Petição Online!


Um artista colocou numa galeria, um cão a morrer de fome, o cão ficou exposto nessa galeria, até morrer perante os olhares dos visitantes. O criminoso fê-lo em nome da "sua arte" e com uma justificação digna de um ser inferior. Podem ver o animal em questão, neste blogue El perrito vive.

Este artista, está nomeado a participar na Bienal Centro-America de arte em 2008. Existe uma petição para que este artista seja excluído da lista de participantes, pois é um criminoso e não um artista.

Acho que é uma petição válida, por isso a minha assinatura foi a numero 200.048!

Podem e devem participar na petição online. Pode ser que nada aconteça, mas se as pessoas se calam é que não acontece mesmo nada!


PS: Este post gerou uma discussão que pouco ou nada tem a ver com o assunto em questão. Esta petição não é para Salvar os animais abandonados, pois nem as crianças abandonadas salvamos. Esta petição é passar uma mensagem que diz, Isto Não é Arte!

Li argumentos válidos, mas que em nada invalidam o valor desta petição. O objectivo da petição é, que parece ter sido mal interpretado! Não vamos salvar animais, vamos resposabilizar socialmente um animal!

94 Comentários:

  Foi Bom

sábado, novembro 03, 2007 8:40:00 da tarde

Começo por aqui...

A verdade, é que se encontra-se esse ser em questão por ai, para além de levar um valente pontapé no cú, levava ainda outro nos tomates e assim não iria procriar monstrinhos, que os que cá temos já basta.

2º ponto, não vou assinar a petição, recuso-me a entrar por ai.
A morte deste cão "vadio", é igual a muitas outras mortes cruéis, que ninguém faz nada para as evitar, é igual a muitos outros gestos de abandono, é igual a todas as vezes que passamos por animais abandonados a quem viramos a cara.

Ninguém faz nada por ninguém.

Sabes porque é que não sou voluntária na associação dos cantinhos dos animais da minha zona? Por pena deles, porque não sei se iria aguentar estar diariamente a levar com a crueldade das pessoas, não sei se iria aguentar lutar tanto para ser ignorada.

Talvez um dia arranje coragem.

Este caso, deu para provar mais uma vez a hipocrisia das pessoas.
Vejo muita gente a mexer-se por este caso, mas não os vejo a mexer pelo cão ou gato que está abandonado e a morrer à fome na sua própria rua!

  Crestfallen

sábado, novembro 03, 2007 8:54:00 da tarde

"Vejo muita gente a mexer-se por este caso, mas não os vejo a mexer pelo cão ou gato que está abandonado e a morrer à fome na sua própria rua!"

Concordo contigo. Eu por exemplo nada posso fazer aqui em Hamburgo, pois qualquer cão que seja abandonado, leva ao castigo monetário e até à perda de liberdade do proprietário, que é encontrado numa questão de dias.

Mas a validade desta petição, não está em castigar o "artista" pelo crime causado, está em dizer bem alto que isto não é arte, é crime.

Já basta o silêncio e passividade das pessoas, ao deixarem o cão morrer, mas ao deixarem a sua morte passar em branco e como que dizer, que isto é uma forma de arte.

Este senhor, ficou famoso por este crime e agora? Se nada é feito e se as pessoas não falam, o que vai ele expôr nas Hondura em 2008, um cavalo a morrer de fome?

O perigo aqui, é que este crime passe a ser visto como uma forma de arte. A petição não vai salvar os animais na rua, mas vai impedir que outros "artistas" frustrados, vejam este exemplo como uma maneira de obter publicidade e atenção!

  Foi Bom

sábado, novembro 03, 2007 8:58:00 da tarde

Mas pelo o que eu li deste caso, e não foi pouco, acredita, porque me revoltou de tal forma, não passa apenas por ele querer mostrar que um cão a morrer à fome é uma simples obra de arte.
Tudo começou com a morte de um amigo desse filho da puta, ás "mãos" de um rotweiller.
O que ele diz que quis demonstrar foi que as pessoas se impressionam com um cão a morrer à fome numa galeria de arte, mas não se impressionam com os que morrem à fome nas ruas.

Ele até tem razão nessa parte, agora que eu lhe dava uma surra que ele nunca mais se punha em pé, não duvides.

Tudo o que toca a crianças e animais tira-me do sério, logo eu, que sou tão calminha!

  Crestfallen

sábado, novembro 03, 2007 9:10:00 da tarde

Foi Bom:

"O que ele diz que quis demonstrar foi que as pessoas se impressionam com um cão a morrer à fome numa galeria de arte, mas não se impressionam com os que morrem à fome nas ruas."

E demonstra-o com um crime?

Esta noção de justiça, dá-me o direito de pegar num outro ser humano, prede-lo e deixá-lo morrer à fome! Depois digo que as pessoas se impressionam com a minha arte, mas não com aquele fdp que matou um cão em nome da arte!

  Foi Bom

sábado, novembro 03, 2007 9:12:00 da tarde

E desde quando é que eu disse que concordava com ele?

Agora, se quiseres, ou vamos os dois dar-lhe uma verdadeira lição, ou então também vou sozinha que não tenho medo!

  su

sábado, novembro 03, 2007 9:25:00 da tarde

Ele devia era ter-se posto lá a ele se queria demonstrar alguma coisa a alguém. Cada um faz o que quer desde que não mexa com uma vida, que não a dele.

  Amsilva

sábado, novembro 03, 2007 10:05:00 da tarde

se isso é arte, então matar pessoas ser+a um desporto...

eu assinei

  PsYcHo_MiNd

sábado, novembro 03, 2007 10:12:00 da tarde

De facto neste caso o problema é mesmo o de que este dito senhor ficou reconhecido pelo que fez ao animal, e isso irá implicar que daqui para a frente outros façam o mesmo. Há que cortar o mal pela raiz e parar já com este tipo de atrocidades, só é pena é que tenha chegado ao ponto de o fazer e as pessoas que visitaram a exposição nada terem feito pelo pobre animal e o terem deixado ali a morrer.

  Helluah

sábado, novembro 03, 2007 10:28:00 da tarde

eu tb já assinei essa petição! acho de uma selvagaria!

