Escuteiros!


Detesto escuteiros! Pronto disse-o e acreditem que saíu um peso enorme da minha consciência... Bem, não era assim um peso tão grande, mas fica bem exagerar.

Lembro-me de aos 12 anos e, num momento de vergonhosa insanidade mental, ter pedido ao meu pai para me inscrever nos escuteiros. Não pelas roupas idiotas, nem para me tornar num idiota, mas porque tinha gajas muito boas, de acordo com o meu padrão de "boa" na altura. Ao tentar inscrever-me, disseram-me, após me pedirem a minha cédula católica, "desculpe, mas tem de ter pelo menos a primeira comunhão para entrar".

O meu pai, num tom de voz irónico, sabendo as minhas precoces opiniões religiosas, perguntou-me, "e agora, queres ir para a catequese?", eu pensei, "Foda-se!!", mas respondi, "não, obrigado!".

Afinal, iria eu entrar para os escuteiros, ou estudar para padre? Será mesmo preciso, vestir um vestido branco e ser benzido por um "Zé Padre", para me tornar num idiota certificado?

Até hoje não conheci um escuteiro que seja normal, todos tem uma pequena deficiência mental, que os levou a entrar naquele gang para-militar.

Agora vamos lá ver se eu entendo o que é ser escuteiro. Eles regem-se por leis que passo a descrever:

Os dez artigos da Lei Escoteira:

1-A Honra, para Escoteiros, é ser digno de confiança.
É só para os escuteiros? Será que por se ser escuteiro se é digno de confiança. Dizem o mesmo do governo e eu não confio neles!

2-O Escoteiro é leal ao Rei, a sua pátria, aos seus escotistas, aos seus pais, aos seus empregadores, e aos seus subordinados.
Leal ao Rei? Mas será que eles ainda não repararam que vivemos numa Républica? Será que precisamos de um grupo de idiotas, leal ao idiota do Duarte Pio?

3-O dever para o Escoteiro e ser útil e ajudar o próximo.
Ou seja, ajudar as velhinhas a atravessar a rua, mesmo quando elas não querem. E ajudar o próximo vendendo-lhe rifas para sabe-se lá o que. Porque é que em vez de me venderem uma rifa por 1€, não me dão 2€ para um café e um pastel de Belém?

4-O Escoteiro é amigo de todos e irmão dos demais escoteiros, não importando, que país classe ou credo, que o outro possa pertencer.
Ai é? Então porque raio se tem de ser católico para entrar? Estas bestas, são irmãos uns dos outros mas só amigo dos restantes. Amigos sim, mas dispenso escuteiros no meu grupo de amizades.

5-O Escoteiro é cortês.
Foda-se... É?

6-O Escoteiro é amigo dos animais.
Duh! Ele é um animal!

7-O Escoteiro obedece às ordens dos seus pais, do seu monitor ou do seu chefe escoteiro.
Como um bom animal de estimação!

8-O Escoteiro sorri e assobia sobre todas dificuldades.
Sorri e assobia? Ora, lembro-me perfeitamente de me ter irritado com um colega de turma que era escuteiro. Ele violou a lei 5, levou uma sova de porrada e ficou em dificuldades. Não me lembro de o ter ouvido a assobiar e juro que a minha mão não esteve em contacto com os dentes dele, durante toda a sova.

9-O Escoteiro é econômico.
Isso é verdade, um gajo dá um par de estalos e o assunto fica arrumado!

10-O Escoteiro é limpo no pensamento,na palavra e na acção.
O que caralho quer isto dizer?

Há algo nos escuteiros, que me faz lembrar a Juventude Hitlariana ou a Mocidade Portuguesa. Com a diferença que tanto a JH como a MP tinham ideias políticos e os escuteiros, teem... teem... o que é que os escuteiros teem? Ah, sim, lembrei-me. Teem um ar gayzola, com aqueles lencinhos ao pescoço e as meias com berloques à Pipi das meias altas.

Para que servem os escuteiros?

Para serem gozados! Por isso não compreendo toda a polémica em torno da publicidade do Média Markt! O escuteiro não é burro antes de entrar para os escuteiros, nem o é após sair, o problema é o entretanto...

A todos os escuteiros eu dedico a seguinte marcha, pois as semelhanças são incríveis com quem marchava cantando isto:

"Cale-se a voz que, turbada,
Já de si mesma se espanta;
Cesse dos ventos a insânia;
Ante a clara madrugada,
Em nossas almas nascida:
E, por nós, oh Lusitânia,
Corpo de Amor, terra santa
Pátria! serás celebrada;
E por nós serás erguida,
Erguida ao alto da Vida
Nau de Epopeia, a varar,
Ao longe, na praia absorta,
De novo, faze-te ao Mar!
Acesa de ébria alegria,
Soberba de Galhardia,
De novo, faze-te ao Mar,
Que o teu rumo é o verdadeiro!
Se a Morte espreita,
que importa?
«Morrer é partir primeiro»,
Como Camões anuncia !
Querer é a nossa divisa;
Querer, palavra que vem
Das mais profundas raízes:
Deslumbra a sombra indecisa,
Transcende as nuvens de além
Querer, palavra da Graça,
Grito das almas felizes!
Querer! Querer!
E lá vamos!
Tronco em flor, estende os ramos
À Mocidade que passa!
Lá vamos, cantando e rindo,
Levados, levados, sim,
Pela voz de som tremendo
Das tubas,- clangor sem fim . . .
Lá vamos, (que o sonho é lindo!)
Torres e torres erguendo,
Rasgões, clareiras abrindo!
Alva da Luz imortal,
Roxas névoas despedaça,
Doira o céu de Portugal!
Querer! Querer!
E lá vamos!
Tronco em flor, estende os ramos
À Mocidade que passa!"

Marcha da Mocidade Portuguesa

Serão os escoteiros e os escuteiros assim tão diferentes da extinta Mocidade Portuguesa? A Mocidade Portuguesa defendia o estado, os escoteiro sdefendem o Rei... mas nós nem temos Rei... os escutas... escutam, a Mociadade também escutava!

108 Comentários:

  PsYcHo_MiNd

segunda-feira, março 03, 2008 12:56:00 da manhã

Já eu fiz-me amigo de um escuteiro para poder conhecer as gajas do grupo, não deixei sequer a minha mente pensar em ir juntar-me a tal bando. Eu até que lhes achava piada com aquelas saias e meias até ao joelho. Mas parece mesmo que quando somos crianças inocentes tudo parece ser bom, principalmente as gajas.

  PDuarte

segunda-feira, março 03, 2008 2:22:00 da manhã

Estou-me a lembrar que eles por causa de um anuncio televisivo se meteram todos em alerta máximo.
Com este post vão-te sodomizar.
Abraço.
p.s. E as meias com os penduricalhos???

  Allie

segunda-feira, março 03, 2008 9:53:00 da manhã

Bem, eu não fui escuteira... fui Guia! Ah pois é! Só mulheres e chatas. Como só tinha 4 anos quando entrei era Avezinha! Tão linda! Mas tive de sair aos 8 porque o que eu queria era ir aos acampamentos e demais brincadeiras e as chatas queriam que eu trabalhasse também!

  Allie

segunda-feira, março 03, 2008 9:58:00 da manhã

Agora, mais a sério...

As minhas irmãs eram Guias, e claro por influência, eu também entrei. Mas, tal como na politica também ali existe um jogo de influências. A dada altura a minha mãe apercebeu-se que quem ia aos fins-de-semana fora eram sempre as mesmas, as cenas fixes eram sempre para algumas. As outras trabalhavam como boas abelhas obreiras. A dada altura, as minhas irmãs fartaram-se e saíram. Com a saída delas tive de escolher: ou ia às reuniões e fazia a biscatada toda para poder ir aos acampamentos, ou saía. Saí.

  DeusaMinervae

segunda-feira, março 03, 2008 10:46:00 da manhã

Coitado do Rei, defendido por escuteiros destes....

  pax

segunda-feira, março 03, 2008 10:55:00 da manhã

Seja como for, incentivar as crianças a protegerem a natureza e fazerem "boas acções" é sempre muito bom e não só para eles.
Não precisariam de ir para os escuteiros para isso... mas, talvez, muitos filhos de muitos pais precisem mesmo!
:)

  Afrodite

segunda-feira, março 03, 2008 11:49:00 da manhã

Lê o manual da Mocidade Portuguesa...há por lá uma partezita que eu achei uma piada..."educar o intestino"...segundo este manual, se a pessoa fizer sempre à mesma hora, o intestino fica educado...qual reflexo de Pavlov e nem se toca o sino, talvez seja o toque do autoclismo :)...e olha que funciona, não falo em primeira pessoa mas falo de bem perto :).

Quanto a serem gays, os escuteiros...os que conheço dizem que há grandes orgias nos acampamentos :)...também não consegui entrar por me recusar a ouvir o padre, ainda tentei a catequese umas 3 vezes e das 3 desisti com o mesmo discurso (era pequenina): "Oh mãe não achas que o Jesus já está cansado de ouvir aquele senhor a dizer sempre as mesmas coisas???"...os meus pais lá entenderam e não insistiram mais :)...depois disso tive mais aventuras parecidas...que correram muito mal :)...não posso contar aqui que ainda vou presa :)

Abreijos e boa semana

P.S. - Conheço alguns escuteiros que não são fritos da tola :)

  Allie

segunda-feira, março 03, 2008 12:44:00 da tarde

Oh Crest, lembrei-me agora...

E uma fantasia com uma menina escuteirinha? Já gostavas? Espera, menina, mas maior de idade!

  Ana Reis

segunda-feira, março 03, 2008 2:40:00 da tarde

Bom dia alegria!!!!

Excelente post Crest!!!!
Nunca na vida achei piada aos escuteiros,nem as suas fardas idiotas,nem aos seus ideais idiotas,nem ao ar parvinho de quem está sempre contente,nem ás suas estúpidas imposições!!!

