Com BP quem ganha é você!

Recebi um mail chamado "A piada do dia" (obrigado a quem me envia estas pérolas), a piada do dia era noticia que a BP manipulou fotografias para que o mar ficasse azul e límpido. Eu diria que a Mariana de Araújo Barbosa que publicou esta noticia no i-online, acertou na piada menor, havendo duas outras bem mais morbidamente engraçadas. Para ver a noticia podem clicar no link acima, ou clicar nas seguintes imagens:




Mais engraçado que editar fotografias (porque não foi só uma com diz a noticia e não foi só para mostrar o mar mais azul), para esconder a verdade, é a desculpa dada por Scott Dean, relações publicas da BP, depois desta ter sido apanhada e ter colocado as fotos originais no site. Este senhor admitiu ao Washington Post que as imagens foram manipuladas e justificou-se dizendo que acredita que as alterações não foram propositadas pois o fotógrafo só queria testar o seu talento com o photoshop. Aqui está um dos exemplo de imagem manipulada de uma forma quase infantil:




Que este fotógrafo me desculpe mas se é isto que consegue fazer com o photoshop eu posso lhe dizer que faria o mesmo usando o Windows-Fotogalerie para alterar a luminosidade e saturação e depois usaria o paint para eliminar a plataforma e adicionar oceano e poupava o dinheiro do photoshop.

"Ah e tal queria ver isso!", podem dizer... Como não sou pago pela BP e como estou de férias dediquei 7minutos à foto original e usado os 2 programas básicos de que falei, coloquei o céu e água mais azuis, retirei o barco e comecei a adicionar réplica de mar. Deixei incompleto para não perder o meu tempo e para verem melhor o processo:

 (adicionamento de mar do lado direito incompleto. Eliminação do barco do lado esquerdo antes de adicionar mar. Barco eliminado no topo. Se o pior programa do mundo "paint" faz isso, um trabalho em Photoshop tem de ficar quase perfeito.)

Mas ainda há uma última piada na noticia, onde diz: "A 1 de Outubro, Tony Hayward, 53 anos, vai abandonar o cargo na petrolífera e será substituído pelo norte-americano Bob Dudley. (...) O conselheiro delegado demissionário sai da petrolífera com uma pensão de 715 mil euros e já se fala em novo cargo, no conselho-executivo da petrolífera TNK-BP, participada em 50% pela BP." 

Primeiro é importante sublinhar que pensão dele não será de 750 mil euros. Ele receberá 1 ano de salários mais uma pensão. Os 750 mil euros é 1 ano de salários o valor da pensão não foi revelado mas está na casa dos milhões de dólares. Ou seja, isto não é indemnização, é recompensa.


A piada final é que retiram Tony Hayward  do trono da BP por ser incompetente e vão colocá-lo no trono da TNK-BP. Por seu lado Bob Dudley recentemente demitido do trono da TNK-BP por ser incompetente, vai ser colocado no trono da BP. Dois gajos que só fizeram merda, um no golfo do México e o outro na Rússia, além de serem "demitidos!?" recebem uns milhões e trocam de lugares ao leme do mesmo grupo. Isto sim é uma verdadeira anedota. 


Fehr e os telemoveis, Reloaded

Hoje ia escrever sobre não sei o quê, mas como não sei quê, já não vou escrever sobre isso. 



Esta manhã tocou o telefone, curioso em saber quem é que estava farto da vida e queria morrer, pois é o destino das pessoas que me acordam antes das 11 da manhã, venho a saber que tinha uma encomenda na recepção mas que era preciso o meu passaporte para a recolherem pois o senhor da UPS tinha ordens para entregar em pessoa...  