  Ana

sábado, novembro 03, 2007 10:35:00 da tarde

Já sabia desse acontecimento também através de um blogue, não sabia era da petição.

Já o fiz e também vou publica.lo no meu blogue.

  inês

sábado, novembro 03, 2007 10:42:00 da tarde

200.623!

isto é de uma crueldade sem limites!

  O amor é fodido

domingo, novembro 04, 2007 1:26:00 da manhã

já lá está o meu nome.. se pudesse punha o filho da puta do gaijo que se designa como artista a morrer à fome também..

não suporto crueldade com os animais.. nenhuma.. somos todos seres vivos e partilhamos o planeta.. já bem basta o resto dos atentados brutais contra a natureza..

beijos

  Mulheka

domingo, novembro 04, 2007 12:43:00 da tarde

Não vou assinar a petição!
Não concordo com o que fez! O meio não justificou o fim! No entanto, de todos os que viram o cão, ninguém o ajudou! Pelo que sei o cão estava lá mesmo para ver quem é que o ignorava e testar as pessoas?
Alguém o ajudou? Alguém o alimentou? Alguém chamou uma entidade competente para estas situações? Não!
É bonito agora vê-los todos ofendidos e indignados pelo cão ter morrido! Mas fizeram alguma coisa? Claro que não! É mais fácil dar agora a cara e fazer-se de preocupado do que ter ajudado o cão, quando de facto ele precisava!

Volto a referir que não concordo com o que o gajo fez, no entanto, foi mais um cão entre milhares de cães/animais a que estas coisas acontecem! Foi uma forma de alertar muitas pessoas para um problema real!

Aposto que existe um grande número de hipócritas que neste momento estão contra o tal pintor, a mostrarem-se indignados, condená-lo, julgá-lo e vai na volta, já abandanoram os seus animais para poderem ir de férias ou simplesmente porque se fartaram deles!
Mas fica bem mostrarem-se indignados e preocupados... mesmo que já tenham feito o mesmo, ou pior!!!

  su

domingo, novembro 04, 2007 2:10:00 da tarde

Já tenho o nome assinado na petição e também deixei um post na TEIA com a mesma temática. O mesmo pedido...é caso de o fazer.

  ipsis verbis

domingo, novembro 04, 2007 2:58:00 da tarde

202.426

Hediondo!

  ipsis verbis

domingo, novembro 04, 2007 3:11:00 da tarde

mulheka:

Ninguém ajudou o cão porque por mais difícil e estranho que possa parecer, fazia parte de uma mostra de arte. O gajo que fez esta alarvidade foi um dos convidados e a galeria sabia bem o que estaria em questão. Por mais horrível que seja uma pintura, escultura ou vídeo, ninguém a retira de exposição. Se foi aceite pela galeria, não é um visitante que vai fazer algo contra.
Já todos, seria diferente...
O problema é que há freaks em todo o lado que vêem isto como forma de arte... e isso é uma merda!

  Mulheka

domingo, novembro 04, 2007 3:23:00 da tarde

ipsis verbis:

de facto ninguem retira um quadro/ escultura whatever de uma exposição por mais horroroso que seja... mas não vamos comparar um quadro a um animal, pois não?
Em vez daquelas pessoazinhas estarem lá a comer e a beber como se vê nas fotos, podiam muito bem ter ajudado o cão e não venham cá arranjar desculpas que não podiam por isto e por aquilo, tudo tretas! Nem precisavam de ser eles a retirar dali o cão com as próprias mãos, bastava um telefonema para uma entidade protectora dos animais a denunciar a situação e a mesma seria tratada! Mas fizeram isso? Claro que não! Gastar o saldo do tlm por causa do cão? Ora essa...
O gajo que fez aquilo não é mais culpado que todas as pessoas que estiveram na tal exposição, digam o que disserem...

  Foi Bom

domingo, novembro 04, 2007 4:10:00 da tarde

Estou com a Mulheka, se nada foi feito foi porque não quiseram.
O cão morreu em Agosto, já passaram quase 3 meses, só de lembraram desta questão agora?

  blackstar

domingo, novembro 04, 2007 4:37:00 da tarde

Ia fazer um post sobre isso! Sou a 202.750! ;)

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 7:35:00 da tarde

ia precisamente colocar um artigo semelhante pois a Culturgest também me enviou um mail com a petição.

mas assim sendo e porque dizes tu exactamente (ou até melhor) aquilo que eu ia escrever... vou fazer um artigo com um link para o teu.

abraços Crest

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 7:51:00 da tarde

--> foi bom

não estão as tuas palavras isentas de razão Foi Bom, mas... sinceramente, subestimas o poder nefasto de uma demonstração de estupidez inumana como esta.

assinei a petição ainda que, no meu mail à Culturgest questionei por exemplo:
1 - que raio de "galeria de arte" aceita este tipo de cretinice ?!
que merda de "intelectualidade" se considera tão acima do que quer que seja para considerar "isto" uma manifestação artística ?!?
2 - que raio de visitantes são os daquela "performance" para nada questionarem, nada fazerem ?!?

enfim... são questões morais, minhas, que não espero encontrar respondidas mas que tenho o direito de as colocar.

uma coisa é essa vergonha colectiva de que falas e que cada um de nós terá, ou não, na consciência.
outra é hastear-se e brandir um sadismo grotesco e gratuito como "arte" e pretender-se estar com isso a "despertar consciências"...

em tudo se encontram hipócritas transvestidos de heróis, foda-se... se não se malha neles, "instituem-se".

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 8:09:00 da tarde

desculpem lá... um 3º comentário

já ninguém ajuda o cão que já morreu.
ninguém está, com esta petição, a procurar ajudar cães abandonados.
ninguém que entenda o intuito desta petição está a ser hipócrita.

o intuito desta petição é tão simplesmente dizer algo tão simples quanto isto:

este gajo não é artista, isto não é arte e que ninguém repita nada disto ou algo semelhante !