E olha que formação católia até tinha...Sim,eu confesso,fiz as duas comunhões e era uma das meninas mais aplicadas da catequese!!!
Adorava cantar no coro,fazia parte do grupo de teatro,adorava ler enfaticamente as passagens da bíblia nas homílias de Domingo,em que a majestosa igreja dos Capuchinhos estava cheia,e em que eu era,por momentos,o centro das atenções(tudo servia para deixar fluir e dar a conhecer a minha vocação artistica...:)

Além disso a catequese servia para por imensas questões ás quais os padres e as catequistas não se escusavam de responder:porquê que os padres não casam(pergunta feita com 6 ou 7 aninhos ao aspirante a padre de olhos azuis que eu já achava piada:),o que é o casamento,como se fazem os bébés,enfim,aquelas perguntas embaraçosas mas ás quais sempre me responderam com verdades ou semi verdades,pois eu era(e sou!) muito chata e curiosa e não me contentava com semi respostas(até porque já sabia a maioria delas,os meus pais sempre foram muito francos comigo,fazia as perguntas só para os embaraçar...:)

Quando aos 12 anos perdi a minha avó e a minha tia(mãe e filha),vítimas de cancro,no espaço de 15 dias uma da outra a minha fé ficou abalada...Elas eram,de facto,as maiores impulsionadoras da minha fé...E quando perguntei na catequese porquê que Deus levou duas pessoas tão boas e maravilhosas como elas e me responderam que " era a Sua vontade e não devemos questionar..." a minha fé terminou ali...

Ma adiante...a publicidade da Media Markt abalou o meio escutista não por "insinuar" que os escuteiros são parvos mas por os por a cagar dentro de uma máquina de lavar!!!Toda a gente sabe que os escuteiros só fazem o bem e são amigos da Natureza,por isso cagam ao ar livre para estrumar a terra e assim crescerem mais florinhas e árvores!!!!Agora cagar dentro de máquinas de lavar não!!!!:)

Sempre detestei grupos onde todos fizessem as mesmas coisas...Os grupos a que pertenci,de música e teatro,sempre foram apologistas da diferença,e não de carneirismos e regras estabelecidas!!!

Viva a diferença!Viva a liberdade de pensamento e de expressão!Viva tudo o que nos destaca,o que nos torna diferentes entre iguais,tudo o que nos torna únicos e especiais!!!

Beijos e Keijos

  iFrancisca

segunda-feira, março 03, 2008 3:26:00 da tarde

Eu acho os escuteiros uns simpáticos... dá-me imenso jeito que eles me ponham as compras nos sacos quando vou ao supermercado...
Desculpa Crest mas eu preciso de um escuteiro prestável na caixa do supermercado

  Mamie2

segunda-feira, março 03, 2008 3:36:00 da tarde

Sabes que também existem escuteiros não católicos?

Olha tenho vários amigos escuteiros e até tenho um exemplar lá em casa! Não acho que tenham maior ou menor deficiência mental que os não-escuteiros.

Têm um óptimo baby sitting para sábados à tarde e acho que os valores que incutem aos miúdos são bem apreciáveis.

Ensinar a preservar a floresta, ajudar os mais próximos e outros temas do género - sem fundamentalismos - é até bastante útil.

Acho que deves ter tido problemas com alguma escuteira-frita :P

  Helluah

segunda-feira, março 03, 2008 3:37:00 da tarde

eu nunca gostei dos escuteiros por serem taooo bonzinhos... baaahhh... tristes!!

  Anónimo

segunda-feira, março 03, 2008 3:59:00 da tarde

Como me lembro bem desse "hino da mocidade portuguesa" !
E daquela farda castanha com um bivaque na cabeça.
É que eu, nos primeiros tempos do liceu....tive uma !
E o pior é que à 4ªfeira (se não estou errada) era dia de vestir aquela geringonça. E não só...associada à farda ainda havia a revista : "Menina e Moça", onde nos eram impingidas as teorias pelas quais nos devíamos reger.
Ler ainda as lia, mas lá segui-las...
Isto há 45/48 anos.
Longe vão estes tempos.
Mas sempre fui avessa a fardas !
boa semana

turbolenta

  Moyle

segunda-feira, março 03, 2008 4:00:00 da tarde

ora precisamente...

[ficava bem aqui aquela dos meninos vestidos de parvos guiados por um parvo vestido de menino, mas a repetição seria exagerada]

  Erotic Spirit

segunda-feira, março 03, 2008 4:06:00 da tarde

lol lol olha que ainda pensei em por a miuda nos escuteiros mas depois conheci os papas e as mamas do grupo - CREDO!! Cambada de beatos ...e mais ou menos a mesma experiencia - nao somos catolicos

:)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:04:00 da tarde

PsYcHo_MiNd:

"Mas parece mesmo que quando somos crianças inocentes tudo parece ser bom, principalmente as gajas."

Pois... já que falas nisso, estou a lembrar-me de duas ou três que hoje não queria, nem cobertas de ouro...

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:04:00 da tarde

PDuarte:

"Estou-me a lembrar que eles por causa de um anuncio televisivo se meteram todos em alerta máximo.
Com este post vão-te sodomizar.
Abraço."

Um escuteiro é cortez :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:07:00 da tarde

Allie:

"Mas tive de sair aos 8 porque o que eu queria era ir aos acampamentos e demais brincadeiras e as chatas queriam que eu trabalhasse também!"

Trabalho? Olha o descaramento!!!

"Mas, tal como na politica também ali existe um jogo de influências. A dada altura a minha mãe apercebeu-se que quem ia aos fins-de-semana fora eram sempre as mesmas, as cenas fixes eram sempre para algumas. As outras trabalhavam como boas abelhas obreiras."

Isso passa-se em todo o lado. Quer dizer a parte boa era só para alguns e depois querem que a malta seja cortez :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:08:00 da tarde

DeusaMinervae:

"Coitado do Rei, defendido por escuteiros destes..."

Se a monarquia não volta é graças ao escuteiros :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:09:00 da tarde

pax:

"Seja como for, incentivar as crianças a protegerem a natureza e fazerem "boas acções" é sempre muito bom e não só para eles.
Não precisariam de ir para os escuteiros para isso... mas, talvez, muitos filhos de muitos pais precisem mesmo!"

Boas acções e pedir dinheiro a quem não o tem, não combina!

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:14:00 da tarde

Afrodite:

""educar o intestino"...segundo este manual, se a pessoa fizer sempre à mesma hora, o intestino fica educado..."

Mas isso é verdade. O meu pai tem o intestino educado. Após as refeções a ida ao WC é automática. Sabe sempre quando vai precisar de ir, por isso a essas horas está sempre perto de casa, pois recusa-se a usar WC´s estranhos.

"ainda tentei a catequese umas 3 vezes"

Eu tentei duas. Ao Sábado não tinha com quem brincar, pois toda a gente estava na catequese, fui lá duas vezes. Na primeira aprendi o Pai nosso e a Avé Maria, na segunda vez como trabalho de casa, mandaram-me escrever uma carta, com o que eu queria dar no Natal ao menino Jesus... Nunca mais lá apareci. Eu queria era receber, não era dar presentes a um gajo morto com que já tinha mais de 1.900 anos!!!

"P.S. - Conheço alguns escuteiros que não são fritos da tola :)"

Ou ainda não o demontraram :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:15:00 da tarde

Allie:

"E uma fantasia com uma menina escuteirinha? Já gostavas? Espera, menina, mas maior de idade!"

Sim, maior de idade e com tótós. Seria um broche com pegas :)

Eu não acredito que disse isto... mas disse :/

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:21:00 da tarde

Ana Reis:

"E olha que formação católia até tinha...Sim,eu confesso,fiz as duas comunhões e era uma das meninas mais aplicadas da catequese!!!"

Ias no bom caminho... agora usas Stilletos... :P

"o que é o casamento"

É uma coisa de loucos!

"como se fazem os bébés"

Indo aos treinos!

"Quando aos 12 anos perdi a minha avó e a minha tia(mãe e filha),vítimas de cancro,no espaço de 15 dias uma da outra a minha fé ficou abalada..."

Eu perdi o meu primo com 4 anos numa véspera de Natal. Ao perguntar o porquê de ele ter morrido e o Jonas Savimbi estar vivo, um padre disse-me que Deus só queria pessoas boas a seu lado. Foi esta resposta que me fez perder toda a fé num Deus bom!

"não por "insinuar" que os escuteiros são parvos mas por os por a cagar dentro de uma máquina de lavar!!!"

E então, ele queira lavar a merda que faz, uma espécie de purificação de fezes :P

"Viva a diferença!Viva a liberdade de pensamento e de expressão!Viva tudo o que nos destaca,o que nos torna diferentes entre iguais,tudo o que nos torna únicos e especiais!!!"

Ena, Viva, Viva e Viva EU!

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:22:00 da tarde

iFrancisca:

"Eu acho os escuteiros uns simpáticos... dá-me imenso jeito que eles me ponham as compras nos sacos quando vou ao supermercado...
Desculpa Crest mas eu preciso de um escuteiro prestável na caixa do supermercado"

Os supermercados por aqui têm uma assistente para o fazer :P Não é preciso colocar a Juventude Hitleriana junto às caixas :P

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:27:00 da tarde

Mamie2:

"Sabes que também existem escuteiros não católicos?"

Esses devem ser a tropa de elite dos escuteiros, que fazem todo o trabalho sujo para defender o Rei :P

"Olha tenho vários amigos escuteiros e até tenho um exemplar lá em casa! Não acho que tenham maior ou menor deficiência mental que os não-escuteiros."

Eu acredito que, vestir toda a gente de igual, fazer com que toda a gente acredite no mesmo, siga as mesmas pessoas é um passo para a estupidificação, combate a individualidade da criança numa altura crucial em que está a solidificar a sua personalidade. Seguir outros cegamente, cria servos e não lideres. É este o principal perigo destes grupos!

"Têm um óptimo baby sitting para sábados à tarde e acho que os valores que incutem aos miúdos são bem apreciáveis."

Excepto a individualidade e liberdade de escolha!

"Ensinar a preservar a floresta, ajudar os mais próximos e outros temas do género - sem fundamentalismos - é até bastante útil."

Esse seria o papel dos pais...

"Acho que deves ter tido problemas com alguma escuteira-frita :P"

Ainda não, mas tenho esperança :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:27:00 da tarde

Helluah:

"eu nunca gostei dos escuteiros por serem taooo bonzinhos... baaahhh... tristes!!"