Ora, não é que a minha fantástica companhia telefónica após serem informados na segunda-feira do meu infortúnio não só me mandaram um cartão novo (com novo numero porque blá, blá, blá, a urgência, blá, blá, blá, papelada e blá, blá, blá), mas também um telemóvel novo, 100% grátis e acompanhado de um pedido de desculpas por não ser o mesmo modelo pois parece que o Nokia 5800 não é mais fabricado... quem tem, tem e quem não tem, tivesse. O que me ofereceram foi um... hmmm, vou ver, já volto... Nokia 5230. Tem o mesmo formato mas é de outra cor, não tem pen nem flash mas o touch-screen tem melhor sensibilidade e é mais leve.



Não é fantástico? Fizeram sentir-me um VIP, mas não um VIP qualquer mas sim do tipo estrela de rock dos anos 90 com uma ressaca gigantesca (sim, a noite foi agreste). Só me faltava mesmo era o nariz sujo de farinha ou pó talco e com uma loura e uma morena semi-nuas debaixo de cada braço.

Parece tudo muito bonito mas não é bem assim... Aqueles mais atentos que leram o texto do passado Domingo podem perguntar:

Leitor atento: "Ó Bruno se tinhas perdido o telemóvel para que é que pediste um novo cartão?" 
Bruno Fehr: "Ainda bem que fazes essa pergunta! Não faço a mínima ideia."

Mas aqueles leitores ainda mais atentos, podem perguntar:

Leitor ainda mais atento: "Agora tens um numero novo e um telemóvel novo, mas se não tens o antigo nem um backup da agenda... Quem é que te liga? A quem é que tu ligas?"
Bruno Fehr: "Ainda bem que me fazes essa pergunta, Não faço a mínima ideia."

É irónico como por segundos um problema parece estar resolvido mas na verdade vai dar ao mesmo. Vou usar este telemóvel da mesma forma que algumas pessoas que deixam de fumar andam com um maço de tabaco com o último cigarro. E claro, para um homem educado é importante ter um telemóvel no bolso, pois ao colocarmos a mão no bolso para coçar os tomates podemos sempre disfarçar tirando o telemóvel.

A Nasa e 2012

Muito se tem falado nos últimos anos sobre a profecia Maia e o fim do seu calendário em Dezembro de 2012. Muito se tem falado sobre o planeta-cometa Nibiru. Muito se tem falado sobre a mentira do aquecimento global causado pelo ser humano versus a verdade do aquecimento global causado pelo natural ciclo solar. Muito se tem discutido se a profecia de 2012 como "final dos tempos" é o Apocalipse Bíblico ou unicamente a entrada numa nova era (Assuntos que já abordei neste blogue).

Em muitas destas perguntas as pessoas sempre se viraram para a NASA, que sempre negou não só a existência de Nibiru com negava que o aquecimento global se devia a tempestades solares e não à actividade humana. Tempestades solares essas que irão atingir o seu máximo em 2012, por coincidência na mesma altura da profecia Maia e da teoria Egípcia do cometa dos 10.000 anos e/ou Nibiru.

Parecendo que é outro assunto mas na verdade não é, também muito se tem ouvido falar do Projecto Blue Beam, que quando exposto dizia que até 2012 muitos factos seriam fabricados a nível politico, cientifico e religioso para mudar as mentalidades com o objectivo de desacreditação da religião e imposição de um governo global. Como exemplos temos: O manto e lenço de Cristo. A maçonaria a publicamente demonstrar o seu poder politico. Temos finalmente dados sobre o grupo Illuminati como sendo mais do que ficção. Temos o Vaticano a admitir a possibilidade de vida extra-terrestre.  Temos a pedofilia que mesmo sendo crime não é devidamente penalizada quando praticada por grupos políticos ou religiosos. Temos a NASA a usar explosivos para achar na lua o que já se havia provado existir numa altura em que outros países se preparam para lá ir. Temos os EUA a ponderar extinguir os direitos dos prisioneiros. Temos o Reino Unido a ponderar a prisão preventiva com base em DNA, não para prevenir futuros crimes mas sim para prevenir um primeiro crime com base na possibilidade genética de tendências criminosas ou violentas de um individuo. Temos o fantasma do imposto do carbono a pairar sobre a Europa onde iremos pagar para respirar. Temos passaportes biométricos e cartões do cidadão que usam a tecnologia RFID. Temos por toda a Europa, grupos políticos a tentar aprovar alterações às constituições nacionais. Temos empresas como o Facebook e Google (YouTube) a entregar dados pessoais de utilizadores a outras empresas. Temos os jogos olímpicos XXX envoltos sob um grosso manto místico. Temos um Presidente Europeu não eleito pelo povo que ninguém sabe de onde veio, o que faz e quem o pode demitir. Temos já acções de medo lançadas pelos governos com o apoio da imprensa como: Pandemias que afinal eram falso alarme após expostas provas de manipulação desses vírus. O Islão a ser rotulado de monstro a abater e Israel de vitima enquanto o ocidente se passa por salvador do mundo. Temos o  AXIS (eixo do mal) da segunda guerra mundial agora a ser substituído pelo Irão, Coreia do Norte e mais recentemente a Rússia após os "escândalo" dos espiões presos nos EUA ainda com a possibilidade de lá colocarem também a China no meio. No fundo campanhas de medo para que de uma forma pacifica o povo aceite ceder certas liberdades em troca da ilusão de segurança, ficando sem nenhum dos dois.

