Sacar Gajas!


Há gajos que chamam ao engate "pescar gajas", outros chamam-lhe "caçar gajas" outros ainda "sacar gajas", etc.

Os que chamam pescar, são aqueles que atiram o anzol e comem tudo o que morder. Os que chamam caçar, são os que dão o tiro a tudo o que mexe e se lhe acertar come-se. Os que sacam, tentam sacar um alvo escolhido, ignorado o resto do "gado".

"O Crestfallen é um cabrão, anda a ensinar às gajas os nossos truques todos e daqui a uns tempos temos de dar todos em paneleiros".

Peço desculpa, não quero ser um estraga fodas. Não quero ser conhecido como aquele amiguinho que as gajas têm, aquele que não fode, mas também não sai de cima. Todos os gajos sabem ao "ser" a que me refiro. Eu simplesmente acho que está na hora das mulheres perceberem os nossos truques, para ver se o homem começa a ser mais original. Melhores linhas de engate, melhores mentiras. Melhorar as técnicas de caça.
Evoluir.

Ouçam, mesmo que uma gaja não esteja interessada em vocês, nem saiba que vocês existem, basta dizer a frase certa no momento certo e a opinião dela muda. Tudo depende de nós. Temos de tentar em todas as oportunidades que se atravessem no nosso caminho. Se ela tem namorado, que se foda! Há que tentar para não ficarmos a pensar nisso. Se temos namorada ou esposa... deixem-se de merdas. Cuidem do de que têm, se querem andar de cueca em cueca, fiquem solteiros e descomprometidos. Sejam como eu, campeão mundial de fuga ao compromisso. E tenho dito!


Qualquer gajo. Bonito, feio, alto, baixo, gordo, magro, hetero, gay, inteligente e mesmo bronco como uma porta... Qualquer gajo engata na noite. Com mais ou menos sucesso. Gajas melhores ou piores. Qualquer pessoa engata num bar ou numa discoteca. Torna-se aborrecido, é sempre a mesma merda. Temos de variar. Temos de treinar o nosso paleio noutras situações, pois a mulher dos nossos sonhos pode não sair à noite. Essa mulher, poderá estar numa paragem de autocarros, na sala de espera de um hospital, no supermercado, ou numa igreja. O meu sitio favorito é o supermercado mas do engate neste paraíso feminino falarei noutro texto. Vou começar pela igreja.

Engatar numa igreja.

Aqui encontram um outro tipo de raparigas. Santinhas, muitas delas só exteriormente. Aparentemente puras. O objectivo é vê-las com o diabo no corpo, crucifixo no chão do quarto e em cima de nós a gritar, "Ai meu Deus, ai meu Deus". São estas que se tornam diabólicas entre quatro paredes. Suas pecadoras de treço na mão...

Cheguem cedo à igreja. Elas juntam-se cá fora. Escolham o alvo. Ao entrar, fiquem perto dela, não tem de ser ao lado, mas de maneira a poderem vê-la e serem vistos. Ouçam o que o padre diz, isso vai ser útil. Não façam comentários. Não finjam que sabem rezar, mais vale ficarem calados do que fazerem play-back. Se ela olhar vai perceber que vocês, não percebem nada daquilo e estão como um peixe fora de água.

Ao sair acompanhem-na. Usem o sermão do padre para meter conversa. Se ouviram o que ele disse, vão ter de que falar. Ela vai vos ouvir e vai responder. Se e quando ela vos perguntar, pois vai perguntar, visto que é lógico que vocês não perceberam um cu, das metáforas usadas pelo padre. Respondam que não são frequentadores da igreja, mas que se sentem meio perdidos e sentiram que este seria o sitio indicado para se tentarem encontrar.

É este o tiro que mata o pato.

(Sejam honestos no meio da vossa desonestidade. A mulher gosta dessas merdas. As gajas gostam quando somos honestos. O problema é que, no homem a honestidade é parcial. Podemos ser honestos no engate, mas fomos desonestos nas técnicas usadas para chegar lá.)


As mulheres adoram perdidos. Um cachorrinho, gatinho, tudo o que anda perdido é "inho". Elas gostam de proteger, de cuidar. O instincto maternal vem à superfície. Os olhos de carneiro mal morto, são irresistíveis. A mulher gosta de ajudar um homem, perdido e triste. Excepto quando foi ela a causadora de toda essa miséria. Nesse caso fica com sádico sorriso ao ver sofrer e procura um coitadinho, fofinho, sozinho a quem outra gaja fodeu a vida.


E pronto. A cama está feita é só deitarem-se.

Convidem-na para um café. Não comecem logo por jantares, pois vão assustar o gado todo. Um café durante o dia, visto que à noite depois do jantar, ela vai ler a bíblia e adormecer de seguida.