Ahahaha, até cansa :)

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:28:00 da tarde

Turbolenta:

""Menina e Moça", onde nos eram impingidas as teorias pelas quais nos devíamos reger.
Ler ainda as lia, mas lá segui-las..."

Ehehehe

"Mas sempre fui avessa a fardas !"

Gosto de fardas em brincadeiras sexuais :P

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:29:00 da tarde

Moyle:

"[ficava bem aqui aquela dos meninos vestidos de parvos guiados por um parvo vestido de menino, mas a repetição seria exagerada]"

Ahahaha, boa!

  Crestfallen

segunda-feira, março 03, 2008 6:31:00 da tarde

Erotic Spirit:

"lol lol olha que ainda pensei em por a miuda nos escuteiros mas depois conheci os papas e as mamas do grupo - CREDO!!"

Deixa a miúda crecer livremente, não a tornes numa escrava a vender biscoitos de porta em porta.

Bem, aí ele ainda vendem biscoitos, em Portugal vendem rifas que não se podem comer :)

  Foi Bom

segunda-feira, março 03, 2008 6:42:00 da tarde

Eu fui escuteira...Um dia, ha muitos anos atras...

  Ana Reis

segunda-feira, março 03, 2008 6:54:00 da tarde

"Ias no bom caminho... agora usas Stilletos... :P"

Continuo no bom caminho,mas muito mais gira e bem calçada!!!:)

" Foi esta resposta que me fez perder toda a fé num Deus bom!"
Eu deixei de acreditar que a proximidade com o bem,com as forças que nos impulsionam para o que é positivo para cada um de nós se consegue através da igreja.Continuo a acreditar no bem,numa força que nos ilumina,mas que vem sobretudo de dentro de nós!

"E então, ele queira lavar a merda que faz, uma espécie de purificação de fezes :P"
Aleluia irmão!!!


"Viva a diferença!Viva a liberdade de pensamento e de expressão!Viva tudo o que nos destaca,o que nos torna diferentes entre iguais,tudo o que nos torna únicos e especiais!!!"

Ena, Viva, Viva e Viva EU!"

Desculpa lá Crest,deixei-me levar pela emoção!!:)
Tenho que arranjar o meu próprio blog urgentemente...:)

Beijos e Keijos

  Kenny

segunda-feira, março 03, 2008 9:26:00 da tarde

Em Portugal existem os EscUteiros, ou Corpo Nacional de Escutas, vulgo, CNÉ's que são os católicos e muito anjinhos. E existem os EscOteiros, ou Associação de Escoteiros de Portugal ou AEP's, que não são católicos, onde podem andar pessoas de qualquer religião. São duas associações de escoteiros diferentes. Eu andei em ambos, sai dos CNE porque odeio padres, literalmente, são uns hipócritas do "camandro", "dêem dinheiro aos pobres e deixem-me andar de BMW". E sai dos AEP porque comecei a jogar futsal de forma profissional, o que me ocupava os Sábados à tarde. : \

Mas os AEP até eram fixes. =D
"Nós só queremos ver os CNÉs a arder..." : >

Excelente blog que tens aqui. Já acompanho à muito, mas só agora tive razões para comentar. =)

Continua assim! \o/

PS: Ainda existem as Guias de Portugal mas aí nunca andei. lol! Seria bem fixe um acampamento rodeado de meninas. : >

  pax

segunda-feira, março 03, 2008 10:05:00 da tarde

"Boas acções e pedir dinheiro a quem não o tem, não combina!"

Desculpa lá, mas nunca ouvi dizer que alguém tenha pedido um empréstimo bancário para comprar uma rifa aos escuteiros!
Quem não o tem, simplesmente não o dá!

  Zaka

segunda-feira, março 03, 2008 10:25:00 da tarde

Bem, eu também não simpatizo com escuteiros. Não curto o facto de serem um grupo fechados, terem costumes algo ridículos e vestirem-se de maneira manifestamente ridícula!
Mas por outro lado também compreendo que têm coisas porreiras, nem que mais não seja meterem os putos a correr ao ar livre, coisa que hoje tende a ser raridade com o super-proteccionismo dos pais!

Nunca fui escuteira! Tinha um agrupamento de escuteiros à minha porta e sempre nutri por eles o mais profundo ódio!

Conheci, namorei e casei com um ex-escuteiro! Não o acho atrasado mental... e não sei se por minha influência (assobio) hoje em dia está muito longe desse mundo... mas na altura, tirando o facto de se fartar de trabalhar para uma coisa que não lhe dáva compensações monetárias e muitas preocupações e ter que queimar dias de férias para ir para acampamentos onde eu não podia (nem queria) entrar foi o mote para eu lhe dizer que ele tinha que escolher... ou o lencinho... ou eu! E prontos... lá desencaminhei um escuteiro!

  Abobrinha

segunda-feira, março 03, 2008 10:31:00 da tarde

Crestfallen

Tiveste quase 30 anos para chegar à conclusão que o padre que te disse que Deus queria as pessoas boas ao lado dele estava a ser totó e a dizer que as pessoas que perdeste eram boas, pensando que isso te ia consolar. E no entanto escolheste ficar com essa impressão.

Tens também a ideia de que ao fazer parte de uma organização em que se trabalha em grupo se perde a individualidade e a liberdade... ... o teu espírito crítico não é o que eu pensava que era!

Fora isso, as fardas são um horror! O meu cunhado é dos poucos que fica aceitável com aquilo e isso é porque é todo altão e tem um ar afável. E a minha sobrinha também se iniciou nos escuteiros, ficas a saber. E gosta! O irmão quer ser chefe (tem 4 anos mas já sabe o que quer: é um puto cheio de personalidade).

  Abobrinha

segunda-feira, março 03, 2008 11:45:00 da tarde

Por falar em valores, os gajos da Burton fizeram batota e retiraram milimetricamente ao Krippmeister o lugar na final que ele merecia, ao retirar-lhe pontos sem sequer esclarecer o critério. Divulga também isso! É sempre interessante ter exemplos de desportivismo!

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 10:58:00 da manhã

Foi Bom:

"Eu fui escuteira...Um dia, ha muitos anos atras..."

Estás arrependida? Se tiveres ainda podes ser salva :)

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:00:00 da manhã

Ana Reis:

"Desculpa lá Crest,deixei-me levar pela emoção!!:)"

Deixa-te levar "melher", preocupa-te é quando eu tornar este blogue numa seita religiosa :)

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:05:00 da manhã

Kenny:

"Em Portugal existem os EscUteiros, ou Corpo Nacional de Escutas, vulgo, CNÉ's que são os católicos e muito anjinhos. E existem os EscOteiros, ou Associação de Escoteiros de Portugal ou AEP's, que não são católicos, onde podem andar pessoas de qualquer religião."

Uns vem de "escutas", serão estes os responsáveis pelas tão faladas escutas telefónicas?

"sai dos CNE porque odeio padres, literalmente, são uns hipócritas do "camandro""

Podes dizer "hipócritas do caralho", que eu deixo e devemos dizer o que pensamos e sentimos!


"Mas os AEP até eram fixes. =D
"Nós só queremos ver os CNÉs a arder..." : >"

Com esta frase, lá se vai o código de honra... Afinal eles são amigos de toda a gente, excepto dos CNE´s... Isso é xenofobia!

"PS: Ainda existem as Guias de Portugal mas aí nunca andei. lol! Seria bem fixe um acampamento rodeado de meninas. : >"

Eu tenho a certeza que as fazia perderem-se...

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:10:00 da manhã

pax:

"Desculpa lá, mas nunca ouvi dizer que alguém tenha pedido um empréstimo bancário para comprar uma rifa aos escuteiros!
Quem não o tem, simplesmente não o dá!"

Desculpa? Eles nunca na puta da vida deveriam pedir um cêntimo! Pedir dinheiro seja quanto for é pedir retribuição pelas boas acções. Existem formas de financiamento alternativas.

Ainda por cima, vender rifas daquelas que todos conhecemos, onde não há prémios nem sequer sorteio.

Nos EUA, pelo menos eles vendem algo (biscoitos), realizaram um trabalho e vendem-no, aceitam artigos e fazem vendas de rua. Mas não pedem dinheiro. Se querem dar algo de si, na forma de ajuda e boas acções, não podem pedir um tostão, pois isso cai no campo da hipócrisia e pessoalmente, se fosse Rei, queimava-os vivos num pelourinho sempre que andassem a pedir.

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:17:00 da manhã

Zaka:

"Nunca fui escuteira! Tinha um agrupamento de escuteiros à minha porta e sempre nutri por eles o mais profundo ódio!"

Se eu tivesse um grupo desses à porta, chamava a policia!

"Conheci, namorei e casei com um ex-escuteiro!"

E está melhor?

"Não o acho atrasado mental..."

...o amor é cego... lol, estou a brincar :)

"mas na altura, tirando o facto de se fartar de trabalhar para uma coisa que não lhe dáva compensações monetárias"

Olha és uma porca capitalista como eu :), quem acha que deve receber compensação pelo seu trabalho, não tem estofo para ser ou compreender os escuteiros ou os escoteiros. Mas em Portugal eles fazem peditórios nacionais, o que só por si, destrói tudo o que deram a sociedade, pois pedem de volta algo.

Mas isto é mal dos Tugas, não dão ponto sem nó.

"E prontos... lá desencaminhei um escuteiro!"

HALELUJA, irmã. Salvaste um. Este teu testemunho é a prova que eles e elas ainda podem ser salvos. Nunca é tarde. (Agora sim, este blogue parece uma seita religiosa)

  pax

terça-feira, março 04, 2008 11:18:00 da manhã

Não achas que isso do "queimar vivo", já passou de moda há uns anitos?
Se bem que, realmente, crianças a pedirem dinheiro para rifas é bem mais grave que as bruxarias da idade média...
Ai, Crest, Crest, se fosses rei, lá teriamos nós de mudar de reino!
:)
(Eu até te consigo imaginar a dar dois euros quando o preço da rifa era só de um...)
Lol.

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:30:00 da manhã

Abobrinha:

"Tiveste quase 30 anos para chegar à conclusão que o padre que te disse que Deus queria as pessoas boas ao lado dele estava a ser totó e a dizer que as pessoas que perdeste eram boas, pensando que isso te ia consolar. E no entanto escolheste ficar com essa impressão."