O que falta mais? Falta mais medo e é aqui que entra a NASA que acabou de publicar uma descoberta que já muita gente sabia sem ter gastar triliões de dólares em impostos. A NASA acaba de afirmar como sendo verdade o que vem desde há anos a negar. Mas afirma-o numa versão causadora de medo. Pegaram na verdade de o aquecimento global não ser mais do que o ciclo natural do Sol que se encontra em hiperactividade e transformaram isso em medo com a ajuda da imprensa. Aqui fica o primeiro exemplo da imprensa no seu pior, a espalhar a propaganda do medo, cenários apocalípticos sem sequer darem uma palavra de esperança...






Até Dezembro de 2012 faltam menos de 2 anos e meio e esperem mais acções de medo onde os inimigos serão: - Gripes hiper-mega-mortais - senhores de pele morena e barba vindos do médio oriente a querer matar todos os não Islâmicos - seres de outros planetas ou factores astronómicos que nunca poderão confirmar - descobertas fantásticas a nível religioso - movimentações politicas para levarem o povo a exigir soluções que sempre foram objectivos políticos - e muitos ataques às constituições nacionais.

Acho que a maioria das pessoas já aceita que realmente se aproxima "o final dos tempos" mas isso não é o fim do mundo, é uma mudança de tudo aquilo que tomamos hoje como certo. Mas depende de nós distinguir a verdade das campanhas de medo politicas para que a entrada nos novos tempos seja uma nova idade dourada de iluminação e conhecimento e não uma queda numa nova idade média de poder elitista e escravização social.

Que credibilidade devemos dar a um jornalista que diz: "O que estou a ver aqui, assusta-me de morte", com um sorriso nos lábios?

Fehr e os telemoveis

Acho que não nasci para ficar preso ou ser localizado com facilidade. Já perdi a conta ao telemóveis que perdi ou que me roubaram. Este ano vou para o terceiro e tenho sempre tendência para perder os caros. Os telemóveis do tempo dos reis (anos 90) ainda os tenho todos.
O que é chato, tendo em conta que o telemóvel era novo, é que desta vez perdi todos os contactos.

Começo agora a perceber aquele sentimento de falta... O sentimento de andarmos nus na rua só por não termos aquela caixinha com a qual nos podem localizar. E isto acontece, porque ao estar fora da Alemanha não irei conseguir um cartão de substituição, mesmo que compre o telemóvel aqui.

É interessante que ao ficar sem telemóvel nunca me preocupo com quanto ele custou. A preocupação vai sempre para: "E se me ligarem?". Como se o facto de eu não estar contactável fosse de alguma forma contribuir para o fim do mundo...

A Nokia precisa de apresentar rendimentos ao final do ano, e eu devo ser um dos melhores clientes actualmente. Ficar até ao final das férias sem telemóvel poderá ser uma espécie de desintoxicação, pois digam o que disserem: O telemóvel é uma forma de dependência!



