acontece é que eles lá bem no seu âmago são todos iguaizinhos.

  JS

sexta-feira, abril 17, 2009 12:28:00 da manhã

Se os homens fossem todos iguais, seria uma monotonia...

Eles são mesmo todos muuuuito diferentes e dão uma trabalheira danada, graças a Deus!

  Anónimo

sexta-feira, abril 17, 2009 12:52:00 da manhã

Não, os homens não são todos iguais..eu é que ainda não tive a sorte de encontrar um diferente..

  cipereira

sexta-feira, abril 17, 2009 1:53:00 da manhã

Acho que a aNGie conseguiu passar para palavras aquilo que eu sinto em relação e essa frase:

"Na verdade, acredito que não o dizemos por acreditar verdadeiramente nisso.. acho que nem sequer pensamos concretamente no que estamos a dizer quando a frase nos arrebata por momentos.."

A percepção que as pessoas têm do que as rodeia é fortemente influenciada pelas experiências de vida de cada um. Eu estou numa fase da minha vida em que, pelo que passei recentemente, caio frequentemente nesse cliché - ressalvando mais uma vez as palavras da aNGie.
Já me disseram muitas vezes (eu no fundo até sei que têm razão) que eu estou a ver a coisa pelo lado errado, mas neste momento da minha vida, um homem que queira alguma aproximação tem de me provar muita coisa primeiro! Mecanismo de defesa, chama-lhe o que quiseres, mas ainda sinto as "queimaduras de outras lenhas" na pele...
Mas isto tanto se aplica a homens como a mulheres, como é óbvio!

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:54:00 da manhã

aNGie disse...

"Na verdade, acredito que não o dizemos por acreditar verdadeiramente nisso.. acho que nem sequer pensamos concretamente no que estamos a dizer quando a frase nos arrebata por momentos.."

Ahahahaha, é isso mesmo :)

"Mas, sem dúvida, é sempre uma escolha.. por isso, assumamos a nossa responsabilidade.."

Nem que seja só um bocadinho, mas os comentários a este texto, sao um primeiro passo :)

"partilho contigo essa tendência para envolver-me com, chamemos-lhes, "pessoas especiais".."

Ahahahaha podes por "especial" nisso, ahahahah

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:54:00 da manhã

Fada disse...

"Talvez com aquela máxima de "os opostos atraiem-se", mas na verdade, é porque há respeito pelas diferenças... :)"

Respeito e curiosidade por tudo o que podemos viver, aprender com o nosso oposto.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:54:00 da manhã

Silvia F. disse...

"Como tu tenho essa tendência para atrair os mais loucos e mesmo assim cada um deles foram diferentes :)"

Sim, se a maluqueira fosse igual eu já saberia a dosagem certa de Xanax a dar-lhes :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:55:00 da manhã

Ana disse...

"É obvio que tem a ver com os padrões escolhidos. Todas nós temos a noção de que os homens não são todos iguais (como temos para as mulheres)... o que acontece é que, na maioria das vezes, olhamos para alguém e pensamos:

"aquele até é diferente e tal... epá, mas não me diz nada"."

Ora aqui está uma grande verdade e exactamente o quero dizer. Ele nao diz nada, mas elas nada procuram nele.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:55:00 da manhã

Afrodite disse...

Errrmmm, nem me passou pela cabeça o tamanho do dito, ahahahahaha

"Bem e depois para além dos homens há o Jorge Bruno da Costa...que ainda não sei bem em que "espécie" catalogá-lo. Merda é espécie???"

Ahahahahahahaahah, merda é merda, é para não pisar :)

"Quanto a ti, és um Homem bem diferente dos que conheço :)! Epaaaa e essa de só atraires loucas...obrigadinha sim??? eheheheh TOMAAAAA!!!!"

Falo no campo dos relacionamentos próximos.

"Ahh e eu já utilizei essa frase inúmeras vezes mas para suscitar reacção do outro lado, gosto de ouvir/ler a defesa dos que não gostam de ser metidos no mesmo saco eheheheh...mas eu sou assim, provocadora! :)"

A vantagens que tens é que a maioria dos homens nao se sabe defender.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:55:00 da manhã

Jane Doe disse...

"Como é que uma frasezinha dá tanto pano para manga? Ou tanta letra pra escrever?"

Ahahahaha, sei lá!

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:55:00 da manhã

provocação disse...