O que percebi, é que temos de maus como as cobras para termos uma boa vida... E não é que estava certo?

"Tens também a ideia de que ao fazer parte de uma organização em que se trabalha em grupo se perde a individualidade e a liberdade..."

Nan, na nana, eu não disse isso! Nada de colocar palavras na minha boca. O que disse é que em grupos militarizados onde existem uniformes, onde se segue CEGAMENTE os lideres que nunca podem ser contestados e raramente questionados, sim, aí perde-se a individualidade.

Eu fui voluntário nas tropas aerotransportadas, fiz uma missão de 6 meses fora do país. Eu bem sei que apesar de ser licenciado e o gajo com mais estudos no meu batalhão, perdi a vontade própria e tornei-me no robot como todos os outros, fui quebrado de todas as maneiras mas não me quebraram mentalmente. Mas, precisei de 1 mês longe de todo aquele mundo, para ver o buraco onde estava metido e até que ponto é fácil tornar as pessoas em ovelhas.

Os escuteiros é exactamente a mesma escolha, onde a antiguidade é um posto e os lideres proferem ordens que não devem ser questionadas. Isto cria ovelhas e não individuos.

"... o teu espírito crítico não é o que eu pensava que era!"

Não é quando colocam em contexto coisas que eu não disse ou escrevi.

"E a minha sobrinha também se iniciou nos escuteiros, ficas a saber. E gosta! O irmão quer ser chefe (tem 4 anos mas já sabe o que quer: é um puto cheio de personalidade)."

Claro que gosta. Toda a gente que entra para esses grupos antes de ter a personalidade formada, gosta. Mesmo com personalidade formada, dificilmente não gostará.

Este texto pode, ter sido escrito de uma forma leve e irónica. Mas quando comparo os escuteiros à mocidade Portuguesa e a grupos para-militares com lavagens cerebrais, falo muito, muito a sério!


"Por falar em valores, os gajos da Burton fizeram batota e retiraram milimetricamente ao Krippmeister o lugar na final que ele merecia, ao retirar-lhe pontos sem sequer esclarecer o critério."

Ele por acaso leu o regulamento de participação? É que ele poderá ter perdido todo e qulauqer direito sobre o design, que acredito que não tenha sequer registado.

Existe um motivo pelo qual nós não usamos Burton. Primeiro porque as pranchas não valem a ponta de um corno. Segundo, porque para compensar a falta de qualidade a Burton tem "roubado" desenhos apelativos em concursos como este.

Tenho a certeza que o prémio, ficará dentro da Burton, pois ganhará um Designer deles. Mas se o regulamento lhes der direitos sobre os desenhos dos participantes... aí quem ganha são eles.

"Divulga também isso!"

Na minha equipe ou na associação de Hamburgo a Burton não existe. Não aceitamos ofertas da empresa nem patrocinios deles.

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 11:34:00 da manhã

pax:

"Não achas que isso do "queimar vivo", já passou de moda há uns anitos?"

Ser Rei também e os escuteiros ainda aqui andam!

"Ai, Crest, Crest, se fosses rei, lá teriamos nós de mudar de reino!"

Depende, primeiro iam os escuteiros, depois os religiosos fanáticos e assim por diante até chegar ao João Pedro Pais.

Portugal seria um país lindo!

"Eu até te consigo imaginar a dar dois euros quando o preço da rifa era só de um...)"

Claro que sim, sou gajo para dar 2€ a um Albanês para foder o escuteiro ao estalo :).

E na verdade, eu sou um gajo que nunca diz que não a uma esmola. Mas tenho os meus limites!

  Abobrinha

terça-feira, março 04, 2008 11:58:00 da manhã

Filhinho

"Este texto pode, ter sido escrito de uma forma leve e irónica. Mas quando comparo os escuteiros à mocidade Portuguesa e a grupos para-militares com lavagens cerebrais, falo muito, muito a sério!"

Chill out!! Não conheço demais dos escuteiros, mas não são comparáveis a uma organização e tanto quanto eu sei não fazem lavagem cerebral nem quebram a personalidade de ninguém. Pelo contrário, vejo grupos em casa da minha irmã a organizar eventos e actividades, puxando pelo sentido de responsabilidade e pela criatividade dos putos. Estou a transmitir-te o que vejo (fora as fardas ridículas).

Uma organização militar, pelo contrário, treina máquinas de matar ou de capacidade de matar. Isso quando funciona: o meu pai foi à guerra colonial e nem isso lhe incutiram. A própria causa era tão pobre que nem isso tinha capacidade de fazer. Mas a capacidade crítica do povo era tão baixa que a porra da guerra durou anos e anos.

Agora o que é relevante (mas sobre o que não sou capaz de opinar) é se os militares estavam com força anímica para uma missão de paz.

Mas acho que estás a ser um pouco injusto para com os escuteiros. O que é só uma opinião.

  Ana Reis

terça-feira, março 04, 2008 12:15:00 da tarde

"Deixa-te levar "melher", preocupa-te é quando eu tornar este blogue numa seita religiosa :)"

Eu fico como tesoureira da seita,sim???Óóóóó deixaaaaaaaa!!!!!

  pax

terça-feira, março 04, 2008 12:21:00 da tarde

Modas passarem é uma coisa, isto :«se fosse Rei, queimava-os vivos num pelourinho sempre que andassem a pedir.» é outra ligeiramente pior!
Além de que só os queimarias vivos uma vez e não sempre que pedissem...

"Depende, primeiro iam os escuteiros, depois os religiosos fanáticos e assim por diante até chegar ao João Pedro Pais."
"Portugal seria um país lindo!"

A única coisa que me chocou nesta frase foi mesmo o "e assim por diante"...

Lindo mesmo! Selvagem, natural e desabitado, mas muito lindo na mesma!

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 12:47:00 da tarde

Abobrinha:

"Não conheço demais dos escuteiros, mas não são comparáveis a uma organização"

São um grupo organizado , com uma organização hierárquica e selectivo em relação a quem entra no grupo. Sim isto constitui uma organização e não uma associação onde se elege os corpos gerentes.

"e tanto quanto eu sei não fazem lavagem cerebral nem quebram a personalidade de ninguém."

Uma lavagem cerebral pode ser feita de diversas maneiras. O escuteiro respeita uma hierarquia sem a questionar, rege-se pelo livro de leis dos escuteiros e não pelo seu senso comum, pede autorização sempre que deseja fazer algo fora do padrão e por fim veste-se para fazer parte de um todo e não para ser um individuo.

"Pelo contrário, vejo grupos em casa da minha irmã a organizar eventos e actividades, puxando pelo sentido de responsabilidade e pela criatividade dos putos."

Mas pelo pelo individualismo, senso comum e liberdade de opinião ou pensamento.

"Uma organização militar, pelo contrário, treina máquinas de matar ou de capacidade de matar."

Errado, uma organização militar treina treina máquinas se sobrevivência, onde matar é o último recurso. Em guerra o objectivo é atingir a economia do inimigo e isso faz-se com feridos e não como mortos. Os mortos saem grátis e ninguém deixa um ferido para trás.
Refiro-me aos escuteiros como "para-militar" ou "militarizada" devido às imensas semelhanças com o exército, nunca disse "militar".

"o meu pai foi à guerra colonial e nem isso lhe incutiram."

O teu pai era militar?
Milhares de homens Portugueses que foram à guerra não eram militares, levaram com um treino de 3 meses em Portugal e foram largados numa guerra. A lavagem é feita a militares voluntários, que são trabalhados com tempo, aos quais testam os limites da sanidade mental. Isso não se faz do dia para a noite.

"A própria causa era tão pobre que nem isso tinha capacidade de fazer. "

Nunca um guerra é uma causa, para a qual orientam os militares. Pois isso serviria para uma guerra mas não para outra. A ideia dada vai para além de tudo isso, o militar é levado a acreditar que tem o dever de dar a sua vida pelo seu país, sendo o seu país a sua terra com todas as pessoas que ama. É essa a causa incutida num militar, ninguém morre para manter uma colónia ou por um ideal politico.

Tal como o juramento de bandeira dos militares diz "Juro defender a pátria até ao custo da própria vida", sendo a definição de "pátria" misturada com o amor à familia nos meses antes do juramento.


"Agora o que é relevante (mas sobre o que não sou capaz de opinar) é se os militares estavam com força anímica para uma missão de paz."

Portugal não foi para lá para uma missão de paz. Portugal depois da primeira guerra mundial e até 1996 nunca participou numa missão de paz, por isso a missão de paz na Bósnia correu tão mal nos primeiros anos, onde perdemos 4 militares no primeiro ano e nenhum em combate, matámos 7 soldados Italianos e matá-mos uma criança Bósnia de 8 anos e invalidámos outra de 10. Mas isto é tudo segredo, que foi sempre noticiado de forma politica ou omitido em Portugal.

"Mas acho que estás a ser um pouco injusto para com os escuteiros."

Será? Eu ataco tudo e todos que imponham direitos divinos a eles próprios. Os escuteiros não perderiam qualidades se fossem uma associação com corpos gerentes eleitos, mas não, eles são uma organização hierárquica, com os dirigentes nacionais equivalentes a generais do exército, pois chegam a esse posto da mesma forma, sendo promovidos de acordo com o código organizativo. A sua posição é inquestionável e irrevogável por qualquer escuteiro de nivel inferior. Sim... critico tudo o que assente nestas bases, pois eu sou pela liberdade de escolha, pensamento e acções e quero acreditar em quem quero e seguir quem eu acho que está certo e não quem eu sou obrigado a seguir.

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 12:48:00 da tarde

Ana Reis:

"Eu fico como tesoureira da seita,sim???Óóóóó deixaaaaaaaa!!!!!"

Ok, tu guardas a tesouras todas!

  Crestfallen

terça-feira, março 04, 2008 12:51:00 da tarde

pax:

"Além de que só os queimarias vivos uma vez e não sempre que pedissem..."

Eu não disse que os matava logo, posso queimá-los vivos várias vezes :P

"A única coisa que me chocou nesta frase foi mesmo o "e assim por diante"

Sim, pois haveriam imensos grupos... seria o 3° Reich Português mas sem conquista do mundo... e vai daí...

"Lindo mesmo! Selvagem, natural e desabitado, mas muito lindo na mesma!"