Verrückte vankina perdido in dreams



Time goes by slowly while people change
Lost in the midst of it all, I stand Estranged
A Psychosomatic melancholic stain
A Grasp of sanity while going insane

Por mais que escreva o que não quero dizer
Por mais que sonhe o que não quero fazer
Por mais que lembre do que me esquece
Por mais que perca o que me aquece
Nunca direi nada que escreva
Nunca farei nada que deva
Não consigo esquecer o que não quero lembrar
Não pararei de te recordar

Por mais que ande só por andar
Por mais que sinta o fundo do mar
Por mais que reme contra a maré
Por mais que diga tudo o que não é
Só irei ter o que me der
Só irei ver o que vier
Por mais longo que seja o caminho
Percorro-o só, mas não sozinho
Por mais que esconda o que se vê
Por mais que mostre o que se lê
Por mais que lute... Por mais que queira...
Por mais que sonhe a noite inteira

Sonho unicamente acordado, while sleeping an infinite dream
Por mais que sinta calado, I break into a silent scream
Mesmo alimentando a fogueira, Ich bin kalt und verschneit
E todas as noites a noite inteira, Ich träume allein zu zweit
Se a morte é uma viragem, haaveilla tarinansa kertoo
Se a vida é uma viajem, Rakkaus on lepo
Mudar seria perder
Perder seria morrer
Mas para parar de olhar o além
Para deixar entrar outro alguém
Para aceitar tudo o que é meu
Eu só preciso de um sinal teu


--em memória de E.V.

Abusos de direitos de autor

Abusos de direitos de autor é algo que é visto de um só lado. Quando se diz que alguém abusou de direitos de autor, pensamos sempre num terrível pirata moderno agarrado a um PC a fazer downloads e uploads de filmes e música ou de alguém a fazer copy/paste de textos de terceiros no seu blogue, ou pensamos até no Tony Carreira. Mas há o outro lado, os novos abusadores de direitos de autor, ou seja, aqueles que mandam E-mails para sites reclamando direitos de autor que não são seus.

Foi com surpresa que recebi um E-mail que colocava dois ficheiros meus, guardados num serviço online de armazenamento de dados, na categoria de abuso por violação de direitos de autor. Como estou de férias, nem perdi muito tempo com o assunto mas foi o suficiente. Simplesmente exigi saber quem apresentou a queixa e ao obter resposta fui investigar.

A reclamação, de estar em posse ou representar o proprietário, de direitos de autor sobre as obras na minha conta, veio do senhor Hervé Lemaire, nome que em poucos segundos me levou ao seu site www.leakid.com, onde o principal serviço que ele vende é detectar pirataria online. É como que um caçador de prémios, ele apresenta queixas de abusos de direitos de autor em tudo quanto é site que encontra, desta forma publicitando o seu nome, E-mail e nome da empresa. Em pouco tempo estes sites são inundados de queixas deste senhor e o site alvo começa a punir os usuários por pensar que este senhor tem um poder imenso e uma carteira de clientes gigantesca. Não tem! O que ele faz é: manda retirar o material aleatoriamente como forma de pressão, e no meio desse material aquele que ele tem como alvo e com o qual tentará ganhar dinheiro. Por um lado contacta a empresa que vende o produto e tenta receber uma gratificação e por outro lado tenta receber parte da multa de 35 dólares que estes sites passam aos usuários que violam os direitos de autor. Só uma em cada 10 queixas deste senhor é que lhe rendem capital, a maioria é só mesmo publicidade e uma forma de manter pressão sobre estes sites de partilha de ficheiros e dar poder ao seu nome.