é um repúdio de quem gosta de arte por alguém inumano querer dar uma imagem de "arte" àquilo que a arte nunca poderá ser !
inumana, insensível, criminosa !

se alguém prender um cão num quintal, o deixar morrer à fome e for apanhado... deve ir preso e/ou castigado de outra forma qualquer.
ainda que a lei portuguesa seja bastante omissa neste tipo de protecção aos animais, há outras formas de castigar semelhante acto.

porque diabo seria este gajo perdoado e/ou aceite por aquilo que fez ?
porque ele diz que é "arte" ?!

se se deixa "passar" uma mensagem destas... que haverá "depois" a apontar a quem abandone um cão nas férias ?!?
a hipocrisia tem muitas faces, precisamente, e muitos subterfúgios.

por mim... quero o nome deste gajo riscado de qualquer directório de arte.

  Foi Bom

domingo, novembro 04, 2007 8:26:00 da tarde

Diz-se então que a petição é para excluir este gajo da lista de participantes da Bienal Centro-América em 2008.

É só para isso?

Há fotos do cão, há testemunhas como ele foi muito mal tratado, há cúmplices nesta história toda, e arranjam-me uma petição para o excluir de uma participação de arte?

Arranjem-me uma petição para o enforcar, para ele ir para a choldra ou para o prenderem a uma corda para o deixarem morrer à fome e à sede e eu assino.

Mas atenção, tudo o que disse até agora nem sequer tem nada a ver com a assinatura ou não de uma simples petição, tem a ver com tudo o que se passa à nossa volta, e como tu também muito bem admitiste, Sextrip.

Cada vez me convenço mais que o tal rotweiller matou a pessoa errada.

(que Deus nosso todo poderoso me perdoe!)

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 9:18:00 da tarde

« o intuito desta petição é tão simplesmente dizer algo tão simples quanto isto:

este gajo não é artista, isto não é arte e que NINGUÉM REPITA NADA DISTO OU ALGO SEMELHANTE ! »

em contrapartida, por favor, digam-me:
quantas consciências de gente que abandona ou maltrata cães irá a "não assinatura" da petição modificar ?

  Foi Bom

domingo, novembro 04, 2007 9:46:00 da tarde

E quantas assinaturas irão modificar?
Estás mesmo convencido que é este o caminho, não estás?
Põe uma coisa na tua cabeça, daqui a 2 meses, se tanto, mais de 2/3 das pessoas que assinaram a petição já não se vão lembrar deste assunto, infelizmente...

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 9:57:00 da tarde

as pessoas que já assinaram a petição estavam todas hipocritamente quietas na tal exposição de arte, a ver o cão morrer ?!

pois a sorte dos hipócritas é serem "desagravados" pelos tiros no escuro contra a hipocrisia da "geral", como se todos fossem hipócritas - isso não é novidade nenhuma e é precisamente fazer o jogo desse gajo.

que não se excluam então, também, aqueles que dão o tiro no escuro - ou serão mais honestos que os demais ?!?

espero que ninguém se lembre de "lutar" contra a fome em África, expondo uma criança inanimada numa galeria.

"o mal só triunfará se os homens de bem nada fizerem", alguém o disse e disse-o bem !

a "performance" foi em 3 de outubro.
em 30 de outubro recebi um e-mail da Culturgest acerca disto.
em 2 de novembro deram-me a dica para espreitar o Ideias no Escuro.
hoje li o artigo do Crestfallen.

gostaria de saber em que é que a "demora" das pessoas em conhecer e reagirem a um acontecimento constitui maior "hipocrísia" do que aquilo que se discute ou está em causa !?

ninguém está a criticar quem não assine a petição - qual a necessidade em se sugerir "hipocrisia" a quem a assine ?!?

  José Miguel

domingo, novembro 04, 2007 9:59:00 da tarde

sigo o teu raciocínio...

1/3 já será bastante bom !

3/3 das que não assinaram esqueceram de certeza !

  Foi Bom

domingo, novembro 04, 2007 10:03:00 da tarde

Oi, calma lá, quem é que chamou hipócrita a quem assinou a petição?

Agora explicas-me isso como se eu fosse muito, mas mesmo muito burra!!!

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 10:04:00 da tarde

exactamente ! estou convencido !
quantas vezes já te queixaste de quereres intervir em algo e não teres meios para o fazer ?!

quando então tens um meio, mesmo frágil que seja, escusas-te ???
alegas que nada irá alterar ?

sim estou convencido.

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 10:08:00 da tarde

lê todos os comentários, percebe o que se lê nas entrelinhas e entendes o meu comentário.
não tenho de te explicar nada, basta que faças isso.

ou vamos entrar numa de hipocrisia e fingir que isso não está implícito ?!?

  Mulheka

domingo, novembro 04, 2007 10:10:00 da tarde

Sextrip... sentes-te atingido/a pela parte da hipocrisia? Não percebo porquê...

Se leste bem, aqui ninguém chamou hiprocrita a toda a gente que assinou a petição. Se bem me recordo, o que foi dito foi: "Aposto que existe um grande número de hipócritas que neste momento estão contra o tal pintor, a mostrarem-se indignados, condená-lo, julgá-lo e vai na volta, já abandanoram os seus animais para poderem ir de férias ou simplesmente porque se fartaram deles!"

Se te incluis neste grupo, isso já é contigo!!! Antes de mandar bitaites, lê melhor para não te enganares!!!

Não vou assinar algo que muitos assinaram só para parecer bem. "Ah e tal, eu preocupo-me! Não faço nada mas ainda assim preocupo-me... mas não faço nada! Vai na volta, ainda deu um saltinho lá na exposição... até fiquei preocupado... ah, mas não fiz nada!!!"

Já me basta lidar com a hipocrisia gratuitas que vemos no dia-a-dia, quanto mais estar-me a meter em algo cheio dela.

  Foi Bom

domingo, novembro 04, 2007 10:11:00 da tarde

Mas eu estou-me nas tintas se estás convencido ou não.

Estás neste momento a dizer que chamei hipócrita ás pessoas que assinaram a petição, quando eu não o disse, senão estava a chamar hipócritas a muitos dos meus amigos.

Mas porque é que não respeitas a minha opinião?
Por acaso deixei de respeitar a tua?