"Os homens são diferentes quando estão sózinhos, aí são o que são, mas quando estão em grupo ou debaixo de aprovação social há uma espécie de osmose terrível em parece que se fundem com a intenção de se tornarem num super homem versão mau."

Regra geral sim, mas a imitação também não faz de uma pessoa igual.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:56:00 da manhã

Mistal disse...

"Na realidade "os homens são todos iguais" resume-se mais a um desabafo feminino quando a coisa não corre como nós queremos."

Sim, eu percebo isso, mas lá que soa a desculpabilização, soa :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:57:00 da manhã

Joaninha disse...

"As atitudes, por vezes, menos complicadas dos homens já os aproxima muito...não penso que os homens sejam todos iguais mas aquela tendencia que temos para generalizar tudo e todos é mais forte :)cada um com a sua..."

Continuo a afirmar que essa generalização é um pouco de fuga ao problema que pode estar no que ela procura num homem.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 5:59:00 da manhã

aNGie disse...

"Por outro lado, quando estamos num grupo em que existem pré-conceitos e expectativas sobre nós, revela-se a nossa necessidade de cumprir esses termos (sejam eles positivos ou negativos)."

Acho isso tudo muito relativo, tem a ver com a mentalidade, a idade, a auto-confiança da pessoa etc...

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:00:00 da manhã

Allie disse...

"Claro que às vezes achamos incrivel a coincidência de algumas coisas."

Mas não será a nossa tendência de no final das relações lembrar o mau e ligar o mau de agora com o mau do passado? É que esquecemos as partes boas.

"A bem da verdade grande parte da culpa é das mulheres que dizem isso pois no fundo, procuram sempre o mesmo tipo de homem. Contra mim falo :-p mas pelo menos tenho consciência disso."

E isso é um passo em frente :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:01:00 da manhã

DeusaMinervae disse...

"Mas o que é certo é que tendemos procurar sempre "a mesma Pessoa". Pessoas idênticas... E depois largamos essa frase!"

Exactamente, a frase vem desculpar um erro que no fundo se sabe que se comente.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:02:00 da manhã

Green Eyes disse...

"se quem diz isso realmente acreditasse no que diz não "procuraria" mais... se são todos iguais... ;)"

Exacto, mais vale ficar logo com o primeiro, nem precisa de saber se ele sabe pendurar prateleiras, pois se sao iguais todos sabem.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:03:00 da manhã

André disse...

"Só o facto de serem as mulheres a dizer é de não dar muita importância!"

Ahahahahaha, Run André RUN!

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:04:00 da manhã

Mulheka disse...

"Claro que não há homens iguais. Existem sim, homens com atitudes iguais em situações idênticas!!! É só isso..."

Isso sim. Mas aplica-se a ambos os sexos.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:05:00 da manhã

São disse...

"Se generalizarmos são todos muito semelhantes, mas se particularizarmos são até bem diferentes"

Homens, mulheres, tudo :)

"Se há um que maltrata a mulher seja física e/ou psicologicamente há outro que todos os dias faz 400 km para estar com ela e outro que ao fim de 40 anos de casado não sai de casa sem a beijar e quando regressa procura-a pela casa para lhe dar outro beijo como se aquelas poucas horas que estiveram separados parecessem meses."

Ora aqui estão imensas diferenças :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:08:00 da manhã

Ritinha disse...

"Desculpa estar a enviar um comentario em vez de escrever um email"

Mas está lá:
bruninhomgr@gmail.com

"Nao consigo ver o teu mail no teu perfil porque diz que preciso de comprar nao sei o que..."

???? Não tens de comprar nada para ver o meu mail, isso é Spyware no teu PC :S

"Queria agradecer-te a ajuda com o IPhotos, mas a busca com o Spotlight nao deu resultado... Mais aguma ideia?..."

Se com o Spotlight nao deu resultado, fiquei sem soluções, mas vou ver se encontro mais alguma coisa.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:10:00 da manhã

Veruska disse...

"Não tenho a menor dúvida de que os homens são todos iguais.

Não se trata do seu aspecto, do seu comportamento ou até das suas preferências, o que na realidade acontece é que eles lá bem no seu âmago são todos iguaizinhos."

No seu âmago? Então se o amor e ódio vem do âmago, se a bondade e maldade vem de lá também, qualquer homem é capaz de espancar a sua mulher até à morte? Qualquer homem é capaz de dar a vida pela sua mulher?

Ambos estes casos são conhecidos e reveladores de âmagos diferentes.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:11:00 da manhã

JS disse...