Contactei este senhor, que duvido que me irá responder com algo que não seja "erro de sistema de detecção de pirataria" e desafiei o site em questão, pois neste caso o Sr. Hervé cometeu um erro enorme por confiar no seu motor de busca automático... Este senhor reclamou ter direitos de autor ou representar quem os tem sem ter reparado que os ficheiros eram:

Sun-Tzu - The art of war
Shakespeare - Romeo and Juliet

O primeiro foi escrito em 6 BC, traduzido para Inglês em 1905. O segundo foi escrito por volta de 1595. Obviamente que são trabalhos que não foram incluídos no Copyright Act de 1976, pois quando ele foi criado já não havia direitos de autor nestas obras. Mesmo que estivessem incluídos não  conseguiriam fugir ao facto de que os direitos de autor possuem a duração da vida do autor mais 75 anos.

Estes são os novos piratas, os que dizem estar do lado da lei e tentam tramar os incautos. Mas... com tanto ficheiro online ilegal, quais serão as probabilidades de fazer uma falsa acusação de violação de direitos de autor a um teimoso português de férias, perdido algures na Roménia, com imenso tempo livre e que até gosta de guerras destas? 
Só porque posso, vou terminar com umas palavras dirigidas ao senhor Hervé Lemaire, para que ele decida se quer também exigir que este blogue retire as palavras de Shakespeare (foi para que chegue até aqui, que linkei o seu site), as quais ele alega ter direitos de autor ou representar o autor. Não sei bem e acho que este pobre homem também não sabe:

"Assim a todos nos faz covardes nossa consciência,
Assim o grito natural do ânimo mais resoluto
Se afoga na pálida sombra do pensar
E as empresas de mor peso e alto fim,
Tal vendo mudam o seu rumor errando
E nada conseguindo! Sossega agora..."
                                --Hamlet - William Shakespeare

Adenda: Ao publicar o texto reparei que recebi resposta do Sr. Hervé... tal como previ uns parágrafos acima: 

A lista de Schindler Aristides

É complicado ser-se Português e ter o devido reconhecimento internacional das suas acções. Apesar de em 1415 os portugueses terem iniciado uma era chamada de descobrimentos. Apesar de em 1488 Bartolomeu Dias ter transformado o Cabo das Tormentas em Cabo da Boa Esperança ao transpor esse obstáculo. Em 1492 Cristóvão Colombo chegou à América e hoje todos falam dele, do navegador que não se sabe se era Português ou Italiano e que a maioria dos Americanos acham que era Espanhol. Até Hollywood fez um filme sobre a viagem em que Colombo falava... Espanhol.
Colombo abafou todos os nomes antes dele e nem Vasco da Gama que em 1497 partiu a caminho da Índia ou a chegada de Pedro Álvares Cabral em 1500 ao Brasil, destronaram o "homem sem pátria", Colombo. Será que as outras viagens não davam um filme, quem sabe, melhor?


 (Aristides Sousa Mendes)

Mas o esquecimento, ou pelo menos a falta de protagonismo, dos feitos dos Portugueses não ficam por aqui. Hollywood louvou um homem chamado Oskar Schindler num filme chamado: "A Lista de Schindler", por este homem ter salvo 1.200 judeus da morte. Este filme custou 25 milhões de dólares. Admito que nunca tinha visto este filme, primeiro por conhecer a história e em segundo por toda a gente falar bem do filme, tal como nunca vi o: "Em busca do soldado Ryan", pelos mesmos motivos. Mas estando eu de férias, lá me convenceram a ir a um cinema obscuro numa terra desconhecida, ver a história do Sr. Schindler.


(Oskar Schindler e sua esposa)

Mas há um outro nome que não merece a atenção de Hollywood, mas que tem já um filme com um orçamento 9 vezes menor realizado por Francisco Manso e João Correa, graças a uma parceria Luso-Espanhola, Belga e Brasileira.
O filme é sobre a vida de Aristides Sousa Mendes, Cônsul de Portugal em Bordéus que à revelia de Oliveira Salazar passou mais de 30.000 vistos de entrada em Portugal. 


(Aristides Sousa Mendes)

Schindler salva 1.200 é relembrado mundialmente é um herói na Alemanha, EUA, Israel. e  por todo o mundo. Aristides Sousa Mendes salva 30.000 e a sua memória fica em segundo plano.