Digo e repito, esta petição para impedir fulano tal de ir a sitio tal, para mim não é válida, PARA MIM, nunca disse que não o seria para os outros.

Se arranjarem uma petição, se se moverem para que este homem seja realmente castigado, estão a gastar melhor as vossas energias, mas essa é a minha opinião e tenho direito a ela!

Agora, se faz favor, como nem eu nem tu estamos na nossa casa, dou por encerrado este assunto contigo, mas só contigo, com outras pessoas que souberem respeitar aquilo que eu escrevo, estou ao dispor...

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 10:21:00 da tarde

quem me parece que está a tomar isto como "pessoal", não sou eu.

ao desvalorizar-se uma petição com exemplos hipotéticos está-se, queiram ou não, a colocá-la em causa - não por aquilo que ela defende mas, mais fundo, na sua legitimidade.

porque não se há-de supor que a petição é assinada por pessoas que defendem animais, que já recolheram animais e etc ?!
porque se há-de sempre denegrir afinal um gesto que pretende compor, nem que seja minimamente, algo nobre ?

se há quem abandonou animais nessas assinaturas ?
talvez haja.
se há quem se revolte sinceramente nessas assinaturas ?
há de certeza !!!

não se mostrem tão susceptíveis àquilo que escrevi e esqueçam os ataques pessoais, que não resultam.

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 10:26:00 da tarde

FoiBom... não sabia que detinhas o poder de saber "quem é que não respeita quem" em termos de discutir opiniões.

tens toda a razão... não estamos na mesma casa.
quanto a quem não respeita quem... venha o diabo e escolha, como se costuma dizer.

  sextrip

domingo, novembro 04, 2007 10:35:00 da tarde

Mulheka...

pois... esse "não assinar só para parecer bem" é de discussão complicada.
não tomei nada disto pessoal, daí que, nada me achaque.

tenho as minhas razões para ter assinado e... nos meus primeiros comentários ficou (creio) bem explícita.
(acredite nela quem quiser)

de nada me interessa que o gajo "A" esteja agora a fingir-se muito incomodado com a questão e também foi assinar a petição.
são hipóteses que nada me adiantam.

conforme disse: ninguém está a criticar outro alguém por não a assinar.

  Ana

domingo, novembro 04, 2007 11:55:00 da tarde

Eu acho que impedi.lo de participar na Bienal Centro-America de arte em 2008 já
é um começo. Quem sabe se depois disto não virá então o merecido castigo!

Há que começar por algum lado.
(Esta petição só não terá resultados se as pessoas assim o quiserem.)

  Teté

segunda-feira, novembro 05, 2007 1:43:00 da manhã

Como deves calcular, já tinha assinado...

  ipsis verbis

segunda-feira, novembro 05, 2007 1:59:00 da manhã

Este comentário foi removido pelo autor.
  ipsis verbis

segunda-feira, novembro 05, 2007 2:06:00 da manhã

Concordo com o que foi dito pelo sextrip e pela ana.


foi bom:
"Se arranjarem uma petição, se se moverem para que este homem seja realmente castigado, estão a gastar melhor as vossas energias"

Creio que para este "artista", que não é conhecido e que decerto quer singrar como tal, privá-lo de expôr a sua "arte" já é um bom começo de um grande castigo que pode vir aí.
E é para isso que as assinaturas contam.


mulheka:
"mas não vamos comparar um quadro a um animal, pois não?"

Claro que não! Comparava "arte" e arte, porque como disse a seguir: "há freaks em todo o lado que vêem isto como forma de arte..."


foi bom:
"O cão morreu em Agosto, já passaram quase 3 meses, só de lembraram desta questão agora?"

Pelo menos não se esqueceram desta questão, mesmo tendo passado quase 3 meses.


"Arranjem-me uma petição para o enforcar, para ele ir para a choldra ou para o prenderem a uma corda para o deixarem morrer à fome e à sede e eu assino."

1º A acontecer isso e exposto numa galeria seria considerado "arte".

2º Estás a ser hipócrita.

3º Assinar qualquer coisa com o escopo de matar alguém é horrível na mesma.


Crime contra crime, não!

  Foi Bom

segunda-feira, novembro 05, 2007 9:45:00 da manhã

Isto nem com um desenho lá vai...primeiro porque não sei desenhar, depois porque a caixa de comentários não o permite...

ps- eu sei miga, direitos de autor...posso pagá-los durante o Benfica-Milan?
Esquece, não posso porque não vou...:P

  mamie2

segunda-feira, novembro 05, 2007 1:47:00 da tarde

Sabes Crest, o que não consigo perceber nem é o facto de este tipo ser doido! Porque os há em todo lado!
A mim choca-me mais que os dirigentes da Galeria, bem como os visitantes nada tenham feito!
Será que estas pessoas não se sentem responsáveis hoje? Será que só depois de se tornar público é que reflectiram?
Podem chamar-lhe arte ou o que quiserem, para mim é um crime cometido por este ignóbil ser, pelos responsáveis da galeria e pelos visitantes!

  sextrip

segunda-feira, novembro 05, 2007 2:50:00 da tarde

recebi um mail dizendo-me algo como, "para não me envolver demasiado no debate porque afinal tudo foi um embuste, que o cão afinal não morreu, que tudo teria sido arquitectado para surtir este preciso efeito... esta "sublevação de indignados".

pois bem... agradeço o mail (a sério) mas acontece que já sabia !
raramente avanço para algo deste tipo sem pesquisar e sem consultar algumas pessoas.

e o que sinceramente acho é que... "provem-me" então que o cão não morreu na exposição e principalmente "provem-me" do valor artístico disto e eu reverei a minha atitude.

até lá... se "sou aquilo que leio" num aspecto, continuarei a "ser aquilo que leio" no outro.

quem se acha profeta nas graças de deus para abrir caixas de pandora tem que saber levar com a reacção que originou.

volto a frizar : para mim aquilo que está em questão não é o cão ter morrido... é tão simplesmente "isto" não ser arte e este gajo não ser um artista !

como melhor resposta a isto, deixo -vos aqui o seguinte:

Novos dados relativos à exposição de Guillermo Vargas foram apresentados desde que o caso foi inicialmente tornado público na web. Justin Anthony chamou-me a atenção para um conjunto de reflexões interessantes de Edward Winkleman. A Galeria Codice, onde a instalação teve lugar, avançou uma declaração de imprensa contendo informação relevante. Aqui estão os factos, tal como adiantados pela directora da galeria Juanita Bermúdez:

- A exposição de Guillermo Vargas teve lugar a 16 de Agosto.
- Um dos trabalhos presentes consistia na “exibição de um cão faminto que o artista recolheu da rua e que durante a exposição apareceu atado a uma corda de nylon, corda essa ligada a uma outra pregada a uma parede a um canto da galeria”.
- “Habacuc baptizou o cão de “Natividad”, em homenagem ao Nicaraguense Natividad Canda (24 anos) que morreu devorado por dois cães Rottweiler numa fábrica de San José, Costa Rica, na madrugada de Quinta-feira, 10 de Novembro de 2005”.
- “O cão esteve nas instalações durante três dias (…). Esteve solto no pátio interior durante todo o tempo, com excepção das 3 horas da exibição, e foi alimentado regularmente com comida trazida pelo próprio Habacuc”.
- O cão escapou da galeria durante o terceiro dia.
- Juanita Bermúdez afirma que tinha a intenção de adoptar o animal no final do evento.
- A Galeria Códice lamenta as declarações feitas por Habacuc, “em que ele afirma que era sua intenção deixar o cão morrer à fome, o que é da sua inteira responsabilidade”.
- O documento conclui com a seguinte afirmação: “Ao cumprir com informar a verdade dos factos, espero que todas essas mesmas pessoas tivessem elevado também a sua voz de repúdio quando Natividad Canda foi devorado pelos Rottweiler (Al cumplir con informar la verdad de los hechos, espero que todas esas mismas personas hayan elevado también su voz de repudio cuando Natividad Canda fue devorado por los Rottweiler)”.

[b]A declaração de imprensa da Galeria Códice entra em contradição com as afirmações de Habacuc[/b], tal como foram referenciadas pelo jornal costa riquenho La Nación; em que o artista recusou confirmar se o cão havia sido alimentado ou se tinha efectivamente morrido.
Uma vez que os factos reais são impossíveis de aferir, qualquer especulação é inútil. Isso, no entanto, não retira legitimidade às críticas que recebeu, em particular no que refere à falta de ética do evento. O cão em questão apresentava não apenas sinais de malnutrição mas também de doença de pele. Áreas de pele ulceradas são sintomáticas de possíveis doenças graves nos cães, por vezes contagiosas e em alguns casos indicadoras de condições fatais como a Leishmaniose – ainda mais prováveis em cães abandonados sem medicação.
Em conclusão, quando alguém toma um animal à sua guarda, é igualmente responsável pelos seus cuidados. Que tal animal tenha sido usado como objecto de exposição é eticamente inaceitável. O contexto da instalação – um tributo a um homem morto por dois cães – torna-o ainda mais incompreensível. [b]A pretensa associação dos dois factos pelo autor e pela directora da galeria retratam a hipocrisia moral por detrás deste suposto gesto de denúncia[/b].

Quanto às afirmações de Guillermo Vargas, são ou um testemunho da sua crueldade ou uma aspiração por publicidade a qualquer custo. Ambos são inaceitáveis e a consequente reacção esmagadora resulta da sua inteira responsabilidade. O direito à liberdade de expressão, na arte como em tudo o resto, não torna ninguém inimputável. Os fundamentos para a petição em curso permanecem, como tal, igualmente válidos.

º

falávamos de "Hipocrísia", certo ?!

  Patrícia

segunda-feira, novembro 05, 2007 2:54:00 da tarde

Já assinei.

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 4:55:00 da tarde

Foi Bom:

"...vamos os dois dar-lhe uma verdadeira lição, ou então também vou sozinha que não tenho medo!"

Pois, eu já reparei que medo não é contigo....

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 4:56:00 da tarde

su:

Concordo, aceito as greves de fome. Uma das minhas cadelas faz greves de fome regularmente, eu não a obrigo a comer, mas tem sempre comer!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 4:57:00 da tarde

Amsilva:

Ora aí está um desport interessante, soltar os deputados no pinhal de Leria, dar-lhes 30 minutos e depois ir à procura deles de caçadeira :P

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 4:59:00 da tarde

PsYcHo_MiNd:

A sorte dele, foi estar num país na America Latina, onde as pessoas poucos direito têem e os animas nenhuns!

Se ele fizesse isso num país com leis de defesa dos animas, eficazes, ele estaria preso.

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:00:00 da tarde

Helluah:

Eu até fui ler uma entrevista do retardado, ele acha mesmo que está certo!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:00:00 da tarde

Ana:

Força.

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:01:00 da tarde

inês:

Depois, chamamos animais a tudo o que não é humano!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:02:00 da tarde

O amor é fodido:

Que ele merecia um castigo merecia, mas ao colocá-lo a passar fome, estariamos a descer ao nivel dele!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:14:00 da tarde

Mulheka:

Não posso concordar contigo, pois existe uma caisa chamada lei!

"No entanto, de todos os que viram o cão, ninguém o ajudou!"

Estando numa galeria, a lei não permite que um visitante toque nas "obras de arte". No entanto concordo que alguém deveria ter feito algo, só porque não fizeram, não torna o acto justificável! Eu não deixo de ser um criminoso, só por que corto uma criancinha na rua com uma faca e ninguém faz nada. As pessoas não têm de fazer nada, nós não temos de fazer justiça pela nossa mãos. Estes criminosos é que deviam ter juizo e a lei deveriam castigá-lo!

Quem vista a exposição é vitima, também!

"Pelo que sei o cão estava lá mesmo para ver quem é que o ignorava e testar as pessoas?"

Que merda de teste!! Então eu vou colocar um epilético a olhar para umas luzes psicadélicas numa exposição e passar a ser aceitável, só porqwue ninguém o ajuda?