Vai ser diferente. Mas cuidado. Se durante o sexo, ela vos colocar uma coroa de espinhos na cabeça, ou começar a rezar o terço. Fujam. Pois esse é o tipo de gaja que vos vai crucificar... Literalmente.

35 Comentários:

  bela_sonhadora

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:16:00 da manhã

looooooool

no meio da desonestidade a honesidade looool gostei, nao acredito é que existam assim tantas mulheres nas igrejas que valham a pena todos esses joguinhos mas isso sao outros contos :p

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:28:00 da manhã

bela_sonhadora:

Essa estória das velhinhas é que vão há igreja é só para manter os predadores longe. Não imaginas quantas meninas bonitas são devotas, ou pelo menos que vão à Igreja ao Domingo para exorcizar os pecados do fim-de-semana.

Sim, eu já testei uma Igreja ao domingo pela manhã. A merda é que raramente me levanto de manhã...

  tavguinu

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:32:00 da manhã

LINDOOOOOOOOO !

tens preferência na igreja e na hora da missa?

PS - EXCELENTE blog

  2 gajas super mega ri idiotas

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:00:00 da manhã

Agora fiquei curiosa sobre como será engatar uma gaja no supermercado... fico à espera!

Bjs
Borboleta Azul

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:13:00 da manhã

tavguinu:

Como agnóstico não me faz diferença, só evito as mesquitas pois aquilo é só gajos.

Obrigado

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:15:00 da manhã

2 gajas super mega ri idiotas:

Ahahah, no supermercado há técnicas mais requintadas e temos de ter olho bem aberto, mas irei escrever sobre isso. Está prometido.

  Skynet

quinta-feira, agosto 16, 2007 12:50:00 da tarde

As da Igreja são todas sado-masoquistas por isso estão sempre lá a confessar os pecados. Fazem-se é de difícil ao principio lol

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 3:00:00 da tarde

Ainda só li o cabeçalho, ainda não li o post, por isso o meu comment vai inteirinho para ele...
Os gajos continuam a ser uns básicos do caraças...
Depois comento o resto, que isto são horas de trabalhar no duro...sim, eu tenho um trabalho, não um emprego.
Kiss

  Francis

quinta-feira, agosto 16, 2007 5:21:00 da tarde

oh vida desgraçada...as gajas estão cada vez mais exigentes, é preciso um chaval aplicar-se a fundo...o mercado está aguerrido pá.

  Adriano Bichano

quinta-feira, agosto 16, 2007 6:00:00 da tarde

Ando à procura de gaja para hoje à noite. Alguém me informa, ou terei de recorrer ao www.momentosdeprazer.com

Faminto estou do teu prazer, menina,
Desejar-te toda, buscar-te, é minha sina,
meu objectivo, sonho e projecto.
Em pétalas lascivas
quero desfolhar-te,
sugar o teu néctar,
hei-de saciar-te
e realizaremos este amor secreto.
Deixa-me sugar-te, minha flor,
e em troca,devora-me, por favor...
Tem pena de mim, do que sinto,
vem para saciar-me,
que da tua carne
eu estou faminto...

E muito!!!!!

  Tony Soprano

quinta-feira, agosto 16, 2007 6:14:00 da tarde

Eh pá isso de sacar gajedo na noite realmente já deu o que tinha a dar, especialmente porque (na minha opinião) qualquer gaja se acha a maior e pensa que daqui não levas nada... E nós claro, temos mesmo que mentir! Mas elas sabem que é tanga portanto...
No fundo todo mundo quer lavrar e lavrar com força, não de mansinho... Elas bem dizem que querem fazer amor, mas na verdade querem mas é FODER e à bruta mesmo... então essas que parecem umas sonsas, são as maiores leoas... RRRRRRRRRRrrrrrrrrrrrrr

Quanto a supermercados, tens razão, pois eu já trabalhei num hiper, e vê-se lá cada avião... Uuuuuiiiiiiiiii.

  Kátia

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:13:00 da tarde

Me desculpe Crestfallen mas,toda vez que eu quero rir eu venho em seu blog ler as coisas ue escreve.E tenho "aprendido" cada coisa também! Hahahaha
Continue,que eu desse lado do Atlântico,tou gostando.

  Kátia

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:14:00 da tarde

"que escreve"....sorry :)

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:19:00 da tarde

Skynet:

Claro que se fazem de difícil, caso contrário, acho que era pecado...

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:27:00 da tarde

Musa:

Pois tens de ler tudo, porque nesse campo eu tento me distinguir.

É por haver mulheres que como tu nos acham básicos, é que o meu objectivo é inovar.

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:28:00 da tarde

Francis:

Exactamente, o mercado está cada vez mais exigente. Um gajo ou se actualiza, ou quando dermos por ela estamos num museu.

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:30:00 da tarde

Adriano Bichano:

"Faminto estou do teu prazer, menina..."