Aristides Sousa Mendes é, desde que saiu o filme "A Lista de Schindler", minimizado ao ser chamado de "o Schindler português", desculpem mas isto é hipocrisia demais, então um homem que salva 25 vezes mais pessoas fica apelidado como se tivesse ficado aquém de Schindler? Schindler é que deveria ser apelidado de "Aristides Sousa Mendes Checo".



"Ah e tal Schindler arriscou muito era membro do Partido Nazi", desculpem Schindler era um empresário que se tornou membro do Partido Nazi para poder usufruir do trabalho escravo dos Judeus e desta forma ter feito fortuna. Se bem que gastou grande parte dela a salvar 1.200 judeus, quantos é que ele escravizou até ter feito essa fortuna e ter acordado para a realidade? O que seria o pior que poderia acontecer a Schindler? Perder toda a sua fortuna! No entanto ele viveu, tendo iniciado e perdido vários negócios, livre.
Aristides Sousa Mendes era Fascista e politico e como tal sujeito a piores castigos que um empresário. O que seria o pior que poderia acontecer a Aristides? Ser condenado por traição à pátria! No entanto não foi, mas perdeu o seu trabalho, a sua licença de advocacia, a sua carta de condução e passou a viver de caridade após ter tido de vender tudo o que possuía. Quando morreu foi enterrado com um hábito Franciscano pois nem um fato lhe restava. Ele viveu recluso da sua boa acção.



Israel deu honras a Schindler em 1958 quando o considerou uma pessoa justa e o convidou a plantar uma árvore na Avenida dos justos. Nesta Avenida há uma árvore dedicada a todos os não judeus que salvaram vidas judaicas. Apesar de Israel ter sido o primeiro país a reconhecer os feitos de Aristides Sousa Mendes, a árvore dele foi já a título póstumo e o seu nome louvado muito depois do de Schindler.

Bastidores da musica (Parte 30) Karaté Kid 2010

Estou a voltar à série "Bastidores da música", pois a série ainda não chegou ao final que lhe dei, mas também porque assisti hoje a um novo filme onde uma música com conteúdo sexual foi usada numa cena com crianças de 10 anos, num filme direccionado maioritariamente a um público juvenil. 

O filme é o novo Karaté Kid (2010) e a música é uma de que já falei na parte 15 desta série: Poker Face (Poke her face) da Lady Gaga.

Para quem não sabe do que falo, poderá ler a parte 15 novamente, para quem não quer ler eu relembro que o refrão da música é supostamente "Popopo poker face, Popo poker face", mas na verdade o que é cantado é: "Popopo poke her face, popo fuck her face", onde nem era necessário ela pronunciar o fuck, visto que poke her face é o acto sexual de irrumação.

Agora reparem bem nesta cena da versão de 2010 do filme Karaté Kid que está nos cinemas:



video


A música já foi desmascarada vezes sem conta. A própria Lady Gaga obriga os jornalistas a assinar termos de responsabilidade em como não farão perguntas sobre esta música... e mesmo assim colocam exactamente esta parte da música, numa cena com crianças? Será um presente para os amigos pedófilos destas bestas maçónico-illuminati?

Reparem que cortei a cena no final da actuação da menina de 10 anos... e o que disse a máquina? "You're hot!". Há uns tempos escrevi uns textos sobre mensagens pedófilas escondidas em filmes infantis e recebi comentários de que eram interpretações minhas e que tudo poderia ser interpretado de outra forma. Será que um fuck her face enquanto uma menina de 10 anos está a dançar pode ser interpretado de uma forma educativa? Quem achar que sim, por favor, tente fazê-lo na caixa de comentários.

NOTA: 30 segundos após ter feito o upload do vídeo, ele já estava bloqueado em 18 países. Não aguentou online nem 10 minutos. Mudei o vídeo do Youtube para o GoogleVideos, pode ser que se aguente mais tempo. Caso não consigam ver, podem fazer o pequeno download, aqui.