Desabitado nunca, haveria sempre os eleitos :P

  pax

terça-feira, março 04, 2008 1:27:00 da tarde

"posso queimá-los vivos várias vezes :P"

Nem sei porque estou a responder a esta frase!

"Eleitos?!"

Até quando?!
Até ao dia em que os encontrasses com um walkman escondido e a ouvirem o Pedro Pais?!?

Admite, acabavas rodeado por fritas regadas com detergente a fazerem-te companhia no teu próprio paraíso...
:)

  Ana Reis

terça-feira, março 04, 2008 1:50:00 da tarde

"Ok, tu guardas a tesouras todas!"

Engraçadinho...Venha de lá o guito que a seita está a precisar de um decor novo,este está a ficar demodéeeeeeeeeeeeeeeeeeee...:)
Além disso as jantaradas de sushi estão a dar cabo do orçamento...:)

  Abobrinha

terça-feira, março 04, 2008 4:55:00 da tarde

Filhinho

"Eu ataco tudo e todos que imponham direitos divinos a eles próprios"

Divinos? Que exagero!

"Os escuteiros não perderiam qualidades se fossem uma associação com corpos gerentes eleitos"

Mmmm... tanto não perdem que isso não é assim: eles são eleitos a dada altura. Não é a lavagem cerebral e o exagero que contas. Não leves longe demais as críticas, rapaz. Nada me move contra nem a favor deles. Simplesmente vejo o meu cunhado a dar bons exemplos como escuteiro e como pessoa. Naturalmente a pessoa está antes do escuteiro, mas quem não sabe isso não bate bem. Algumas coisas que disseste são um exagero, mas tu lá sabes. O que é preciso é estupidez natural!

  miss bradshaw

terça-feira, março 04, 2008 6:12:00 da tarde

eu ja quis ser ecoteira mas era para passear!

quando a minha mae me disse k tinha que carregar com as mochilas e dormir no chão ao pe dos bixos.....disse que antes preferia uma barbie nova =)

  SílviA

quarta-feira, março 05, 2008 2:48:00 da manhã

Bem, eu também nunca gostei de escuteiros.

Mas, olhem lá...onde é que diz que Deus leva as pessoas boas porque as quer ao lado delas?! Esses padres foram mesmo tótós... Que explicação parva.

Feliz ou infelizmente já conheço alguns que não dizem essas barbaridades. Não se limitam a debitar matéria :)

  Anónimo

quinta-feira, março 06, 2008 7:19:00 da tarde

ups! parece-me que não cobriste bem os 10 artigos. vamos lá tentar esclarecer sucintamente o erro crasso cometido por aqui. entao é o seguinte: os dez artigos dos escoteiros (e sublinhe-se o o na palavra) não são os mesmos dez artigos do corpo nacional de escutas. o corpo nacional de escutas integra-se na religião católica nacional portuguesa e os escoteiros sao um agrupamento do Brasil.
integrei o corpo nacional de escutas durante 12 anos, apesar de não ter feito nenhuma comunhão. Nunca ouvi falar em respeitar rei nenhum.
as meias com os penduricalhos realmente eram horríveis e a farda também. mas tenho de admitir, foram os melhores tempos da minha vida, fiz imensos amigos, conheci pessoas fantásticas, acampei por esse país fora, viajei pela europa, comecei e acabei projectos incríveis, extravasei e diverti-me como poucos jovens da minha idade. sim, é-nos incutido desde cedo no corpo nacional de escutas o senso de responsabilidade e liberdade.
hoje já não participo em nenhuma actividade mas tenho a certeza que aquilo que sou hoje em muito se deve aos escuteiros.

  Jumpseat

sexta-feira, março 07, 2008 2:34:00 da manhã

LOLOLOLOLOL :D:D:D

Eu também detesto escuteirinhos!!!

Só tu, pahhh!! :D

Muito bom!

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 12:51:00 da tarde

pax:

"Até quando?!
Até ao dia em que os encontrasses com um walkman escondido e a ouvirem o Pedro Pais?!?"

Aí atirava-os aos leões, só por terem um Walkam, depois queimava o que sobrasse deles, por ouvirem o JPP.


"Admite, acabavas rodeado por fritas regadas com detergente a fazerem-te companhia no teu próprio paraíso..."

O detergente é um e só um e dispenso a presença dele no meu mundo perfeito :P

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 12:53:00 da tarde

Ana Reis:

"Engraçadinho...Venha de lá o guito que a seita está a precisar de um decor novo,este está a ficar demodéeeeeeeeeeeeeeeeeeee...:)"

Desculpe lá mas os fundos da seita não são para esbanjar em devaneios, como remodelações. São sim, para necessidades urgentes, como o Ferrari do Crest, a Villa do Crest, o Falcon do Crest e por aí em diante!

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 1:04:00 da tarde

Abobrinha:

"Divinos? Que exagero!"

O que chamas tu a um ditador, a um chefe de escuteiros que acima dele só tem o Rei, num país em que o Rei não tem poderes, nem para despedir o gajo? Podemos chamar-lhes ditadores, mas o que é um ditador senão alguém que julga ter poderes divinos (dentro da àrea que domina).

"Mmmm... tanto não perdem que isso não é assim: eles são eleitos a dada altura."

Desculpa mas eles não são eleitos, são promovidos, até "alguns" chegarem ao topo, do qual não saem a não ser voluntáriamente e controlam a promoção de todos os outros.

"Não leves longe demais as críticas, rapaz. Nada me move contra nem a favor deles."

Eu não te estou a colocar contra eles, estou só a referir a estupidez e as coisas estranhas que se passam lá. Cada qual faz o que bem entende, mas eu nunca colocaria um filho meu num grupo onde a vontade própria dele fosse secundária em relação à de um idiota qualquer.

"Simplesmente vejo o meu cunhado a dar bons exemplos como escuteiro e como pessoa."

Mas de que vale dar bons exemplos? O que é melhor dar bons exemplos e dizer que se deve fazer o bem, pois é LEI nos escuteiros, ou incutir bons principios?

Eu acho que de boa intenções está o inferno cheio. E quando se impõem regras não se incutem valor, por serem regras!

"Naturalmente a pessoa está antes do escuteiro"

4-O Escoteiro é amigo de todos e irmão dos demais escoteiros, não importando, que país classe ou credo, que o outro possa pertencer.

Pelo vistos a pessoa vem depois do escuteiro...

"Algumas coisas que disseste são um exagero, mas tu lá sabes. O que é preciso é estupidez natural!"

Achas mesmo, eu nunca escrevo só por escrever, busco informação para sustentar o que digo e não retiro uma vírgula ao que disse.

Os escuteiros são um grupo de utilidade e intenções duvidosas e discutíveis que podem e afectam o saudável crescimento e desenvolvimento de uma personalidade nas crianças. Os escoteiros não criam liders, não criam individuos, criam mais um no meio de muitos, sombras de um todo.

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 1:06:00 da tarde

miss bradshaw:

"quando a minha mae me disse k tinha que carregar com as mochilas e dormir no chão ao pe dos bixos.....disse que antes preferia uma barbie nova =)"

Boa escolha :)

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 1:08:00 da tarde

SílviA:

"Mas, olhem lá...onde é que diz que Deus leva as pessoas boas porque as quer ao lado delas?! Esses padres foram mesmo tótós... Que explicação parva."

É a teoria de quem é bonzinho vai para o ceu pois Deus só quer bonzinhos. Quem mauzinho vai para o inferno ser castigado. Eu acho que como é o diabo que manda no inferno e é mauzinho, que for para lá recebe uma medalha!

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 1:11:00 da tarde

Anónimo:

"o corpo nacional de escutas integra-se na religião católica nacional portuguesa e os escoteiros sao um agrupamento do Brasil."

Pelo que um ex-escuteiro já explicou aqui, existem ambos os grupos em Portugal.

"hoje já não participo em nenhuma actividade mas tenho a certeza que aquilo que sou hoje em muito se deve aos escuteiros."

Errado, tudo o que és hoje, deve-se a ti e só a ti!

  Crestfallen

sexta-feira, março 07, 2008 1:11:00 da tarde

Jumpseat:

"Só tu, pahhh!!"

É, nem os escuteiros escapam...

  pax

sexta-feira, março 07, 2008 2:13:00 da tarde

Pronto!
O teu mundo "perfeito" não seria desabitado!...

Teria LEÕES!!!
(iechkt!)

  Abobrinha

sexta-feira, março 07, 2008 3:26:00 da tarde

Filhinho

Não sei o suficiente acerca dos escuteiros para opinar muito mais. Mas parece-me que poderás confundir individualidade com individualismo e dar uma importância em termos de formação de carácter que um e outro não têm.

Pegast os escuteiros de ponta e, tanto quanto sei, acho que não tens razão e lhes chamas coisas que assim não são. É a tua opinião, mas também não podes pretender que eu a aceite só porque tu a escreveste.

  MoonWolf

sexta-feira, março 07, 2008 5:55:00 da tarde

Crest…

Sinceramente, já ouvi falar imenso de ti, mas nunca aqui tinha passado… Muito pela falta de tempo q tenho, e q não me permite desfrutar dos teus tão apregoados discursos. Uma coisa é certa, estás referenciado como uma pessoa no mínimo, inteligente….