Obrigado pelo poema, mas de mim o máximo que podes levar é sodomia com acessórios de cozinha, não há cá meninas para ninguém.

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:32:00 da tarde

Tony Soprano:

Ora aí está uma grande verdade, as mais tímidas e que parecem mais sonsas, são na verdade umas lobas com pele de cordeiro.

Um gajo é surpreendido, mas há surpresas agradáveis.

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 8:33:00 da tarde

Kátia:

"Mi casa es su casa". Obrigado

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 9:24:00 da tarde

Ok ok, já li...mas parece-me pouco provável...Só vejo beatas mais a dar pro velhotas a irem à igreja!

  Mulheka

quinta-feira, agosto 16, 2007 9:51:00 da tarde

Tu és o campeão mundial de fuga ao compromisso e eu sou a "campeona" lol

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:29:00 da tarde

Mulheka:

É o troféu de que mais me orgulho até hoje. Eu sei que vou ser apanhado um dia, mas até esse dia chegar ainda tenho muito que fugir :)

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:34:00 da tarde

Quando alguém diz que foge de um compromisso, é sinal que está louco(a) para se ser apanhado...

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:40:00 da tarde

Musa:

Isso é na igreja católica do bairro. Há mais igrejas com outras ondas que atraem mais gente.

Quanto ao querer ser apanhado, isso é psicologia 1on1. Vejo pessoas a desperdiçar juventude com pessoas que não merecem. Até ao dia em que sentir os pés frios à noite, tenciono manter-me solteiro, com relações fúteis, baseada nos prazeres da vida.

Se me apaixono, fodo-me, mas enquanto isso não acontece, posso evitar!

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:48:00 da tarde

Tás a globalizar...o simples facto de te apaixonares não é sinónimo de te ires foder. Aconteceu contigo até aqui (comigo também, e já passei por coisas que tu nunca irás passar, pelo simples facto de ser mulher), mas pode não acontecer sempre. dasse, se não acreditarmos nesta merda, bem que podemos continuar com os relacionamentos fúteis, sem olharmos para o futuro com o mínimo de interesse...(neste aspecto, simplesmente neste aspecto, os outros agora não interessam).

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:53:00 da tarde

Musa:

Eu olho para o futuro com interesse, só não tenho interesse em relações sentimentais. Coloco tudo em pratos limpos logo no início.

O facto de me foder é que numa relação por mais liveral que seja, existe perda de liberdade. Que queiram, quer não as coisas não são iguais. Já estive em relações e fora delas, conheço os dois lado. Neste momento e nos últimos 2,5 anos sinto-me mutio bem com a situação.

Vejo qualquer rapariga interessante como uma possível futura ex-namorada, quando deixar de as ver assim, talves pondere uma relação séria.

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:56:00 da tarde

"Vejo qualquer rapariga interessante como uma possível futura ex-namorada".
Visão linda essa, mas quem sou eu...

  Mulheka

quinta-feira, agosto 16, 2007 10:58:00 da tarde

Agora quem está a globalizar és tu musa! ;) Podes ter a certeza que nao me englobo nesses que tu falas, que supostamente andam doidos por ser apanhados!

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:04:00 da tarde

Talvez, talvez...As pessoas são todas tão diferentes(e ainda bem, caramba) que a generalização de um determinado assunto fica sempre mal...Mea culpa...:D

  Mulheka

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:17:00 da tarde

Ora nem mais ;)

  Crestfallen

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:18:00 da tarde

Musa:

Ver uma mulher como "futura ex- namorada" e o mesmo que sair de casa e saber que posso não voltar, acordar e saber que pode ser o meu ultimo acordar.

Eu prefiro esperar o pior de cada situação de maneira a não ser surpreendido.

Magoei a canela? Pelo menos não parti a perna. Parti a perna? Pelo menos não morri.

São diferente maneiras de ver as coisas. Pelo menos as coisas más não me surpreendem, pois esperava que fossem piores!

Se a futura ex, não o for OPTIMO, se for, já o esperava!

  Musa

quinta-feira, agosto 16, 2007 11:26:00 da tarde

Opá, mas esperar sempre o pior das coisas...vá, tá bem, se não nunca mais saimos daqui...:P

  Crestfallen

sexta-feira, agosto 17, 2007 11:36:00 da manhã

Musa:

Eu sei que isto dava pano para mangas. Eu acredito na "Lei de Murphy" e como não gosto de surpresas...

  Papando&Andando

segunda-feira, janeiro 14, 2008 1:33:00 da tarde

ides ao http://www.portalprivado.com ai sim apetece cobrir

  Crestfallen

segunda-feira, janeiro 14, 2008 5:17:00 da tarde

Anónimo Papando&Andando:

So´ se for as meninas com um cobertor ou o dono do site de dinheiro...