"Alguém chamou uma entidade competente para estas situações?"

Na verdade as autoridades foram chamadas, mas este senhor organizou isto muito bem, o cão foi mantido à fome muito antes da exposição abrir. Desta maneira morreria após a inauguração.

"Volto a referir que não concordo com o que o gajo fez, no entanto, foi mais um cão entre milhares de cães/animais a que estas coisas acontecem! Foi uma forma de alertar muitas pessoas para um problema real!"

Isso não! A falar assim, vou já fazer uma exposição onde deixo 8 crianças morrer à fome, só para alertar para a fome em Africa!

Se ele queria dar uma alerta, poderia ter exposta animas que salvou e não matá-los. Um cão mesmo vadio, no morrer desta maneira. Encontram sempre algo que comer. Podem morrer atrapelados, mas não morrem de fome. A corda que ele tinha ao pescoço, impedia-o de tentar lutar pela vida!

"Aposto que existe um grande número de hipócritas que neste momento estão contra o tal pintor, a mostrarem-se indignados, condená-lo, julgá-lo e vai na volta, já abandanoram os seus animais para poderem ir de férias ou simplesmente porque se fartaram deles!"

Cada levanta a sua voz, pelos seus motivos pessoais, eu não quero saber, se quem fala contra este acto já abandonou o seu cão. O que se passa aqui é que alguém matou um animal de uma das formas mais crueis que existem, para se auto-promover e promover o seu trabalho. O objectivo dele é vender peças de arte é viver do seu trabalho, matar um cão lançou-o para os jornais e televisão!

Quem mistura o que ele fez, com o que as pessoas fazem no dia-a-dia, ignorando os animais abandonados, está a dizer a outros artistas, "ora aqui está uma coisa que podem tentar, para fazer uns trocos"!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:15:00 da tarde

su:

Eu acho uma causa justa!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:17:00 da tarde

ipsis verbis:

Claro que sim, ninguém que visita uma galeria pode tocar no que está exposto, pois seria um crime, punível. Visto que fica mais do que provado que matar um animal não é crime neste país sub-desenvolvido!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:21:00 da tarde

Mulheka:

"de facto ninguem retira um quadro/ escultura whatever de uma exposição por mais horroroso que seja... mas não vamos comparar um quadro a um animal, pois não?"

Desculpa, mas se está exposto, está protegido por lei. O artista sabia perfeitamente que a lei daquele país não o iria punir por este acto, mas retirar uma abora de uma exposição iria ser crime!

A lei é estranha, mas temos de ter em conta que a sociedade tem regras e temos de nos gerir, por elas, culpar o publico por não ter feito nada, é ilógico. O publico não tem de fazer nada. O dono da galeria deveria era saber distinguir o certo do errado, visto que o artista não é suficientemente inteligente!


"O gajo que fez aquilo não é mais culpado que todas as pessoas que estiveram na tal exposição, digam o que disserem..."

Esta tua frase é generalizadora e perigosa, quem mata em publico é tão culpado como o pubico que nada faz?

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:22:00 da tarde

Foi Bom:

Porquê agora? Porque para o ano este "artista" vai ser reconhecido internacionalmente. Apesar de no seu país ser aceitável o que ele fez, não é aceitável perante as leis internacionais!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:23:00 da tarde

blackstar:

Ainda podes.

  2 idiotas super hiper ri fixes

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:24:00 da tarde

Já assinei.

Bjs
Borboleta Azul

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:27:00 da tarde

sextrip:

Exactamente, concordo contigo. Esta petição não é para salvar cães. É simplesmente para dizer à comunidade artística e às galrias, que isto não é arte!

"se se deixa "passar" uma mensagem destas... que haverá "depois" a apontar a quem abandone um cão nas férias ?!?"

Ora lá está! Vamos agora criticar quem abandona animais, justificando quem os mata em nome da arte?

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:34:00 da tarde

Foi Bom:

"e arranjam-me uma petição para o excluir de uma participação de arte?"

Claro que sim, a mensagem tem de passar, que isto não é uma forma de arte, não é aceitável. Isto já em nada tem a ver com os direitos do animal que foi morto, mas sim com o facto de este "artista" ir lucrar com este acto!


Tu tens razão naquilo que dizes, tal como o Mulheka, mas ambas estão a fugir ao objectivo da petição. A petição não diz, vamos salvar os animais abandonados, diz sim "isto não é arte". É um grito dirigido ao artista, galeria e pessoas que que a visitaram sem nada fazer.

"Cada vez me convenço mais que o tal rotweiller matou a pessoa errada."

Um cão não mata pessoas, as pessoas matam pessoas. Se um cão mata um ser humano a culpa é de outro ser humnano e não de um cão.
Eu gasto uma fortuna em seguros, por os meus cães serem de "raças perigosas". De acordo com a lei, um deles nem pode sair à rua de açaime, cada vez que sai de casa, arrisco uma multa. Os meus cães, caso um ladrão entrasse em casa, iriam simplesmente brincar com ele!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:41:00 da tarde

Mulheka:

Podem haver muitos hipócritas contra ele, enquanto há animais a morrer de fome nas ruas. Eu sou um hipócrita, pois há animais a morrer de fome nas ruas, tu és uma hipocrita e toda a gente aqui é hipócrita, pois falamos sobre o assunto mas nenhum de nós faz algo!

Temos os nossos cães bem tratados. Vemos um cão na rua e damos-lhe comer. Sentimos orgulho do nosso acto caridoso. Mas, e amanhã? O que vai esse cão comer amanhã?

O assunto que estamos a debater não é a impassividade da sociedade perantes estes crimes, mas sim uma vóz una e internacional, que diz "Isto Não É Arte".

Pessoalmente acho que mesmo, quem já abandonou um animal na rua, assinaria esta petição, abandonar está errado, mas mater em nome da arte e das vantagens financeiras inerentes?

Não foi um crime no calor do momento, foi algo planeado, o animal foi mantido preso, por diversos dias, ANTES da exposição estar aberta ao público. No dia da inauguração, o cão estava já tão fraco que qualquer tentativa de o alimentas sem ser a soro, iria matar o animal.