Mas, a Zaka lembrou-se de me falar neste teu post…

E, aqui estou eu…

Uma coisa te digo, só me dou ao trabalho de responder a este post pelas boas referências q me deram da tua pessoa. Pelo q ouvi dizer, e pelo q escreveste, costumas fazer o trabalhinho de casa, para não ser apanhado nas curvas… Mas, q se passou desta vez? As tuas fontes estão, atrevo-me a dizer, extremamente incompletas, para não dizer q estão ultrapassadas…

Como alguém q apregoa a liberdade de pensamento e de expressão, acho q estes textos não a reflectem. Bem pelo contrário… Demonstra um recalcamento e ódio quase visceral, para com estes seres q deambulam pelos campos, com um lenço ao pescoço… com uma farda, q já se percebeu, é ridícula e motivo de chacota para muitos…

Era óptimo q as pessoas tentassem informar-se antes de falarem… Isso evitaria as figuras tristes q muitos aqui estão a fazer…

Como eu gosto de aprender, com quem sabe, gosto tb de ensinar, ou pelo menos tentar elucidar as mentes q não queiram morrer estúpidas…

Robert Smyth Baden-Powell… Diz-vos alguma coisa??? Pois bem, foi este Senhor que criou o Movimento Escutista…

E, não, não tinha qq relação com a igreja, católica ou outra qq…

BP, não a distribuidora de gasolina, foi militar de carreira, lutando na índia e na África da Sul… Se quiserem saber mais sobre ele, podem ver o link…

http://pt.wikipedia.org/wiki/Baden-Powell

Desde sempre gostou da vida ao ar livre… A certa altura da sua vida, resolveu escrever alguns textos, com o objectivo de ajudar os militares nas suas campanhas… Esses textos, q volto a referir foram escritos para militares, homens, foram aproveitados pelos jovens ingleses, q os começaram a adoptar como manual, nas suas actividades ao ar-livre…

Nesse livro, são apresentadas uma série de ideias, e formas de estar, como pessoa respeitadora e amante da natureza, e, com algumas ideias de cidadania…. Q não podem ser nunca interpretadas como “LAVAGENS CEREBRAIS”… Mas sim, como regras de vida em sociedade… Ou, meu caro, o sr é apologista de bater na mãe e na mulher, de cuspir para o chão, ou de apontar o dedo ao coxo??? Não me parece q ensinar uma pessoa a comportar-se em sociedade, seja algo de reprovável, ou não concorda?? Ou o sr é daqueles q era apontado em criança, e isso é um recalcamento não superado??? Os psiquiatras existem para ajudar nisso…

Respeito pelos animais e pela natureza? Acha mal??? Deve gostar de ver as matas as arder, de ver vídeos de militares a atirar cães de penhascos abaixo, de matar indiscriminadamente???

Se acha q uma associação, q é somente a maior a nível mundial, no tocante a jovens, se resume a uma farda foleira, q nem sequer sabe o pq de ser assim, ou de uns tantos totós q acham q os acampamentos servem para comer umas gajas?

Para sua informação, existe o CNE (Corpo Nacional de escutas), a AEP (Associação de Escoteiros de Portugal), as Guias (grupo essencialmente feminino), e outros grupos, como os escuteiros da Europa e se calhar mais alguns…
Se não professava nenhuma religião, deveria ter-se dirigido aos AEP, e não ao CNE…Teve azar… Os AEP’s não obrigam ninguém a ter qq religião… Têm um grupo Ismaelita, mas é o único… O CNE é um grupo ligado à religião católica, e obriga a quem lá quer entrar, a ser católico… É para quem quer.. e mais nada… Quem não quer, vai para os AEP’s…

Os artigos da lei q transcreveste, devem ser da AEP, pois os do CNE, têm pouco a ver com esses… E, mesmo os do CNE, é natural q estejam a precisar de uma reforma… Agora Rei??? Proteger o Rei???

Aqui fica a Lei e os Princípios do CNE…

Lei do Escuta

1. A Honra do Escuta inspira confiança.
2. O Escuta é Leal.
3. O Escuta é útil e pratica diariamente uma boa acção.
4. O Escuta é amigo de todos e irmão de todos os outros Escutas.
5. O Escuta é delicado e respeitador.
6. O Escuta protege as plantas e os animais.
7. O Escuta é obediente.
8. O Escuta tem sempre boa disposição de espírito.
9. O Escuta é sóbrio, económico e respeitador do bem alheio.
10. O Escuta é puro nos pensamentos, nas palavras e nas acções.

Princípios do CNE

1. O Escuta orgulha-se da sua Fé e por ela orienta toda a sua vida.
2. O Escuta é filho de Portugal e bom cidadão.
3. O dever do Escuta começa em casa.

Se estiver interessado em conversar um dia destes, terei todo o prazer em esclarecê-lo… Caso queira, é claro…

Os escuteiros são uma organização, com base hierárquica, mas devo esclarecê-lo, q todos os dirigentes são eleitos… Desde os mais novos, os lobitos, q o guia é escolhido pelos seus pares… Quer pelas suas capacidades de liderança, quer pelo seu desempenho… Mas, todos são eleitos, e por voto secreto… Todos desempenham uma função, na sua equipa ou patrulha… E, aprendem a contar uns com os outros. Se um falha, pode comprometer toda a sua equipa… Querem um princípio mais competitivo???… Sinceramente, continuas a achar isso assim tão reprovável? Parece q até têm um sistema democrático de eleição !?!?!?

Acho q falaste de uma organização, sem saberes nada sobre ela… Ou, o q sabes, é única e exclusivamente, uma versão mais q deturpada do q ela é…

E, não é só um poço de virtudes… Claro q não… e é bem possível que o grupo onde te tenhas dirigido, fosse um daqueles q não estão cá para nada mais do q tratar do seu bolso….

Para concluir este testamento, admito q tenhas 50% de razão no q dizes… Mas tb existem os outros 50%... Pq, é um grupo constituído por pessoas, e, como sabemos, existem umas bem melhores do q outras… e, como se pode ver, gente estúpida e mal formada, existe em todo o lado…

Para q conste, fui e serei sempre escuteiro… Embora não esteja no activo, o q eu vivi e o q aprendi, ninguém mo vai arrancar…

Cumprimentos

  Crestfallen

segunda-feira, março 10, 2008 12:44:00 da manhã

pax:

"O teu mundo "perfeito" não seria desabitado!...

Teria LEÕES!!!
(iechkt!)"

Teria leoas :P

  Crestfallen

segunda-feira, março 10, 2008 12:46:00 da manhã

Abobrinha:

"É a tua opinião, mas também não podes pretender que eu a aceite só porque tu a escreveste."

Eu não espero que aceitem nada do que escreve, simplesmente escrevo.

  Crestfallen

segunda-feira, março 10, 2008 1:04:00 da manhã

MoonWolf:

"Mas, a Zaka lembrou-se de me falar neste teu post…"

Eu já estava à espera disso assim que ela me disse que tinha um escuteiro ou escoteiro lá em casa :)

"Como alguém q apregoa a liberdade de pensamento e de expressão, acho q estes textos não a reflectem. Bem pelo contrário… Demonstra um recalcamento e ódio quase visceral"

Ou isso ou uma interpretação errada do que é escrito.

"Nesse livro, são apresentadas uma série de ideias, e formas de estar, como pessoa respeitadora e amante da natureza, e, com algumas ideias de cidadania…. Q não podem ser nunca interpretadas como “LAVAGENS CEREBRAIS”… Mas sim, como regras de vida em sociedade…"

O livro vermelho do comunismo tal como o livro do Hitler "Mein Kampf", são livros replectos de excelentes ideias, o problema é que a aplicação delas nunca funcionou.

Eu não digo, nem nunca disse, que os ideais que o escutismo tem como base, são maus. Acho sim, uma aplicação prática deficiente, devido ao militarismo imposto, à hierarquia sem sentido, entre outros.

"Ou, meu caro, o sr é apologista de bater na mãe e na mulher, de cuspir para o chão, ou de apontar o dedo ao coxo???"

Ora lá está, isto nunca foi dito por mim, é um interpretação tua. Eu não sou, nunca fui, nem tenciona ser escuteiro e nunca bati na minha mãe, não cuspo para o chão e não ligo a coxos.

O escuteiro se não faz isto, também não o faria se não fosse escuteiro.

"Não me parece q ensinar uma pessoa a comportar-se em sociedade, seja algo de reprovável, ou não concorda??"

Não é reprovável, nem nunca o disse que era...

"Ou o sr é daqueles q era apontado em criança, e isso é um recalcamento não superado???"

Isto agora, está a entrar numa análise psicológica, que está complectamente fora de contexto. Acho que o escuteiro é bem mais apontado do que o coxo.

"Os psiquiatras existem para ajudar nisso…"

Acho que o discurso não está a segui o melhor caminho... mas vamos ver onde isto vai dar :)

"Respeito pelos animais e pela natureza? Acha mal??? Deve gostar de ver as matas as arder, de ver vídeos de militares a atirar cães de penhascos abaixo, de matar indiscriminadamente???"

Ora bem! PONTO. Este comentário atingiu um ponto de ridiculo ao qual eu tenho de responder.
O que raio aprende um escuteiro, no que toca a comportar-se socialmente que não aprenda em casa? Não acho que ir acampar e fazer uma fogueira com dois paus, seja algo de útil desde a descoberta do isqueiro.

Não acho que o escuteiro respeite mais a natureza que qualquer não escuteiro.

"Se acha q uma associação, q é somente a maior a nível mundial"

Associação, Não! Organização, sim. Uma associação pressupões liberdades e democracia e não principios militarizados com hierarquias idênticas.

"7. O Escuta é obediente."

Servidor seria sinónimo.

"Para concluir este testamento, admito q tenhas 50% de razão no q dizes… Mas tb existem os outros 50%... Pq, é um grupo constituído por pessoas, e, como sabemos, existem umas bem melhores do q outras… e, como se pode ver, gente estúpida e mal formada, existe em todo o lado…"

Apresentas outros mandamentos de escuta que desconhecia, mas o meu texto é baseado no que conheço, que pelos comentários de 2 outros escuteiros neste texto, não foi contrariada a sua existência. Se estás noutro grupo, não deverias levar tão a peito o que escrevi.

  MoonWolf

segunda-feira, março 10, 2008 11:59:00 da manhã

Olá Crest...

Pelos vistos, o sangue corre nas veias de por quem aqui passa, e por auqi escreve.. E ainda bem q acontece...

Isso, pode é conduzir a caminhos não muito interessantes de explorar...

Tens razão em muito do q me respondeste, mas tb continuo a não concordar com algumas outras coisas...

E, quem sabe, e apesar da distância, ainda poderemos conversar pessoalmente... Isto pq estar a escrever, nem sempre permite q a mensagem passe da melhor forma...

Nunca quis nem quero ofender ninguém... Cada um pode ter o seu ponto de vista, e não estou cá para "converter" ninguém...

E, concluis dizendo q se faço parte do outro grupo, não me devia ter sentido melindrado...

O q se passa é q para mim, quem não se sente, não é filho de boa gente... E, já estava farto de ler muitas barbaridades e acusações bacocas, sem qq fundamento... Se querem falar do q não sabem, pelo menos q tentem informar-se...