"Eles são mesmo todos muuuuito diferentes e dão uma trabalheira danada, graças a Deus!"

Ahahahahahaha, boa!

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:11:00 da manhã

Anónimo disse...

"Não, os homens não são todos iguais..eu é que ainda não tive a sorte de encontrar um diferente.."

Ou ainda não mudaste os critérios de procura, por vezes basta um detalhe para que encontres a diferença que buscas.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 17, 2009 6:13:00 da manhã

cipereira disse...

"A percepção que as pessoas têm do que as rodeia é fortemente influenciada pelas experiências de vida de cada um. Eu estou numa fase da minha vida em que, pelo que passei recentemente, caio frequentemente nesse cliché - ressalvando mais uma vez as palavras da aNGie."

Sim eu aceito isso, mas vejo essa frase como parte desabafo, parte o dizer "a culpa não é minha".

  Rafeiro Perfumado

sexta-feira, abril 17, 2009 9:41:00 da manhã

Essa de todos os homens serem iguais é uma grande mentira. Joguei numa equipa de futebol em que se o defesa central fosse o primeiro a tirar os calções mais ninguém tirava! E não, não digo qual era a posição em que eu jogava, assim sempre fica a dúvida no ar...

  Anónimo

sexta-feira, abril 17, 2009 11:37:00 da manhã

Só para provar que os homens NÃO são todos iguais, temos a versão do Stalker...

Aaaah! UPSSSSS!!!

Ele não é homem, é merda, desculpem, estava distraída... :s
Assim, não entra nas comparações... :p

S.

  CS

sexta-feira, abril 17, 2009 1:02:00 da tarde

Dou-te razão. Conseguiste explicar e justificar as tuas "teorias" relativamente a esta frase de uma forma tão sólida que dou-te toda a razão.
E que eu saiba, até hoje... nunca apanhei 2 homens iguais. Pequenas particularidades, pequenos gestos, a forma de falar... tudo. Está tudo nos pormenores e na essência de cada um.

Beijinho

  Vani

sexta-feira, abril 17, 2009 4:41:00 da tarde

Páh...já não posso ouvir falar em homens... :D

  I.D.Pena

sexta-feira, abril 17, 2009 6:58:00 da tarde

André disse...

"Só o facto de serem as mulheres a dizer é de não dar muita importância!"

André meu caro, isso foi uma generalização besta.

  aNGie

sábado, abril 18, 2009 11:47:00 da tarde

Bruno:

Talvez seja relativo..
é um facto de que há uma série de variáveis pelo meio e tu referiste algumas delas (mentalidade, idade, auto-confiança)..

mas.. Será?
Será que, sendo a interacção e integração social uma das condicionantes da acção humana, não influencia, ainda que inconscientemente, a nossa postura e personalidade?

Toda a gente necessita encontrar um lugar na sociedade, seja ele à margem ou parte dela, e isso condiciona os nossos actos quando estamos em grupo..

(claro que esta é só a minha opinião!
confesso que esta foi uma das matérias que mais gosto me deu estudar e refutar! e a verdade é que, ainda hoje, não tenho uma conclusão!) ah ah

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

Rafeiro Perfumado:

Ahahaha, sim há variações físicas também :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

Anónimo disse...

"Só para provar que os homens NÃO são todos iguais, temos a versão do Stalker..."

Ahahaha, sim mas ele não é homem :)

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

CS:

"E que eu saiba, até hoje... nunca apanhei 2 homens iguais. Pequenas particularidades, pequenos gestos, a forma de falar... tudo. Está tudo nos pormenores e na essência de cada um."

E por mais parecidas que sejam algumas atitudes e reacções, acabam por nunca serem iguais.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

Vani disse...

"Páh...já não posso ouvir falar em homens... :D"

Hmmmm, que se passa?

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

I.D.Pena:

Uma generalização tem excepções, que por vezes pode de facto ser difíceis de encontrar.

  Bruno Fehr

sexta-feira, abril 24, 2009 7:09:00 da manhã

aNGie disse...

"Será que, sendo a interacção e integração social uma das condicionantes da acção humana, não influencia, ainda que inconscientemente, a nossa postura e personalidade?"

Claro que influencia e pode influenciar de forma igual, mas cada um agirá de forma diferente, mesmo que parecida.

  pedro

quinta-feira, outubro 28, 2010 9:10:00 da tarde

Gostei, gostei, principalmente da parte final!

É o que se atrai...consciente ou inconscientemente... !!

:)