Esta petição é sobre a definição de arte.

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:43:00 da tarde

Foi Bom:

Não importa que as pessoas se lembrem dentro de 2 meses, o importante é que a sua assinatura chegue ao destino em Janeiro!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:45:00 da tarde

Ana:

Exactamente. Nós não estamos aqui a salvar cães da rua, estamos só a mostrar indignação por um acto criminoso!

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 5:47:00 da tarde

mamie2:

Concordo, mas há que atacar alguém, neste caso e como isto apanhou toda a gente desprevinida, ataca-se que está a lucrar mais, ou seja o pseudo-artista!

  trovador

segunda-feira, novembro 05, 2007 6:02:00 da tarde

Desculpem a intromissão, mas foi mais forte do que eu.
E revoltam-se ainda contra as touradas de morte em Barrancos, às quais ninguém é obrigado a assistir e que muita gente não conhece a sua génese.
Aqui há 50 anos atrás, quando não era "fino" ter um monte com cavalos no Alentejo nem um jeep; aqui há 50 anos atrás onde a fome no Alentejo (e também noutros sítios semelhantes, por esse Portugal fora) era "aos pontapés"; aqui há 50 anos atrás, em plena ditadura, onde a maioria das pessoas não sabia ler nem escrever; aqui há 50 anos atrás muito pouca gente saia onde era Barrancos.
Onde, tal como em muitos outros sítios que nem convinha publicitar, as pessoas lutavam diariamente contra a fome e, para mesmo muitos, a única vez que lhe passava um "fatoco" de carne pela goela era na altura da festa da terra, em que o touro era lidado à espanhola (até assumo que poderá ser um espectáculo violento) e depois a sua carne distribuida (dada) aos mais necessitados. Era assim. Verdadeiramente bárbaro, não é/era?!
Mas essas pessoas, porque respeitavam (e respeitam) os animais, nunca deixaram um touro morrer à fome, para que toda a gente visse, fome tinham eles.
Pois, eu vou assinar essa petição para contribuir que se faça qualquer coisa contra esta manifestação inqualificável de "arte" (arte???), e vou postar o link no meu blog.

http://aconversacomoroberto.blogspot.com/

  Crestfallen

segunda-feira, novembro 05, 2007 6:10:00 da tarde

trovador:

"e depois a sua carne distribuida (dada) aos mais necessitados. Era assim. Verdadeiramente bárbaro, não é/era?!"

Julgo que o facto de dar a carne ao povo, após a morte bárbara de um touro, continua a ser um espetáculo bárbaro, semelhante às lutas em Roma, Cristãos vs Leões.
Podemos dar comida ao povo sem espetar uma espada num touro.

Por outro lado e apesar de discordar com a lide à espanhola e com qualquer tipo de lide que envolva fazer o animal sofrer. Percebo o ponto de vista do povo de barrancos, pois isso faz parte da cultura deles.

Só não concordo é com os criadores de touros que justificam a tourada, dizendo, "se não fosse a tourada, o touro era um animal extincto". Acho um comentário ignorante!

  sextrip

segunda-feira, novembro 05, 2007 6:20:00 da tarde

- sem comentários -

http://guillermohabacucvargas.blogspot.com/

  sextrip

segunda-feira, novembro 05, 2007 6:34:00 da tarde

- sem comentários -

Habacuc é o 8º dos 12 profetas menores na biblia hebraica, é a voz dos fracos e das vítimas junto de deus e o único profeta que questiona a palavra deste.
(habakkuk ou havakuk)

  Vanadis

segunda-feira, novembro 05, 2007 7:26:00 da tarde

XIIIIIIIIII o pessoal anda todo a discutir a cena...bem...li algures que o canito já morreu há uns 3 meses. A petição serve, como disse o Crest, para evitar que o fdp do auto-intitulado artista volte a expor seja onde for.
Ok, sua excelencia tem um pinguinho de razão numa coisa: ninguém faz nada pelos bichos e crianças e adultos abandonados e esfomeados. Mas qd é posto assim à vista de todos, trau, grande discussão, hem?? Chamou a atenção?? Chamou. Fez-se alguma coisa?? Não. Nem sequer uma alma caridosa, completamente a cagar-se para a arte, foi capaz de arrumar os seguranças, partir aquilo tudo e tirar dali o cão. E, nas ruas deste mundo fora, continuam a morrer bichos, crianças e adultos.
Ou seja, que desculpa mais esfarrapada a do gajo. Pois, e eu quero chamar a atenção para as crianças que morrem á fome em áfrica, então, em vez de fazer um reportagem e ao menos ajudar as que puder (por acaso inventou-se uma pasta de amendoim com suplementos nutritivos, baratíssima, que foi distribuida e que já salvou milhares de bébés :-) ), bora lá pegar num néné, e mete-lo numa galeria de arte a morrer à fome!!! Pelamordedeus...

è por estas e por outras que acho que o Gajo Lá DE Cima, se existe, devia era atirar com um dilúvio à malta. Mas eu teria de ir na Arca, claro!!! ;-p

  Vanadis

segunda-feira, novembro 05, 2007 7:27:00 da tarde

PORRA!!! OUTRA VEZ????? Isto já é sina, meter ou desmeter o comentário 69.......

  sextrip

segunda-feira, novembro 05, 2007 8:18:00 da tarde

--> Vanadis

apesar do Crest não gostar (eheheh) o 69 é um excelente número para "n" coisas, comentários inclusivé...

  Vanadis

segunda-feira, novembro 05, 2007 8:40:00 da tarde

Xiii, para ser honesta tb não curto lá muito esse número!!! ;-p Não dá pra concentrar nem ser concentrado como deve ser!!! ;-p

  Mulheka

terça-feira, novembro 06, 2007 12:52:00 da manhã

Epá, no outro dia fui a uma exposição de mimos. Um deles estava a agarrar noutro, enquanto outro o espancava. Mas eu não fiz nada, acho que aquilo é arte e é permitido por lei. E, como é permitido por lei, nem questionei, deixei andar. Não toquei na obra de arte por podia ser punivel e nem chamei nenhuma entidade competente porque lá dentro não tinha rede e tinha que ir para a rua, o que me daria um trabalho imenso e pela situação que era, nem valia a pena.
Continuei a rir com um copito de champanhe na mão e um pastel de bacalhau na outra.