E, foi isso q eu pretendi fazer... Só falo pelo q vivi e pelo q vi...

Tb detesto muitos escuteiros... Como tb detesto muita outra gente... polícias, políticos, patrões cabrões e prepotentes, etc e tal... Mas, dentro desses grupos, tb existem pessoas íntegras ( os políticos não contam :) )...

E, só posso dizer q, para mim, o escutismo foi muito importante na minha vida...

Nunca me senti oprimido, e nunca oprimi nem reprimi ninguém... Aliás, quando entrei era muito gozado por um dos caramelos q lá andava... O q se passou? ele saiu e eu passei a guia de equipa... :)

Passei a fazer parte da dita hieraquia, q nunca abandonei... e, posso afiançar-te q não tive qq queixa em relação ao meu comportamento... nunca obriguei ninguém a fazer nada q não quisessem... E, faziamos muitas coisas q em circusnsâncias normais, se calhar pensariamos 2 vezes.. Mas eramos jovens e queriamos viver...

E, concordo plenamente ctg quando dizes q o mal pode estar na interpretação e na aplicação do q está escrito...

De ideias boas estão os livros cheios, veja-se o caso da biblia e do corão... São os mesmos... mas as interpretações...

Em relação às assinaturas, não deve ser comigo...

Gosto de ver o meu nome no q escrevo....

  Ana

segunda-feira, março 10, 2008 1:51:00 da tarde

Estou 100% de acordo com tudo o que foi escrito pelo moonwolf.
Um escuteiro é primeiro que tudo uma pessoa, com as suas qualidades e com os seus defeiros. Não é o escutismo que nos torna melhores ou piores, é o termos a inteligência/vivência necessária para saber fazer essa escolha. Fui escuteira durante 12 anos e nunca me senti oprimida nem nunca oprimi nem reprimi ninguém. Aprendei a trabalhar em equipa, aprendi que todos somos importantes e necessários, testei alguns dos meus limites, tenho recordações fantásticas, conheci, viajei, cresci e criei laços de verdadeira amizade que ainda hoje duram.
Sempre que vejo uma equipa de escuteiros pelas estradas, sinto orgulho e as saudades batem forte. Foram bons momentos, grandes aventuras, grandes amizades, grandes loucuras, mas acima de tudo, uma grande experiência/lição de vida.
Quando se fala daquilo que não se conhece...normalmente fazem-se julgamentos errados.
saudações escutistas

  pax

segunda-feira, março 10, 2008 2:37:00 da tarde

"Teria leoas :P"

Está bem.
Leoas esfomeadas...porque com um só leão na selva:
...
taditas delas!...
:)

  MoonWolf

segunda-feira, março 10, 2008 3:16:00 da tarde

Olá Ana...

Parece q perfilhamos o mesmo ideal...

Concordo ctg... Quem viveu o escutismo activo, por dentro, é q consegue compreender o q se sente...

Tb eu conheci imensas pessoas, viajei, aprendi e tentei ensinar e, ainda hoje, tento deixar este local onde habito e por onde passo, um pouco melhor do q estava quando cá cheguei... Nem q seja a mandar umas postas de pescada nuns quantos blogues... poucos, q o tempo é pouco e tb são poucos os q o merecem...

Por isso, parece q vou continuar a andar por aqui...

Saudações escutistas para todos...

E, já agora, uma canhota... Diz-vos algo? Não, não é uma senhora q escreve com a mão esquerda... :P

  Ana

segunda-feira, março 10, 2008 5:12:00 da tarde

Sempre Alerta, moonwolf

  Crestfallen

quarta-feira, março 12, 2008 1:03:00 da manhã

MoonWolf:

"Tb detesto muitos escuteiros... Como tb detesto muita outra gente... polícias, políticos, patrões cabrões e prepotentes, etc e tal... Mas, dentro desses grupos, tb existem pessoas íntegras ( os políticos não contam :) )..."

Claro que existem, até na política. Mas eu discordo do sistema organizativo, militarista, semelhante à Mocidade Portuguesa do Escutismo.

  Crestfallen

quarta-feira, março 12, 2008 1:07:00 da manhã

Ana:

"Estou 100% de acordo com tudo o que foi escrito pelo moonwolf."

Estás? Acho que me vais dar razão neste teu comentário :)

"Não é o escutismo que nos torna melhores ou piores,"

Obrigado por me dares razão!

"Aprendei a trabalhar em equipa, aprendi que todos somos importantes e necessários, testei alguns dos meus limites"

Precisavas dos escuteiros para isto?

"Quando se fala daquilo que não se conhece...normalmente fazem-se julgamentos errados."

Achas mesmo que faço um julgamento errado ao criticar o sistema organizativo, o código de fardamento as semelhanças à Mocidade Portuguesa? O escuteiro seria menos escuteiro se não parecesse um mercenário saido de um circo?

  Crestfallen

quarta-feira, março 12, 2008 1:08:00 da manhã

pax:

"Está bem.
Leoas esfomeadas...porque com um só leão na selva:"

Eu não disse que haveria só um leão...

"taditas delas!..."

Quem sabe não serias uma delas? Tens garra :)

  Crestfallen

quarta-feira, março 12, 2008 1:10:00 da manhã

MoonWolf:

"E, já agora, uma canhota..."

Eu nem vou responder, pois já me estão a vir imagens de um jovem de farda, fechado numa tenda com a Playboy aberta.

Sim, tenho uma mente bem porca... tem dias...

  pax

quarta-feira, março 12, 2008 10:10:00 da manhã

"Eu não disse que haveria só um leão..."

Hehe
E quem seria o senhor supremo, o rei, o chefe absoluto e incontestado desse teu reino, por ti tão bem idealizado?...

"Quem sabe não serias uma delas? Tens garra"

Pois é, aqui é que a leoa torce o rabo... acho que tenho mais do que só 'garra', portanto, só seria 'uma delas' se não soubesse da existência das outras...lol.
Além disso, nunca seria uma leoa 'frita', por isso, duvido muito que me quisesses no teu reino.

  ANA

quarta-feira, março 12, 2008 3:48:00 da tarde

Respondo-te assim:

Não trocava a minha infância/juventude por nada neste mundo.

  Crestfallen

sábado, março 15, 2008 3:07:00 da manhã

pax:

"E quem seria o senhor supremo, o rei, o chefe absoluto e incontestado desse teu reino, por ti tão bem idealizado?..."

Obviamente, moi, ich, me, euzinho!

"acho que tenho mais do que só 'garra', portanto, só seria 'uma delas' se não soubesse da existência das outras...lol."

Ahahahah, agarrada, tens de partilhar...

"Além disso, nunca seria uma leoa 'frita', por isso, duvido muito que me quisesses no teu reino."

As fritas seriam objectos de luxúria, mais nada!

  Crestfallen

sábado, março 15, 2008 3:08:00 da manhã

ANA:

"Não trocava a minha infância/juventude por nada neste mundo."

E respondes bem, pois bons ou maus momentos, sao os nossos momentos.

  pax

sábado, março 15, 2008 10:29:00 da tarde

"Ahahahah, agarrada, tens de partilhar..."

Se eu fosse leoa no teu reino seria como eles:...territorial!
Qual partilhar qual carapuça!

"As fritas seriam objectos de luxúria, mais nada!"

Ó gaita! E porque é que elas poderiam ser e eu não?
(Ou as não-fritas também o poderiam ser?...)
Hummm?
:)

  Anónimo

quinta-feira, março 20, 2008 7:22:00 da tarde

és muita ignorante!! foda-se... deves ser um palhaço do caraças...
pra ja ha diferenças entre escuteiros e escOteiros... e os mandamentos q tens ai nao sao dos escuteiros q falas... se fosse eu a ti tinha vergonha! ias pra la por causa das gajas? deves ser um garanhao q precisas de entrar em grupos em q nao gostas, segundo tu dizes... nao vales msm nada! s fosse eu tinha vergonha...

  Crestfallen

sexta-feira, março 21, 2008 3:38:00 da manhã

pax:

"Ó gaita! E porque é que elas poderiam ser e eu não?
(Ou as não-fritas também o poderiam ser?...)"

Mas quem te disse que nao és frita?

  Crestfallen

sexta-feira, março 21, 2008 3:43:00 da manhã

Anónimo:.


Olha um anónimo, deixa-me sentar-me direito para te responder :)

"foda-se... deves ser um palhaço do caraças..."

Antes do caraças, do que do Circo!

"pra ja ha diferenças entre escuteiros e escOteiros..."

Para mim é tudo a mesmo coisa, os mesmo principios, as mesmas roupas, etc.

"e os mandamentos q tens ai nao sao dos escuteiros q falas"

E quais sao os escuteiros que falo?

"se fosse eu a ti tinha vergonha!"

Mas para infelicidade tua, tu nao és eu!

"ias pra la por causa das gajas?"

Se calhar ia por causa dos gajos. Eu nao sou tu!

"s fosse eu tinha vergonha..."

Mais uma vez te digo que nao és eu. Eu teria vergonha é de me esconder de maneira a provocar alguém.

És um óptimo exemplo de um escuteiro idiota, que se enquadra exactamente neste texto.

Parabéns por me teres dado razao!

Volta sempre que o teu cu aguentar o meu guarda comentários!

  pax

sexta-feira, março 21, 2008 9:07:00 da tarde

"Mas quem te disse que nao és frita?"

Chiça!!!!
Longe vá o agoiro!

  Crestfallen

sábado, março 22, 2008 1:38:00 da manhã

pax:

"Longe vá o agoiro!"

Será agoiro? lol

  pax

sábado, março 22, 2008 7:50:00 da tarde

Espero bem ainda aguentar ler mais uma boa meia duzia de posts teus antes de me tornar numa!
(Isto já devo ser eu a tentar mentalizar-me de que ainda lá nao cheguei...)
:)

  Crestfallen

domingo, março 23, 2008 2:29:00 da manhã

pax:

"Espero bem ainda aguentar ler mais uma boa meia duzia de posts teus antes de me tornar numa!"

Depois nao me venhas culpar!

  pax

domingo, março 23, 2008 11:50:00 da manhã

Nunca!
Tu avisaste-me bem de que nao te responsabilizavas pelos danos colaterais!