Volto a referir que... tenho dito!!!
É engraçado ver a mudança de discurso... quase que hilariante!

Sem dúvida que a caixa de comentários deveria ter outras funcionalidades. Gaja, perdoo-te os direitos de autor, mas só se fores ao Benfica-Milan eheh!!!

Terminei relativamente a este assunto!

  Crestfallen

terça-feira, novembro 06, 2007 9:54:00 da manhã

Vanadis:

Ora lá está! Colocar uma criança numa galeria a morrer de fome, para chamar a atenção para a fome em Africa, seria exactamente a mesma coisa!

Ou andar para aí nas galerias a matar pessoas, para chamar a atenção para a sociedade violente em que vivemos!

  Crestfallen

terça-feira, novembro 06, 2007 9:55:00 da manhã

sextrip:

Eu nunca disse que não gostava, simplesmente não se tira o proveito de uma oral bem feita :P

  Crestfallen

terça-feira, novembro 06, 2007 9:56:00 da manhã

Vanadis:

Exacto, um de cada vez, é muito melhor!

  Crestfallen

terça-feira, novembro 06, 2007 9:58:00 da manhã

Mulheka:

Na minha opinião, é perfeitamente aceitável um mimo espancar outro, tal como é perfeitamente aceitável, todos os mimos serem espancados!

  trovador

terça-feira, novembro 06, 2007 12:22:00 da tarde

Hilariante, hilariante e aceitável, seria um "mimo" e uma verdadeira obra de arte, ver um espancamento público desses "cães" que são alguns directores desportivos e presidentes de clubes.
Isso sim, seria arte.

  sextrip

terça-feira, novembro 06, 2007 1:03:00 da tarde

"quando se acende a luz, as baratas ficam tontas e fogem em todas as direcções"

adiante...

a petição vai em 214.600 assinaturas e, segundo me garantem, por "culpa" da blogosfera calcula-se que aumentou quase 400% no espaço de um mês.

existe uma forma de as pessoas poderem dizer algo e "isso", comparativamente a um passado bastante recente, é significante !

alguém (no meu círculo de amigos) deu uma ideia genial.
se o snr. guillermo vargas fizer exposição em portugal, que os visitantes se apresentem à porta com uma tesoura (para corta eventuais cordas) e uma caixa de transporte de animais.
(como se costuma dizer... "a brincar, a brincar...")

--> Crest
lol... estava a "entrar" contigo.
no entanto... não estará fora de questão fazer uma "performance artística" destinada a mostrar as vantagens e desvantagens de um 69.
desde já ofereço-me para "cobaia" do artista.

  Vanadis

terça-feira, novembro 06, 2007 5:02:00 da tarde

É como crest diz: à vez é muito melhor!!! Dá para uma pessoa se concentrar no que tá a fazer ou no que tá a receber... ;-p assim todos lucram, todos ficam felizes...as acrobacias só têm piada pela piada mesmo... ;-p

  Vanadis

terça-feira, novembro 06, 2007 7:22:00 da tarde

Isso sim, já podia ser arte... ;-p mas n contem comigo! ;-p

  sextrip

terça-feira, novembro 06, 2007 8:16:00 da tarde

--> Vanadis

pois até poderia ser arte, mas... neste caso já nem duvides que haveria intervenção policial e já se poderia desfazer a "peeeerformance", mexer nos "objectos artísticos" e banir o artista !
era certinho / direitinho.
:))

  Ana

terça-feira, novembro 06, 2007 9:34:00 da tarde

LOL

Eu era logo acusada de violar a arte!

  Allie

terça-feira, novembro 06, 2007 11:21:00 da tarde

219149!

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:54:00 da manhã

trovador:

Sodomizar o Pinto da Costa com uma raquete de ténis?

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:55:00 da manhã

sextrip:

"desde já ofereço-me para "cobaia" do artista."

Ok, mas se és a cobaia, eu não quero ser o artista :P

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:57:00 da manhã

Vanadis:

"Isso sim, já podia ser arte... ;-p mas n contem comigo!"

Então, porquê? Arte é arte :P

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:57:00 da manhã

sextrip:

Se anda por aí uma exposição de fotos de cus, porque não expor a arte ao vivo?

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:58:00 da manhã

Ana:

"Eu era logo acusada de violar a arte!"

É um risco que artista tem de assumir :P

  Crestfallen

quarta-feira, novembro 07, 2007 10:59:00 da manhã

Allie:

"219149"

Eh lá, está a aumentar bem...

  Vanadis

quarta-feira, novembro 07, 2007 1:13:00 da tarde

CRest e sextrip, euzinha é muy casta e recatada!!! Há arte que é privada!!! ;-p

  sextrip

quarta-feira, novembro 07, 2007 3:20:00 da tarde

irá ser lançada uma nova petição.

desta volta... contra o artista CrestFallen que pretende, numa galeria do Reeperbahn (mesmo ao lado da rua das "meninas"), expôr o senhor Pinto da Costa em pelota (o que já seria crime suficiente) com uma raqueta de ténis enfiada no... no... no ânus (digamos assim).

ora nós, da A.P.P.R.T. - associação portuguesa de protecção às raquetas de ténis, achamos que isto (aquilo) não é arte - antes sim, um puro atentado à dignidade secular de tão insigne equipamento desportivo.

contra tão ultrajante tratamento dado às Raquetas de Ténis (e que poderá abrir um precedente a outros e mais escabrosos usos da dita) dizemos NÃO.

  Crestfallen

quinta-feira, novembro 08, 2007 6:27:00 da tarde

Vanadis:

"Há arte que é privada!"

Isso não é arte, isso é egoísmo em não parilhar com o mundo!

  Crestfallen

quinta-feira, novembro 08, 2007 6:29:00 da tarde

sextrip:

Pois... talvéz eu deva rever esta nova forma de arte e criar eu próprio um objecto para lhe introduzir no anus!