  Crestfallen

terça-feira, março 25, 2008 7:31:00 da manhã

pax:

"Tu avisaste-me bem de que nao te responsabilizavas pelos danos colaterais!"

Ainda bem que estamos entendidos :P

  pax

terça-feira, março 25, 2008 9:28:00 da manhã

Complectissississimamente!

  Crestfallen

terça-feira, março 25, 2008 12:40:00 da tarde

Pax:

Afinal os teus talentos, não se ficam pela arte visual, pois também inventas palavras.

  pax

quarta-feira, março 26, 2008 5:24:00 da tarde

Ui!...
Se soubesses as coisas que já inventei nesta vida...
Lol.

E o que seria dela sem essa nossa capacidade?

É como tu:
Se não existisses terias de ser inventado!
(Que foi o que fizeste).
;)

  Crestfallen

quinta-feira, março 27, 2008 1:13:00 da tarde

Pax:

"Se soubesses as coisas que já inventei nesta vida..."

Coisas boas, espero eu :)

"É como tu:
Se não existisses terias de ser inventado!
(Que foi o que fizeste)."

Sinceramente não sei se fui feito ou inventado, eu acho que sou de geração espontânea, portanto, de um grupo à parte.

  pax

quinta-feira, março 27, 2008 9:46:00 da tarde

E coisas máááás também!
;)

  Crestfallen

sábado, março 29, 2008 3:00:00 da manhã

pax:

"E coisas máááás também!"

Hmmmm, soa-me muito bem :P

  Fada

sexta-feira, maio 22, 2009 11:57:00 da tarde

:) (sorriso de lembranças antigas)

Creio ter andado nos Escuteiros durante um ano. Eu e os meus manos todos. :)
Entretanto, nasceu o caçula e os meus pais foram diplomáticos: precisavam de ajuda e não acharam justo tirar os mais velhos e deixar os mais novos. Por isso, saímos todos.

Tive uma infância bastante feliz, tudo o que os outros tiveram no escutismo, eu tive em casa.
Menos acampamentos SEM os meus pais. (E que saudades tive agora, de quando acampava... Acho que a tenda já nem existe.)

2 anos depois de vir para esta terrinha, conheci a Pipokita, que além de ser uma miúda 5 estrelas, também era chefe nos escuteiros. Observei-a a lidar com alguns miúdos que se dirigiam a ela e gostei do que vi.
A Pipokita casou, e por ir para outra terra, teve de deixar o agrupamento. No casamento dela, as miúdas choravam (até eu fiquei emocionada) e o Chefe dela fez um discurso de louvor que, se o noivo não sabia da grande mulher que levava, ficou a saber! :)

Tive oportunidade de observar que, este agrupamento em específico, era salutar para os miúdos.

Bem, isto tudo para dizer que: sim, as fardas são desajustadas, existem pessoas parvas na hierarquia, existem interesses paralelos de dinheiros e status e afins, etc; mas também é uma forma de diferentes miúdos conviverem duma forma salutar fora do ambiente da escola e da família. Para alguns, é a única forma de terem contacto com o campo, com a natureza, pois não se aprende só nos livros, aprende-se vivendo.

Gostei das tuas tentativas de catequese... :)

Eu fiz a 1ª Comunhão e a Profissão de Fé. Quando ia fazer o Crisma, a catequista era tããããõ parva que só lá fui 3 vezes: nas 2 primeiras aulas, depois faltei à 3ª aula porque fui de viagem, faltei à 4ª porque estava doente, faltei à 5ª porque estava na convalescença e a minha mãe não quis que eu fosse apanhar frio, e quando apareci na 6ª aula, a parva mandou-me uma boca qualquer. E eu cheguei a casa e disse que não tornava a ir lá. E não fui.

Beijitos e toma lá mais um comentário a um post antigo... :p
(Se não os quiseres, avisa, que isso de haver links para outros, dá em cuscar... :p )

  Anónimo

domingo, novembro 01, 2009 7:04:00 da tarde

Nunca pensei que existisse tanta estupidez no mundo.Tanta gente parva ao mesmo tempo.Falam dakilo k nao conhecem.Eu nao sou escuta mas teria muito orgulho em o ser.Em vez de dizerem estas patetices fazia-lhes bem dedicarem-se a algo de util em vez de criticarem pessoas k so se querem divertir e fazer coisas bonitas-enfim so pessoas que nao têm mais que fazer ou têm dor de cotovelo é que se divertem a dizer mal dos outros.Se fores uma pessoa minimamente decente publicas o meu comentario.

  Bruno Fehr

domingo, novembro 01, 2009 9:59:00 da tarde

Fada:

As pessoas vão para os escuteiros com a melhor da intenções mas as fundações do movimento não são as melhores.

Os textos antigos estão sempre a receber comentários :)

  Bruno Fehr

domingo, novembro 01, 2009 9:59:00 da tarde

Anónimo:

"Nunca pensei que existisse tanta estupidez no mundo."

Existe imensa mesmo, mais do que você imagina.

"Tanta gente parva ao mesmo tempo."

Se são muitos parvos, serão ao mesmo tempo pois não dá para serem parvos um de cada vez.

"Falam dakilo k nao conhecem."

Antes pelo contrário, só falo do que conheço.

"Em vez de dizerem estas patetices fazia-lhes bem dedicarem-se a algo de util em vez de criticarem pessoas k so se querem divertir e fazer coisas bonitas-enfim so pessoas que nao têm mais que fazer ou têm dor de cotovelo é que se divertem a dizer mal dos outros."

Expor lixo não é dizer mal, é uma exposição do que há de mais podre na nossa sociedade. Existem escuteiros e escoteiros, uns foram formados pela maçonaria os outros pela Igreja, ou seja ambos tendenciosos, dominadores, enfim. A critica não é as escutas mas sim ao movimento fantoche como um todo.

"Se fores uma pessoa minimamente decente publicas o meu comentario."

Ou se é, ou não é, não existe "minimamente", no entanto a minha decência não poderá ser avaliada pela publicação de um comentário anónimo desnecessário.

  Hazel

domingo, abril 04, 2010 1:17:00 da manhã

Ena pá! 103 comentários! E com o meu, 104!

Obrigada pelo link para este post.
Já o tinha lido uma vez, mas gostei tanto dele, que queria dar umas valentes gargalhadas a lê-lo mais uma vez.

Concordo plenamente contigo!!
Perto da minha casa, funciona um agrupamento de escuteiros. São o meu ódiozinho de estimação (até uma pessoa doce como eu, tem coisas destas, enfim... LOL).

Estes sacanas, que se gabam de ser tão ecológicos, estão fartos de abater árvores!!

Ainda há pouco tempo, andava um com uma motosserra a cortar mais uma árvore, enquanto o colega-tótó fumava, e batia palmas de cada vez que caía um tronco para o chão. Revoltante. Não era suposto eles protegerem a Natureza?! Têm sido os seus maiores agressores.

Há uns 2 anos atrás, abateram mais umas árvores para construir uma piscina coberta.

Os putos nem lá põem os pés.
É só para os chefes, que vão para lá ao fim-de-semana curtir a piscina aquecida paga pelo contribuinte e fazer grelhados nos barbecues, ao estilo "casa de férias". São estes os escuteiros do século XXI...!

  Bruno Fehr

domingo, abril 04, 2010 2:08:00 da manhã

Hazel:

Estes grupos sao desnecessários, mas existem porque sao precisos meninos e meninas com uma boa lavagem cerebral, desta forma podem de um momento para o outro serem tornados mini-soldados... perguntem ao Hitler onde foram para os escuteiros alemaes... Juventude Hitleriana :)

  Cindy

quinta-feira, junho 10, 2010 2:46:00 da manhã

Sinceramente considero te uma pessoa pouco inteligente!!
começas o teu reles dicurso a falar de escuteiros ( explicando para uma pessoa muito burra, sao os católicos!!) e continuas o teu discurso falando em escOteiros ( que sao os nao católico!!).
Nao percebo pq é q as pessoas dizem que detestam os escuteiro/escoteiro sem lhes terem feito nada!!
Ninguem obriga a ninguem a ser ou deixar d ser ou pertençer a este tipo de movimento, sendo que o grande objectivo é tornar cada elemento um cidadao da pátria melhor com VALORES que estao a desaparecer!!

  Bruno Fehr

quinta-feira, junho 10, 2010 3:55:00 da manhã

Cindy:

Nem o meu blogue, nem os meus textos servem para obter qualquer tipo de certificação de inteligência dada por outros bloguers.

EscUteiros ou escOteiros independentemente dos valores que apregoam aos quais chamo "valor facial", possuem valores ocultos devido à ligação do movimento à maçonaria. Valores aparentemente bonitos que escondem o oculto da vergonha corrupta que é a maçonaria, uma sociedade secreta dentro da sociedade onde a única intenção é o controlo politico, financeiro e popular.

Haver um grupo religioso e outro não religioso, serve unicamente para6 apanhar mentes francas e incautas de ambos os lados e tratar de os "formar" em pressupostos duvidosos mascarados por bonitos valores.

Escuteiros, escoteiros, mocidade portuguesa, juventude Hitleriana, Obama youth, todos partilham/partilhavam bonitos valores mas a realidade politica a eles associada é escura, degradante e desprezível.

  Pedro Dias

terça-feira, outubro 29, 2013 12:20:00 da tarde

Sou escuteiro desde os 9 anos e hoje tenho 40. Os meus filhos também são escuteiros e sinceramente não vejo o porquê destes ódios e de alguns comentários ordinários e desproporcionados que li.
Nos escuteiros fiz boas amizades, sinceras e muitas atividades que provavelmente nem passam pela cabeça dos comentadores deste blog, mas o espírito de aventura e de trabalho em equipa não tem que ser obrigatório para todos e lá nos escuteiros também aprendemos a respeitar a liberdade...
Claro que há boas e más pessoas em todo o lado, em todos os grupos ou de associações, mas não posso aceitar a generalização nem a falta de respeito.
Mas talvez seja essa a diferença de quem é educado segundo certos princípios, em casa e também na igreja e nos escuteiros... Aprende a respeitar a Natureza, o próximo e os animais, mesmo que alguns deles andem sobre 2 pernas e se assemelhem a pessoas...